Repositório Digital

A- A A+

Diretrizes para a programação de recursos em obras de curto prazo

.

Diretrizes para a programação de recursos em obras de curto prazo

Mostrar registro completo

Estatísticas

Título Diretrizes para a programação de recursos em obras de curto prazo
Autor Krawczyk Filho, Mario
Orientador Formoso, Carlos Torres
Co-orientador Bernardes, Mauricio Moreira e Silva
Data 2003
Nível Mestrado profissional
Instituição Universidade Federal do Rio Grande do Sul. Escola de Engenharia. Curso de Mestrado Profissional em Engenharia.
Assunto Construção civil : Empresas
Gestão da produção
Planejamento e controle da produção
Resumo A programação de recursos da produção, realizada a partir do planejamento e controle da produção (PCP), quando ineficaz, pode gerar problemas relacionados à dilatação de prazo de execução da obra, ao desperdício de recursos materiais, à baixa produtividade de mão-de-obra e, por conseqüência, um sobrecusto em relação ao valor estimado para o empreendimento. Este trabalho consistiu na realização de um estudo empírico em uma empresa de construção, localizada em Porto Alegre-RS. O objetivo principal do estudo consiste em propor diretrizes para a programação de recursos, como parte do sistema de planejamento e o controle de produção, enfatizando obras de curto prazo. Como objetivo secundário, procurou-se adequar o modelo de PCP desenvolvido no NORIE/UFRGS para a execução de obras de curto prazo. O método de pesquisa foi dividido em três etapas. Inicialmente, conduziu-se um estudo exploratório com o objetivo de diagnosticar o sistema de programação de recursos e o PCP da empresa estudada. A segunda etapa envolveu a realização de um estudo empírico, utilizando a pesquisa-ação como estratégia de pesquisa, no qual foi implementado um sistema de PCP adequado para obras de curto prazo, focalizando a programação de recursos. Na terceira e última etapa do trabalho, foi efetuada uma avaliação da implantação do sistema de PCP e proposto um conjunto de diretrizes para a programação de recursos. Entre as principais conclusões deste estudo, constatou-se que, para a implantação de um sistema de programação de recursos, deve-se inicialmente padronizar e formalizar o processo de PCP, pautados na estratégia de produção adotada pela empresa, envolvendo decisões como, por exemplo, o tipo de relacionamento com os fornecedores, a forma de contratação de mão-de-obra e estrutura organizacional da obra. Além disso, observou-se que a implementação de um sistema de programação de recursos requer uma forte integração dos setores administrativo, financeiro e produção, de forma atender satisfatoriamente os requisitos dos clientes.
Tipo Dissertação
URI http://hdl.handle.net/10183/10123
Arquivos Descrição Formato
000517829.pdf (1.407Mb) Texto completo Adobe PDF Visualizar/abrir

Este item está licenciado na Creative Commons License

Este item aparece na(s) seguinte(s) coleção(ões)


Mostrar registro completo

Percorrer



  • O autor é titular dos direitos autorais dos documentos disponíveis neste repositório e é vedada, nos termos da lei, a comercialização de qualquer espécie sem sua autorização prévia.
    Projeto gráfico elaborado pelo Caixola - Clube de Criação Fabico/UFRGS Powered by DSpace software, Version 1.8.1.