Repositório Digital

A- A A+

Mulheres com câncer de mama em radioterapia : o que sabem sobre seu cuidado?

.

Mulheres com câncer de mama em radioterapia : o que sabem sobre seu cuidado?

Mostrar registro completo

Estatísticas

Título Mulheres com câncer de mama em radioterapia : o que sabem sobre seu cuidado?
Autor Garcia, Anelise Bassedas
Orientador Karl, Ivana de Souza
Data 2014
Nível Graduação
Instituição Universidade Federal do Rio Grande do Sul. Escola de Enfermagem. Curso de Enfermagem.
Assunto Neoplasias da mama
Radioterapia
Saúde da mulher
[en] Breast neoplasms
[en] Enfermería oncológica
[en] Neoplasia de la mama
[en] Oncology nursing
[en] Radioterapia
[en] Radiotherapy
Resumo O câncer de mama é a neoplasia maligna mais incidente na população feminina. A radioterapia, quando aliada a outras terapêuticas, como a cirurgia, tem por finalidade eliminar lesões microscópicas não extirpadas pelo procedimento cirúrgico e reduzir o risco de recidiva local. O autocuidado, durante a radioterapia, é uma maneira de evitar possíveis complicações do tratamento, melhorando a qualidade de vida das pacientes. O presente estudo objetivou verificar o conhecimento das mulheres com câncer de mama em radioterapia sobre seu autocuidado. Foi utilizada abordagem qualitativa e método descritivo exploratório. A coleta de informações foi realizada no Setor de Radioterapia Ambulatorial do Hospital de Clínicas de Porto Alegre (HCPA), por meio de entrevistas semi-estruturadas. Participaram do estudo mulheres portadoras de câncer de mama e em radioterapia, a amostra foi composta por 20 mulheres e se deu por conveniência. A análise das informações foi feita utilizando a técnica de análise de conteúdo conforme Bardin. Após audições das entrevistas e leitura das transcrições, foram obtidas três categorias: conhecendo o autocuidado da mulher com câncer de mama em radioterapia, consulta de enfermagem em radioterapia e apoio da família durante a radioterapia e, dessas emergiram cinco subcategorias: cuidados com a mama durante a radioterapia, cuidados com a alimentação e ingesta de líquidos durante a radioterapia, fadiga durante a radioterapia, mitos antes da consulta de enfermagem e desmistificações após a consulta de enfermagem. Em termos conclusivos, destaca-se que as mulheres compreendem a necessidade do autocuidado associando à redução de efeitos colaterais, durante o tratamento. O conhecimento sobre a forma adequada de se cuidar e a realização dos cuidados ainda são deficientes. Dessa forma, recomenda-se a necessidade de estudos posteriores, de implantação de grupo de convivência com mulheres com câncer de mama em radioterapia, de aumento no número de consultas de enfermagem e abordagem específica, visando à complexidade da paciente em tratamento.
Abstract Breast cancer is the most frequent malignancy in the female population. Radiation therapy, when combined with other therapies such as surgery, aims to eliminate microscopic lesions not excised by surgery and reduce the risk of local recurrence. The self-care during radiotherapy is a way to avoid potential complications of treatment, improving the quality of life of patients. The present study aimed to verify knowledge of women with breast cancer radiotherapy on self-care. Qualitative approach and descriptive exploratory method was used. Data collection was performed at the Radiotherapy Outpatient Hospital de Clinics de Porto Alegre (HCPA), through semi-structured interviews. The study included women with breast cancer and radiotherapy; the sample consisted of 20 women and gave himself for convenience. Information analysis was performed using the technique of content analysis according to Bardin. After hearing the reading of the transcripts and interviews, three categories were obtained: understanding self-care of women with breast cancer radiotherapy, nursing consultation in radiation therapy and family support during radiotherapy, and these were five subcategories: care for breast radiotherapy, nutritional care and fluid intake during radiotherapy, fatigue during radiotherapy, myths before nursing consultation and after debunking the nursing consultation. In conclusive terms, it is highlighted that women understand the need for self-care involving the reduction of side effects during treatment. Knowledge about the proper way to care for and realization of care are still disabled. Thus, it is recommended the need for further studies, deployment support group with women with breast cancer radiotherapy, increasing the number of nursing visits and specific approach, aiming to the complexity of patient treatment.
Resumen El cáncer de mama es la neoplasia maligna más frecuente en la población femenina. La radioterapia, cuando se combina con otros tratamientos, como la cirugía, tiene como objetivo eliminar las lesiones microscópicas no extirpados mediante cirugía y reducir el riesgo de recurrencia local. El autocuidado durante la radioterapia, es una manera de evitar las posibles complicaciones del tratamiento, la mejora de la calidad de vida de los pacientes. El presente estudio tuvo como objetivo verificar el conocimiento de las mujeres con la radioterapia de cáncer de mama en el autocuidado. Se utilizó el enfoque cualitativo y el método exploratorio descriptivo. La recolección de datos se llevó a cabo en la radioterapia para pacientes externos del Hospital de Clínicas de Porto Alegre (HCPA), a través de entrevistas semi-estructuradas. El estudio incluyó a mujeres con cáncer de mama y la radioterapia, la muestra estuvo conformada por 20 mujeres y se entregó por conveniencia. Se realizó el análisis de información mediante la técnica de análisis de contenido según Bardin. Después de escuchar la lectura de las transcripciones y las entrevistas, se obtuvieron tres categorías: la comprensión de la auto-cuidado de las mujeres con la radioterapia del cáncer de mama, consulta de enfermería en la terapia de radiación y el apoyo familiar durante la radioterapia, y estas eran cinco subcategorías: el cuidado de mama la radioterapia, la atención nutricional y la ingesta de líquidos durante la radioterapia, la fatiga durante la radioterapia, los mitos antes de la consulta de enfermería y después de desacreditar la consulta de enfermería. En términos concluyentes, se destaca que las mujeres entiendan la necesidad de auto-cuidado que implica la reducción de efectos secundarios durante el tratamiento. El conocimiento acerca de la forma correcta de cuidar y realización de la atención sigue incapacitado. Por lo tanto, se recomienda la necesidad de realizar más estudios, grupo de apoyo para la implementación con las mujeres con la radioterapia del cáncer de mama, el aumento del número de consultas de enfermería y un enfoque específico, con el objetivo de la complejidad del tratamiento del paciente.
Tipo Trabalho de conclusão de graduação
URI http://hdl.handle.net/10183/101256
Arquivos Descrição Formato
000931362.pdf (698.5Kb) Texto completo Adobe PDF Visualizar/abrir

Este item está licenciado na Creative Commons License

Este item aparece na(s) seguinte(s) coleção(ões)


Mostrar registro completo

Percorrer



  • O autor é titular dos direitos autorais dos documentos disponíveis neste repositório e é vedada, nos termos da lei, a comercialização de qualquer espécie sem sua autorização prévia.
    Projeto gráfico elaborado pelo Caixola - Clube de Criação Fabico/UFRGS Powered by DSpace software, Version 1.8.1.