Repositório Digital

A- A A+

Cidade e universidade : arquitetura e configuração urbana do Campus Centro da UFRGS

.

Cidade e universidade : arquitetura e configuração urbana do Campus Centro da UFRGS

Mostrar registro completo

Estatísticas

Título Cidade e universidade : arquitetura e configuração urbana do Campus Centro da UFRGS
Autor Tonioli, Renata Manara
Orientador Abreu Filho, Silvio Belmonte de
Data 2014
Nível Mestrado
Instituição Universidade Federal do Rio Grande do Sul. Faculdade de Arquitetura. Programa de Pesquisa e Pós-Graduação em Arquitetura.
Assunto Campus Centro da UFRGS (Porto Alegre, RS)
Campus universitario
Configuração urbana
Edificações
História da arquitetura
[en] Federal University of Rio Grande do Sul, Porto Alegre
[en] University campus
Resumo A Universidade Federal do Rio Grande do Sul (UFRGS) possui sua estrutura física, em Porto Alegre, organizada em quatro campi: Campus Centro, Campus Saúde, Campus Olímpico e Campus do Vale. Núcleo original da instituição, o Campus Centro se localiza em região central da cidade e é composto por dois quarteirões contíguos. Com a forma de um polígono, o campus possui um conjunto edificado heterogêneo formado por prédios construídos entre os anos de 1898 e 2013. Antes mesmo de serem agrupadas para formar a Universidade de Porto Alegre (UPA) em 1934, as escolas autônomas de ensino superior de espírito positivista fundadas no final do século XIX já possuíam suas sedes implantadas nos dois quarteirões. Federalizada em 1951, a UFRGS ali mantém prédios de importantes unidades de ensino, além da sede da instituição. O conjunto edificado reúne exemplares com características das arquiteturas eclética e modernista, reconhecidos como patrimônio cultural a nível institucional, nos âmbitos municipal, estadual e nacional. A configuração do campus possui relação direta com a evolução urbana da cidade, respondendo aos diversos processos de constituição de sua estrutura urbana e suas circunstâncias históricas, socioeconômicas e ambientais. Quando os primeiros edifícios foram construídos, por volta de 1900, o núcleo urbano de Porto Alegre se restringia à ponta da península, e a região do campus apresentava-se como um descampado, fora dos limites da cidade. Com o crescimento e desenvolvimento da cidade, o núcleo urbano sofreu grande expansão, e a área antes periférica, poucas décadas depois já fazia parte do conturbado centro da capital. A presente dissertação pretende investigar a origem e o desenvolvimento do Campus Centro da UFRGS, assunto que até o presente momento não possui estudos consistentes. Abordando tanto as questões de configuração urbana relacionadas ao espaço dos dois quarteirões do Campus Centro quanto as questões específicas relativas à arquitetura das edificações e do espaço aberto que os compõe, o estudo busca contribuir para a documentação e o conhecimento do tema.
Abstract The Federal University of Rio Grande do Sul (UFRGS) has, in Porto Alegre, a multi campi structure composed of the Downtown Campus, Health Campus, Olympic Campus and Valley Campus. UFRGS Downtown Campus, which is the foundational core of the institution, is located in Porto Alegre’s central district and is composed by two contiguous city blocks. Conformed like a polygon, the campus is composed by an heterogeneous set of buildings made between 1898 and 2013. Even before being assembled to create Porto Alegre University (UPA) in 1934, 19th century positivism orientated autonomous colleges were already located over these blocks. After its federalization on 1951, UFRGS still holds several important faculty buildings there, other than its head offices. The set of buildings on the Downtown Campus is composed by exemplars with features of the eclectic and modernist architectures, recognized as cultural heritage institutional, at municipal, state and national levels. Campus configuration holds close relation with city’s urban development, responding to distinct processes of its urban structure generation and historical, socioeconomical and environmental circumstances. When the first colleges where built, around 1900, Porto Alegre’s urban area was restricted to the peninsula’s site, and the university blocks where part of an unoccupied zone outside city limits. With city’s growth and development, the urban core has undergone extensive expansion and the area, once peripheral region, some decades later was part of the troubled center of the capital. This work aims to deal with the origin and development of the Central Campus of UFRGS, subject until now has no consistent studies. Addressing both the issues of urban configuration related to space two city blocks as the specific issues relating to the architecture of the buildings and the open space, the study seeks to contribute to the documentation and knowledge of the topic.
Tipo Dissertação
URI http://hdl.handle.net/10183/101861
Arquivos Descrição Formato
000931052.pdf (14.43Mb) Texto completo Adobe PDF Visualizar/abrir

Este item está licenciado na Creative Commons License

Este item aparece na(s) seguinte(s) coleção(ões)


Mostrar registro completo

Percorrer



  • O autor é titular dos direitos autorais dos documentos disponíveis neste repositório e é vedada, nos termos da lei, a comercialização de qualquer espécie sem sua autorização prévia.
    Projeto gráfico elaborado pelo Caixola - Clube de Criação Fabico/UFRGS Powered by DSpace software, Version 1.8.1.