Repositório Digital

A- A A+

Que Timor é este na literatura de Luís Cardoso?

.

Que Timor é este na literatura de Luís Cardoso?

Mostrar registro completo

Estatísticas

Título Que Timor é este na literatura de Luís Cardoso?
Autor Ferreira, Priscilla de Oliveira
Orientador Tutikian, Jane Fraga
Data 2014
Nível Doutorado
Instituição Universidade Federal do Rio Grande do Sul. Instituto de Letras. Programa de Pós-Graduação em Letras.
Assunto Cardoso, Luís 1958-.
Literatura e História
Literatura timorense
Romance
Timor Leste
[en] East Timor
[en] History of Timor-Leste
[en] Timorese culture
[en] Timorese literature
Resumo O escritor timorense Luís Cardoso reconta, a partir de sua obra, os principais acontecimentos históricos de Timor-Leste. Em seus romances, aborda também o drama dos exilados (condição que conhece bem, por viver longe de sua terra natal desde 1974) e insere ainda em suas narrativas diversos elementos identitários, culturais e tradicionais do seu país. Esta tese estuda os cinco livros do autor publicados até o momento – a trilogia Crónica de uma Travessia (1997), Olhos de Coruja, Olhos de Gato Bravo (2001) e A Última Morte do Coronel Santiago (2003); Requiem para o Navegador Solitário (2007) e O ano em que Pigafetta completou a circum-navegação (2013) – e analisa como se dá o diálogo entre história e literatura; bem como quem são os personagens que construíram esta jovem nação. Cardoso revisita o passado e ilumina pontos obscuros da história timorense, escolhe como protagonistas aqueles que nem sempre receberam destaque nas versões oficiais. A história do país, em seus romances, serve como ponto de partida para reflexões sobre o futuro da jovem nação. Seus textos são dialógicos e intertextuais, repletos de referências múltiplas, sejam literárias, musicais ou mesmo cinematográficas. Através de seus romances, os leitores são convidados a vivenciar as crenças e tradições do Timor-Leste, onde a força dos espíritos ancestrais faz parte das experiências de vida dos seus cidadãos. A riqueza de sua obra está justamente no diálogo entre os dois mundos: o tradicional e o moderno, o passado e o futuro, o ontem e o hoje.
Abstract Timorese writer Luís Cardoso retells, from his work, the major historical events of East Timor. In his novels, he adresses the drama of the exiles (condition he knows well, by living away from his homeland since 1974) and he also inserts in his narratives several identity, cultural and traditional elements of his country. This thesis studies the author’s five books published so far – the trilogy Crónica de uma Travessia (1997), Olhos de Coruja, Olhos de Gato Bravo (2001) and A Última Morte do Coronel Santiago (2003); Requiem para o Navegador Solitário (2007) and O ano em que Pigafetta completou a circumnavegação (2013) – and analyzes how the dialogue between history and literature occurs; as well as who are the characters who have built this young nation. Cardoso revisits the past and illuminates dark corners of Timorese history, chossing as protagonists those who have not always been emblazoned on the official versions. The country's history, in his novels, serves as a starting point for discussions on the future of the young nation. His texts are dialogical and intertextual, filled with multiple references, whether literary, musical or even cinematographic. Through his novels, readers are invited to experience the beliefs and traditions of East Timor, where the strength of the ancestral spirits is part of its citizens’ life experiences. The richness of his work lies precisely in the dialogue between the two worlds: the traditional and the modern, the past and the future, yesterday and today.
Tipo Tese
URI http://hdl.handle.net/10183/102210
Arquivos Descrição Formato
000929991.pdf (1.697Mb) Texto completo Adobe PDF Visualizar/abrir

Este item está licenciado na Creative Commons License

Este item aparece na(s) seguinte(s) coleção(ões)


Mostrar registro completo

Percorrer



  • O autor é titular dos direitos autorais dos documentos disponíveis neste repositório e é vedada, nos termos da lei, a comercialização de qualquer espécie sem sua autorização prévia.
    Projeto gráfico elaborado pelo Caixola - Clube de Criação Fabico/UFRGS Powered by DSpace software, Version 1.8.1.