Repositório Digital

A- A A+

Alteração de cor de resinas compostas imersas em soluções corantes e submetidas a clareamento

.

Alteração de cor de resinas compostas imersas em soluções corantes e submetidas a clareamento

Mostrar registro completo

Estatísticas

Título Alteração de cor de resinas compostas imersas em soluções corantes e submetidas a clareamento
Outro título Color change of composite resins immersed in dye solutions and subjected to bleaching
Autor Wegner, Éverton Adriano
Orientador Rolla, Juliana Nunes
Data 2013
Nível Graduação
Instituição Universidade Federal do Rio Grande do Sul. Faculdade de Odontologia. Curso de Odontologia.
Assunto Clareamento dental
Estetica dentaria
Materiais odontologicos : Avaliacao
Resinas compostas
[en] Composite resins
[en] Staining
[en] Teeth whitening
Resumo O presente estudo tem como objetivo avaliar a alteração de cor de três marcas comerciais de resina composta (Empress Direct/Ivoclar Vivadent; Filtek Z350 XT/3M-ESPE; Opallis/FGM) após imersão em soluções corantes e, posteriormente, após serem submetidas ao processo de clareamento com peróxido de hidrogênio a 35% (Whiteness HP/FGM). Foram confeccionados 40 corpos de prova cilíndricos (6 x 2.2 mm) de cada resina, os quais foram divididos em 4 grupos e imersos nas respectivas soluções pigmentantes (café, clorexidina e vinho) e em água destilada (grupo controle) (n=10) por 15 dias. Posteriormente, metade dos espécimes previamente imersos nas substâncias corantes (n=5) foi submetida ao clareamento. A cor dos corpos de prova foi mensurada antes e após as imersões nas soluções corantes e após o procedimento de clareamento por meio de um espectrofotômetro, que expressa a cor nos termos da Commission Internationale de L`Eclairage (CIE Lab). Para a análise dos dados foram utilizados os testes de Kruskal-wallis, Mann-Whitney, Wilcoxon e t-Student. Após 15 dias de imersão nas soluções, as resinas que apresentaram maior alteração de cor foram Empress Direct (nanohíbrida) e Filtek Z350 XT (nanoparticulada), diferindo significativamente da Opallis (microhíbrida). Quando as soluções foram observadas, percebeu-se que o vinho e o café causaram uma pigmentação significativamente maior do que a clorexidina e o grupo controle (água), os quais não apresentaram diferença estatisticamente significativa entre si. O Peróxido de Hidrogênio provocou clareamento nas resinas que haviam sido imersas no café e no vinho, sendo estatisticamente significativo (p<0.05). A estabilidade da cor das resinas compostas foi influenciada pela composição do material e pela solução de imersão. O peróxido de hidrogênio a 35% provocou clareamento nas resinas após terem sido pigmentadas, entretanto estas não voltaram ao estágio de coloração inicial.
Abstract The purpose of this study was to evaluate the color change of composite resins of three brands (Empress Direct/Ivoclar Vivadent; Filtek Z350 XT/3M-ESPE; Opallis/FGM) after immersions in dye solutions and posteriorly after be subjected to the process of the office bleaching with hydrogen peroxide at 35% (Whiteness HP/FGM). Were made 40 cylindrical specimens (6 x 2.2 mm) from each resin, and then were divided into 4 groups and immersed in the respective solutions pigments (coffee, wine and chlorhexidine) and distilled water (control group) (n=10) for 15 days. Posteriorly, half of the specimens previously immersed in the solutions (n=5) were subjected to bleaching. The color of the samples was measured before and after immersions in the dye solutions and after the bleaching process using a spectrophotometer, which expresses color in terms of Commission Internationale de L'Eclairage (CIE Lab). The data analysis was performed using the Kruskal-wallis, Mann-Whitney, Wilcoxon and t-Student tests. After 15 days of immersion in solutions, the resins with higher color change were Empress Direct (nanohybrid) and Filtek Z350 XT (nanoparticulate), differing significantly from Opallis (microhybrid). When the solutions were observed, it was noted that wine and coffee caused significantly greater pigmentation than the chlorhexidine and the control group (water), which showed no statistically significant difference between them. The hydrogen peroxide caused bleaching in resins which had been immersed in coffee and wine, being statistically significant (p<0,05). The color stability of the composites was influenced by the composition of the material and substance of immersion. The hydrogen peroxide at 35% caused bleaching in the resins after pigmentations. However, they didn’t return to the level of initial color.
Tipo Trabalho de conclusão de graduação
URI http://hdl.handle.net/10183/102473
Arquivos Descrição Formato
000935801.pdf (968.1Kb) Texto completo Adobe PDF Visualizar/abrir

Este item está licenciado na Creative Commons License

Este item aparece na(s) seguinte(s) coleção(ões)


Mostrar registro completo

Percorrer



  • O autor é titular dos direitos autorais dos documentos disponíveis neste repositório e é vedada, nos termos da lei, a comercialização de qualquer espécie sem sua autorização prévia.
    Projeto gráfico elaborado pelo Caixola - Clube de Criação Fabico/UFRGS Powered by DSpace software, Version 1.8.1.