Repositório Digital

A- A A+

Avaliação da oferta e uso de serviços odontológicos públicos e o impacto das equipes de saúde bucal da estratégia saúde da família no aumento da produção ambulatorial nos municípios brasileiros entre 1999 e 2011

.

Avaliação da oferta e uso de serviços odontológicos públicos e o impacto das equipes de saúde bucal da estratégia saúde da família no aumento da produção ambulatorial nos municípios brasileiros entre 1999 e 2011

Mostrar registro completo

Estatísticas

Título Avaliação da oferta e uso de serviços odontológicos públicos e o impacto das equipes de saúde bucal da estratégia saúde da família no aumento da produção ambulatorial nos municípios brasileiros entre 1999 e 2011
Autor Corrêa, Gabriel Trevizan
Orientador Celeste, Roger Keller
Data 2013
Nível Mestrado
Instituição Universidade Federal do Rio Grande do Sul. Faculdade de Odontologia. Programa de Pós-Graduação em Odontologia.
Assunto Atenção primária à saúde
Saúde da família
[en] Family health program
[en] Health facility planning
[en] Oral health services
[en] Primary health care
[en] Public health dentistry
[en] Quality, access and evaluation of health care
Resumo Em 2001, as equipes de Saúde Bucal passaram a ser incorporadas à Estratégia Saúde da Família no Brasil, aumentando progressivamente a sua quantidade ao longo dos anos. Além disso, estudos têm demonstrado melhora no acesso da população aos serviços odontológicos. Entretanto, a relação entre oferta e uso de serviços de saúde não está bem esclarecida. O objetivo deste trabalho é descrever e analisar a associação entre a cobertura de equipes de saúde bucal da Estratégia Saúde da Família (ESB/ESF) e o uso de serviços odontológicos públicos nos municípios brasileiros de 1999 a 2011. É um estudo ecológico longitudinal, cuja amostra contou com todos os 5507 municípios brasileiros. Foram utilizados dados secundários oriundos principalmente do DATASUS, e procedeu-se à análise multivariada de regressão logística. Observou-se que 85% dos municípios possuíam ESB/ESF em 2011 e houve aumentos nas taxas de recursos físicos, humanos e financeiros. A produção odontológica aumentou 49,5% no período. Os municípios que incorporaram >3 ESB/10mil habitantes tiveram mais chances de aumentar as taxas de procedimentos coletivos (OR=1.61, IC95%: 1.23-2,11), preventivos (OR=2.05, IC95%: 1.56-2,69), restauradores (OR=2.07, IC95%: 1.58-2,71), e de extração (OR=1.53, IC95%: 1.19-1.97), após controle por fatores sócio-demográficos e relacionados à variação de recursos físicos, humanos e financeiros. Conclui-se que a incorporação de ESB à Saúde da Família parece mais eficiente para o aumento do acesso da população aos serviços odontológicos.
Abstract In 2001, the oral health teams began to be incorporated into the Family Health Strategy in Brazil, progressively increasing its amount over the years. Furthermore, studies have shown improvement in the population's access to dental services. However, the relationship between supply and use of health services is not well established. The objective of this study is to describe and analyze the association between coverage of oral health teams of the Family Health Strategy (OHT) and the use of dental services in Brazilian municipalities from 1999 to 2011. It is a longitudinal ecological study, whose sample included all 5507 municipalities. Data were collated from information systems and analyzed with logistic regression for the increase in rates of dental procedures. Secondary data were derived from information systems, and proceeded to the multivariate logistic regression analysis. It was observed that 85 % of municipalities had OHT in 2011 and there were increases in the rates of equipments, human and financial resources. The rates of dental procedures increased 49.5% in the period. Municipalities that incorporated >3 OHT/10 thousands inhabitants were more likely to increase rates of collective procedures (OR=1.61, 95% CI: 1.23-2,11) , preventive (OR=2.05, 95% CI: 1.56-2,69 ) restorations (OR=2.07, 95% CI: 1.58-2,71), and extractions (OR=1:53, 95% CI: 1.19-1.97) after adjusting for socio-demographic factors and increased in equipments, human and financial resources. It is concluded that the incorporation of OHTs are a more efficient way to increase the population's access to dental services.
Tipo Dissertação
URI http://hdl.handle.net/10183/102478
Arquivos Descrição Formato
000917867.pdf (1.412Mb) Texto completo Adobe PDF Visualizar/abrir

Este item está licenciado na Creative Commons License

Este item aparece na(s) seguinte(s) coleção(ões)


Mostrar registro completo

Percorrer



  • O autor é titular dos direitos autorais dos documentos disponíveis neste repositório e é vedada, nos termos da lei, a comercialização de qualquer espécie sem sua autorização prévia.
    Projeto gráfico elaborado pelo Caixola - Clube de Criação Fabico/UFRGS Powered by DSpace software, Version 1.8.1.