Repositório Digital

A- A A+

Prevalência das maloclusões em adolescentes e adultos jovens do interior de Uruguai no primeiro levantamento nacional de saúde bucal 2010-2011

.

Prevalência das maloclusões em adolescentes e adultos jovens do interior de Uruguai no primeiro levantamento nacional de saúde bucal 2010-2011

Mostrar registro completo

Estatísticas

Título Prevalência das maloclusões em adolescentes e adultos jovens do interior de Uruguai no primeiro levantamento nacional de saúde bucal 2010-2011
Autor Ourens, Mariana
Orientador Celeste, Roger Keller
Co-orientador Lorenzo, Susana
Data 2013
Nível Mestrado
Instituição Universidade Federal do Rio Grande do Sul. Faculdade de Odontologia. Programa de Pós-Graduação em Odontologia.
Assunto Má oclusão
[en] Adolescents
[en] Malocclusions
[en] Prevalence
Resumo Objetivos: Determinar a prevalência das maloclusões, sua gravidade e necessidade de tratamento em adolescentes e adultos jovens entre 15 e 24 anos de idade do interior do Uruguai e sua associação com variáveis demográficas, sociais e de qualidade de vida e alguns indicadores de risco. Métodos: Foi realizado um estudo transversal com dados da "Primeira Pesquisa Nacional de Saúde Bucal da população jovem e adulta uruguaia", realizada entre 2010 e 2011. 438 pessoas foram examinadas. Análise estatística: As diferenças na prevalência de maloclusões entre as categorias de co- variáveis foram testadas com o teste do qui-quadrado para heterogeneidade com linearização de Taylor. Resultados: A prevalência das maloclusões foi de 33,8% no período. Maloclusões mostraram associação com qualidade de vida. Conclusões: Os resultados deste estudo são os primeiros realizados com uma amostra representativa dessa população e, portanto, de interesse para os gestores de saúde pública e outros pesquisadores no campo.
Abstract Objectives: Determine the prevalence of malocclusion, their severity and need for treatment in adolescents and young adults between 15 and 24 years of age outside the capital of Uruguay and its association with social demographic and quality of life variables, and risk indicators Methods: A cross sectional study was performed using data from the "First National Survey of Oral Health in young and adult Uruguayan population" conducted between 2010 and 2011. It was examined 438 people. Statistical analysis: The differences in prevalence of malocclusion among categories of covariates were tested with the chi-square test for heterogeneity with Taylor linearization. Results: The prevalence of malocclusion was 33,8 % in the period. Malocclusions showed association with quality of life. Conclusions: The results of this study are the first ones conducted with a representative sample in this population and therefore of interest for public health managers and other researchers in the field.
Tipo Dissertação
URI http://hdl.handle.net/10183/102485
Arquivos Descrição Formato
000930342.pdf (1.131Mb) Texto completo Adobe PDF Visualizar/abrir

Este item está licenciado na Creative Commons License

Este item aparece na(s) seguinte(s) coleção(ões)


Mostrar registro completo

Percorrer



  • O autor é titular dos direitos autorais dos documentos disponíveis neste repositório e é vedada, nos termos da lei, a comercialização de qualquer espécie sem sua autorização prévia.
    Projeto gráfico elaborado pelo Caixola - Clube de Criação Fabico/UFRGS Powered by DSpace software, Version 1.8.1.