Repositório Digital

A- A A+

Necessidade de tratamento odontológico autopercebida e normativa em indivíduos de três distritos sanitários de Porto Alegre/RS

.

Necessidade de tratamento odontológico autopercebida e normativa em indivíduos de três distritos sanitários de Porto Alegre/RS

Mostrar registro completo

Estatísticas

Título Necessidade de tratamento odontológico autopercebida e normativa em indivíduos de três distritos sanitários de Porto Alegre/RS
Outro título Self-perceived need for dental treatment of individuals in three health districts of Porto Alegre / RS
Autor Jahnke, Maiara Mundstock
Ponte, Monique Estér
Orientador Abegg, Claídes
Data 2011
Nível Graduação
Instituição Universidade Federal do Rio Grande do Sul. Faculdade de Odontologia. Curso de Odontologia.
Assunto Odontologia preventiva
Odontologia social
[en] Need for treatment
[en] Oral health
[en] Self-perception
Resumo Nos últimos anos tem-se dado ênfase ao enfoque social para a decisão das necessidades de tratamento levando-se em consideração a percepção dos indivíduos. O objetivo deste estudo é verificar o nível de concordância entre necessidade de tratamento odontológico normativa e necessidade de tratamento odontológico autopercebida em indivíduos de 50 a 74. Também se objetivou analisar a associação entre variáveis sociodemográficas e necessidade de tratamento normativa e autopercebida. Trata-se de um estudo transversal de base populacional realizado em três distritos sanitários de Porto Alegre/RS. A amostra foi de múltiplos estágios. A coleta de dados foi realizada por duplas compostas por um examinador e um anotador, devidamente calibrados. A entrevista foi realizada no próprio domicílio do indivíduo participante da pesquisa, após a assinatura do Termo de Consentimento Livre e Esclarecido. Os dados foram digitados em uma base no programa Epi info 6.0 e posteriormente transferidos para o SPSS 16.0, para análise. Dos indivíduos entrevistados, 57,7% eram mulheres e 42,3% homens, 53,4% tinham entre 50 a 59 anos e 46,6% de 60 a 74 anos. Possuíam renda pessoal de um salário mínimo ou mais 68,5%. A escolaridade dos entrevistados era de seis anos ou mais para 477 (62,1%) indivíduos. Dos 720 indivíduos entrevistados e examinados, 582 (80,8%) relataram necessitar de tratamento odontológico e 490 (68,1%) apresentavam necessidade normativa de tratamento. Em relação ao nível de concordância entre a necessidade autopercebida e normativa, observou-se um Kappa de 0,86. Não se observou associação entre a necessidade de tratamento normativa e as variáveis socioeconômicas. A necessidade de tratamento auto percebida está relacionada ao sexo, em que homens relatam ter mais necessidade de tratamento do que as mulheres. Foi possível observar uma alta concordância entre a autopercepção de necessidade de tratamento e a necessidade normativa de tratamento.
Abstract In the last few years, a social approach for the decision of treatment needs has been emphasized, taking into account the perceptions of individuals. The objective of this study was to assess the level of agreement between normative treatment need and self-perceived treatment need in individuals aged 50 to 74 years. The study also aimed to investigate the association between sociodemographic variables and normative and self-perceived treatment need. This is a population-based cross-sectional study conducted in three health districts of Porto Alegre / RS. A multi stage random sample was used. Data collection was performed by pairs consisting of an examiner and a recorder, both calibrated. The interview was conducted in the house of the subjects, after signing the consent form. The data were entered into a database using the software Epi Info 6.0 and later transferred to SPSS 16.0 for analysis. From the individuals interviewed, 57.7% were women and 42.3% were male, 53.4% were aged 50 to 59 years and 46.6% had 60 to 74 years. As regards personal income, 68.5% earned a minimum wage or more. The education level of respondents was six years or more for 477 (62.1%) subjects. From the 720 individuals interviewed and examined, 582 (80.8%) said they needed dental treatment and 490 (68.1%) presented normative treatment need. There was a high level of agreement between self-perceived need and normative need, Kappa of 0.86. No association was found between normative treatment need and socioeconomic variables. The self-perceived treatment need was associated to sex, men reporting more treatment need than women. A high correlation between self-perceived and normative treatment need was observed.
Tipo Trabalho de conclusão de graduação
URI http://hdl.handle.net/10183/102672
Arquivos Descrição Formato
000828671.pdf (554.5Kb) Texto completo Adobe PDF Visualizar/abrir

Este item está licenciado na Creative Commons License

Este item aparece na(s) seguinte(s) coleção(ões)


Mostrar registro completo

Percorrer



  • O autor é titular dos direitos autorais dos documentos disponíveis neste repositório e é vedada, nos termos da lei, a comercialização de qualquer espécie sem sua autorização prévia.
    Projeto gráfico elaborado pelo Caixola - Clube de Criação Fabico/UFRGS Powered by DSpace software, Version 1.8.1.