Repositório Digital

A- A A+

Comportamento de bovinos em resposta à dinâmica de tipos funcionais em pastagem natural na Depressão Central - RS

.

Comportamento de bovinos em resposta à dinâmica de tipos funcionais em pastagem natural na Depressão Central - RS

Mostrar registro completo

Estatísticas

Título Comportamento de bovinos em resposta à dinâmica de tipos funcionais em pastagem natural na Depressão Central - RS
Outro título Beef cattle behavior as affected by dynamic functional types of a native pasture at the Depressão Central -RS region
Autor Santos, Betina Raquel Cunha dos
Orientador Saibro, Joao Carlos de
Data 2004
Nível Doutorado
Instituição Universidade Federal do Rio Grande do Sul. Faculdade de Agronomia. Programa de Pós-Graduação em Zootecnia.
Assunto Bovino
Comportamento animal
Pastagem natural
Planta forrageira
Resumo O presente estudo foi realizado na Estação Experimental Agronômica da Faculdade de Agronomia da Universidade Federal do Rio Grande do Sul, em duas fases. A primeira constou do desenvolvimento de uma metodologia de determinação de disponibilidade de forragem baseada na descrição de zonas homogêneas representativas da heterogeneidade da vegetação através de cortes de transectas e leituras com disco graduado. A segunda teve por objetivo descrever o comportamento alimentar e espacial de bovinos em pastejo, em função da dinâmica de tipos funcionais presentes na pastagem natural, definidos a partir da descrição de atributos morfológicos. Ambos os experimentos foram desenvolvidos em uma área de campo natural não modificado em regime rotativo, sendo que no primeiro foi adotado pastejo misto de bovinos e ovinos e nos demais períodos foram utilizados apenas bovinos. A carga foi ajustada de modo a manter uma oferta de forragem média de 12%. Os resultados obtidos, após a análise dos dados realizada através do programa Multiv, mostra no primeiro experimento que a metodologia proposta produziu resultados equivalentes aos obtidos pela método de dupla amostragem por avaliações visuais e cortes (P=0,88). Já em relação ao segundo experimento, foi possível verificar relações entre variações do comportamento dos animais e características da vegetação, sendo que os tempos de pastejo aumentam à medida que diminuem os tipos funcionais preferidos. Verificou-se também que a descrição da dinâmica da vegetação através de tipos funcionais formados a partir da descrição de atributos permite uma caracterização mais adequada do ambiente de pastejo do que a obtida somente a partir da identificação de espécies. Estas informações, permitem uma maior compreensão das relações planta-animal que ocorrem em sistemas de produção animal em pastagens, devendo, no entanto, ser reconduzidas em diferentes ambientes e situações a fim de proceder-se sua validação.
Abstract A two-phase field study was conducted at the Agronomy Research Station, Federal University of Rio Grande do Sul, in southern Brazil, from April 2000 to September 2003. The first study dealt with the development of a new methodology to evaluate forage availability based on the description of pasture functional types, by clipping short transects and using the disk meter. The second experiment was performed to describe the feeding and spatial behavior of beef cattle under grazing, according to the dynamics of the morphological functional types present in the pasture. Both trials were carried out on a nonmodified native pasture, under a rotational grazing system using either beef cattle + sheep (first study) or cattle only (second study). Stocking rate was adjusted to keep an average of 12% forage dry matter on offer. Statistical analyses were performed using the MULTIV software program. In the first study, no significant differences (P=0.88) were found between the proposed method and the traditional double-sampling technique using clipped and visual estimation of the available herbage. The second study showed a clear-cut relationship between animal behavior and vegetation characteristics, particularly indicating that grazing time is increased as the frequency of preferred functional types decreases, from the beginning to the end of the grazing season. In addition, it is also pointed out that a better understanding of the grazing environment is achieved when the morphologically characterized functional types are used, compared to the procedure of the simple identification of forage species in the pasture. The information provided here allows to a better knowledge of the dynamic interactions taking place at the plant-animal interface of pasture- based animal production systems; however, additional studies conducted under different environmental and native pasture conditions in Rio Grande do Sul are strongly suggested, as a way to validate results from this study
Tipo Tese
URI http://hdl.handle.net/10183/10387
Arquivos Descrição Formato
000596460.pdf (2.496Mb) Texto completo Adobe PDF Visualizar/abrir

Este item está licenciado na Creative Commons License

Este item aparece na(s) seguinte(s) coleção(ões)


Mostrar registro completo

Percorrer



  • O autor é titular dos direitos autorais dos documentos disponíveis neste repositório e é vedada, nos termos da lei, a comercialização de qualquer espécie sem sua autorização prévia.
    Projeto gráfico elaborado pelo Caixola - Clube de Criação Fabico/UFRGS Powered by DSpace software, Version 1.8.1.