Repositório Digital

A- A A+

Modelagem dos parâmetros cinéticos de multiplicação de Salmonella enteritidis SE86 em maionese caseira e práticas de preparo, estocagem e consumo desse alimento no Rio Grande do Sul

.

Modelagem dos parâmetros cinéticos de multiplicação de Salmonella enteritidis SE86 em maionese caseira e práticas de preparo, estocagem e consumo desse alimento no Rio Grande do Sul

Mostrar registro completo

Estatísticas

Título Modelagem dos parâmetros cinéticos de multiplicação de Salmonella enteritidis SE86 em maionese caseira e práticas de preparo, estocagem e consumo desse alimento no Rio Grande do Sul
Outro título Modeling growth kinetic parameters of Salmonella Enteritidis SE86 on homemade mayonnaise and practices of preparation, storage and consumption of this food at Rio Grande do Sul, southern Brazil
Autor Elias, Susana de Oliveira
Orientador Tondo, Eduardo Cesar
Co-orientador Sant'Ana, Anderson de Souza
Data 2014
Nível Mestrado
Instituição Universidade Federal do Rio Grande do Sul. Instituto de Ciências Básicas da Saúde. Programa de Pós-Graduação em Microbiologia Agrícola e do Ambiente.
Assunto Contaminação de alimentos : Maionese caseira
Hábitos alimentares
Microorganismos
Salmonella enteritidis
Valor preditivo dos testes
Resumo Uma cepa específica de Salmonella Enteritidis (SE86) tem sido iden-tificada como o principal agente etiológico responsável pela salmonelose, no Rio Grande do Sul (RS) e o principal alimento envolvido vem sendo a maionese caseira (MC). Assim, este estudo objetivou modelar a multiplicação de SE86 na MC e estudar as práticas de preparo, estocagem e consumo de MC no RS. SE86 foi inoculada na MC e armazenada a 7, 10, 15, 20, 25, 30 e 37°C. Curvas de multiplicação foram construídas utilizando-se o DMFit de Baranyi, gerando valores de R2 maiores que 0,98 para os modelos primários. Já o modelo se-cundário foi realizado por meio da equação de Ratkowsky, obtendo valores de R2 e RMSE de 0,99 e 0,016, respectivamente. Os dados experimentais mostraram que SE86 não se multiplicou na MC a 7°C, durante 30 dias, enquanto que a 37°C alcançou-se a dose infectante (106 UFC/g) em 6 h e a população final (109 UFC/g) em 13 h. As fases lag de SE86 na MC foram menores que as si-muladas nos modelos terciários, sugerindo que SE86 adapta-se rapidamente nesse alimento. Além disso, o questionário que avaliou as práticas adotadas por consumidores e manipuladores de MC demonstrou que a maioria dos en-trevistados apresentou um nível baixo de IPShp (índice de prevenção de surto harmônico ponderado), principalmente devido a falhas relacionadas ao binô-mio tempo e temperatura. Em suma, o modelo desenvolvido pode ser utilizado para prever a multiplicação de SE86 na MC em várias temperaturas e MC pode ser preparada se forem utilizados ovos seguros e mantendo-a abaixo de 7°C.
Abstract A specific strain of Salmonella Enteritidis (SE86) has been identified as the major etiological agent responsible for salmonellosis, in Rio Grande do Sul (RS) and the main food involved has been the homemade mayonnaise (HM). This study aimed to model growth of SE86 on HM and to analyze practic-es of preparation, storage and consumption of HM in RS. SE86 was inoculated on HM and stored at 7, 10, 15, 20, 25, 30 and 37°C. Growing curves were built by fitting data to the Baranyi’s DMFit, generating R2 values greater than 0.98 for primary models. Secondary model was fitted with Ratkowsky equation, generat-ing R2 and RMSE values of 0.99 and 0.016, respectively. Experimental data showed that SE86 did not grow on HM at 7°C, for 30 days, while at 37°C infec-tive dose (106 CFU) was reached at 6 h and final population (109 CFU/g) was attained at 13 h. Experimental data demonstrated smaller lag phases than those generated by tertiary models, suggesting that SE86 is well adapted for growing on HM. In addition, the questionnaire that assessed the practices adopted by HM consumers and handlers showed that the majority of respond-ents had a low level of IPShp (outbreak prevention weighted harmonic index), mainly due to failures related to the combination of time and temperature. In conclusion, the developed model can be used to predict growth of SE86 on HM under various temperatures and HM can be prepared if safe eggs were used and HM were stored below 7°C.
Tipo Dissertação
URI http://hdl.handle.net/10183/103946
Arquivos Descrição Formato
000937495.pdf (1.405Mb) Texto completo Adobe PDF Visualizar/abrir

Este item está licenciado na Creative Commons License

Este item aparece na(s) seguinte(s) coleção(ões)


Mostrar registro completo

Percorrer



  • O autor é titular dos direitos autorais dos documentos disponíveis neste repositório e é vedada, nos termos da lei, a comercialização de qualquer espécie sem sua autorização prévia.
    Projeto gráfico elaborado pelo Caixola - Clube de Criação Fabico/UFRGS Powered by DSpace software, Version 1.8.1.