Repositório Digital

A- A A+

O sujeito-ator e a música na constituição de si : uma perspectiva narrativo – biográfica

.

O sujeito-ator e a música na constituição de si : uma perspectiva narrativo – biográfica

Mostrar registro completo

Estatísticas

Título O sujeito-ator e a música na constituição de si : uma perspectiva narrativo – biográfica
Autor Rasslan, Simone Nogueira
Orientador Maffioletti, Leda de Albuquerque
Co-orientador Fischer, Rosa Maria Bueno
Data 2014
Nível Mestrado
Instituição Universidade Federal do Rio Grande do Sul. Faculdade de Educação. Programa de Pós-Graduação em Educação.
Assunto Formação
Música
Narrativa
Teatro
[en] Constitution of the self
[en] Music
[en] Narratives
[en] Theatrical education
Resumo O presente trabalho pretende compreender os modos de subjetivação pelos quais atores tornam-se sujeitos de sua prática musical. O material empírico desta pesquisa são as narrativas dos profissionais das artes cênicas que executam vocal e instrumentalmente as trilhas sonoras de seus espetáculos ao vivo. Foram obtidas, por meio de entrevistas, narrativas individuais com dois participantes e uma entrevista coletiva de seu grupo de trabalho. A abordagem teórica apoia-se nos fundamentos da pesquisa narrativa, principalmente no aporte de Jerome Bruner (2002; 2000) e nos estudos sobre discurso, saber e sujeito de Michel Foucault. A análise dos dados foi realizada com uma inspiração na perspectiva arqueológica foucaultiana, que entende o discurso como prática radicalmente histórica, inseparável das relações de poder, da produção de saber e da produção de sujeitos e subjetividades. As reflexões deste estudo permitiram compreender que a constituição musical do ator é condição inevitável para sua prática profissional; igualmente, que a subjetividade inscrita na apropriação da experiência musical, ao longo da vida, ocorre como cuidado de si e prática de si, e se torna fundamental para o aperfeiçoamento do ofício do ator e para a constituição de si mesmo.
Abstract This work intends to understand the modes of subjectivation through actors become subjects of their musical practice. The research’s empirical material is the narratives of the drama professionals who perform their plays’ soundtracks in live by using voice and instruments. Narratives were collected through individual narrative interviews with two participants and a collective interview with their work group. The theoretical approach is narrative inquiry fundamentals, particularly Jerome Bruner (2002; 2000) contribution and Michel Foucault studies of discourse, knowledge and subject. The data analysis was inspired by the foucauldian archaeological perspective, that considers discourse as a radically historic practice, inseparable of power relationship, knowledge production and production of subjects and subjectivities. Reflections from this study allowed comprehending that actor musical constitution is inescapable condition for his professional practice; that subjectivity registered in the musical experience appropriation along the life takes place like care of the self and practice of the self, and it becomes fundamental for the actor’s craft improvement and selfconstitution.
Tipo Dissertação
URI http://hdl.handle.net/10183/104492
Arquivos Descrição Formato
000940044.pdf (1.239Mb) Texto completo Adobe PDF Visualizar/abrir

Este item está licenciado na Creative Commons License

Este item aparece na(s) seguinte(s) coleção(ões)


Mostrar registro completo

Percorrer



  • O autor é titular dos direitos autorais dos documentos disponíveis neste repositório e é vedada, nos termos da lei, a comercialização de qualquer espécie sem sua autorização prévia.
    Projeto gráfico elaborado pelo Caixola - Clube de Criação Fabico/UFRGS Powered by DSpace software, Version 1.8.1.