Repositório Digital

A- A A+

Reflexões acerca da proletarização, da profissionalização e do trabalho docente : desafios à formação inicial dos professores

.

Reflexões acerca da proletarização, da profissionalização e do trabalho docente : desafios à formação inicial dos professores

Mostrar registro completo

Estatísticas

Título Reflexões acerca da proletarização, da profissionalização e do trabalho docente : desafios à formação inicial dos professores
Outro título Reflexiones sobre la proletarización de trabajo profesional y docente : retos para la formación inicial
Outro título Reflections on the proletarianization of professional and teaching work : challenges to initial teacher training
Autor Silva, Marlon André da
Wittizorecki, Elisandro Schultz
Resumo Neste texto discutimos a imagem social do trabalho docente relacionando-a as dificuldades e armadilhas presentes na questão da proletarização e da profissionalização do ofício de ensinar. Nesse sentido, dialogamos, principalmente, com Tardif e Lessard (2005), Contreras Domingo (1997) e Giroux (1987). As consequências da noção de profissionalização e proletarização do trabalho docente, frequentemente, são pouco exploradas na formação de professores e pelos próprios professores, fato que faz aumentar os percalços do cotidiano do professorado no contexto escolar. Entendemos o espaço do estágio curricular supervisionado como lócus privilegiado na formação inicial, para problematização e encaminhamentos dessas questões.
Abstract In this text we discussed the social image of the teaching work relating difficulties and traps present in the question of proletarianization and professionalization of the profession of the teaching. In this sense, the way we deal mainly with Tardif and Lessard (2005), Contreras Domingo (1997) and Giroux (1987). The consequences of the concept of professionalization and proletarianization of teaching often are little explored in training teachers and by teachers themselves, a fact that increases the mishaps of everyday life of teachers in the school context. We understand the space of curricular supervised as privileged locus, initial training, and referrals to problematize these issues.
Resumen En este trabajo se discute la imagen social de la enseñanza en relación con las dificultades y peligros en el presente número de la proletarización y la profesionalización de la enseñanza. En consecuencia, el diálogo principalmente con Tardif y Lessard (2005), Contreras Domingo (1997) y Giroux (1987). Las consecuencias del concepto de profesionalización y la proletarización de la enseñanza a menudo son poco explorados en la formación de los maestros y los propios, hecho que aumenta los contratiempos de la vida cotidiana de los docentes en el contexto escolar los profesores. Entendemos el espacio curricular supervisada como lugar privilegiado, la formación inicial, y referencias a problematizar estas cuestiones.
Contido em Revista Didática Sistêmica. Rio Grande: Universidade Federal do Rio Grande, 2013. Edição Especial (2013), p. 31 -42
Assunto Professor : Formação
Trabalho
[en] Initial training
[en] Professionalization
[en] Proletarianization
[en] Teacher work
[es] La formación inicial
[es] Profesionalización
[es] Proletarización
[es] Trabajo docente
Origem Nacional
Tipo Artigo de periódico
URI http://hdl.handle.net/10183/104940
Arquivos Descrição Formato
000912994.pdf (594.9Kb) Texto completo Adobe PDF Visualizar/abrir

Este item está licenciado na Creative Commons License

Este item aparece na(s) seguinte(s) coleção(ões)


Mostrar registro completo

Percorrer



  • O autor é titular dos direitos autorais dos documentos disponíveis neste repositório e é vedada, nos termos da lei, a comercialização de qualquer espécie sem sua autorização prévia.
    Projeto gráfico elaborado pelo Caixola - Clube de Criação Fabico/UFRGS Powered by DSpace software, Version 1.8.1.