Repositório Digital

A- A A+

Contrato subjetivo de educação total : a nova relação família-escola

.

Contrato subjetivo de educação total : a nova relação família-escola

Mostrar registro completo

Estatísticas

Título Contrato subjetivo de educação total : a nova relação família-escola
Autor Motta, Luis Carlos Peters
Orientador Virginio, Alexandre Silva
Data 2014
Nível Graduação
Instituição Universidade Federal do Rio Grande do Sul. Instituto de Filosofia e Ciências Humanas. Curso de Ciências Sociais: Bacharelado.
Assunto Relação família-escola
Socializacao primaria
[en] Primary socialization
[en] Relationship family-school
Resumo Este trabalho tem como tema de estudo as relações entre a escola e a família frente aos atuais processos de socialização. Tomamos como hipótese a existência de um contrato subjetivo entre as famílias e a escola. Nosso objetivo foi verificar se esse contrato está vigente e como este afeta os professores. A metodologia utilizada valeu-se de observações na escola particular em que trabalho há dezesseis anos, um questionário (“survey”), depoimentos e conversas informais. Tomando por base as categorias sociológicas propostas por Peter Berger e Thomas Luckman (2009), buscamos verificar, pelos depoimentos dados por alguns professores, indícios de que as famílias estão delegando em grande parte a socialização primaria para a escola. A análise dos dados revelou que é possível estarmos diante de um novo habitus, cujos efeitos são, entre outros, a sobrecarga de trabalho dos professores. Estes, afirmam que existe uma nova responsabilidade que lhes foi atribuída e vai além do limite de suas funções.
Abstract This work is the subject of study the relationship between school and family and is current processes of socialization. We hypothesized the existence of a subjective contract between families and the school. Our goal was to determine whether the contract is effective and how it affects teachers. The methodology drew on observations in the private school I work for sixteen years, a questionnaire (survey), testimonials and casual conversations. Based on sociological categories proposed by Peter Berger and Thomas Luckman (2009) we try to verify, by the testimonies given by some teachers, indications that families are delegating the primary socialization to school. Data analysis revealed that it is possible that we are facing a new habitus, whose effects are, among others, the workload of teachers. They claim that there is a new responsibility assigned to them and goes beyond the limits of their duties.
Tipo Trabalho de conclusão de graduação
URI http://hdl.handle.net/10183/105103
Arquivos Descrição Formato
000940758.pdf (367.6Kb) Texto completo Adobe PDF Visualizar/abrir

Este item está licenciado na Creative Commons License

Este item aparece na(s) seguinte(s) coleção(ões)


Mostrar registro completo

Percorrer



  • O autor é titular dos direitos autorais dos documentos disponíveis neste repositório e é vedada, nos termos da lei, a comercialização de qualquer espécie sem sua autorização prévia.
    Projeto gráfico elaborado pelo Caixola - Clube de Criação Fabico/UFRGS Powered by DSpace software, Version 1.8.1.