Repositório Digital

A- A A+

A utilização do método da unidade de esforço de produção como modelo de gestão de custos : o caso de uma empresa do ramo metalúrgico

.

A utilização do método da unidade de esforço de produção como modelo de gestão de custos : o caso de uma empresa do ramo metalúrgico

Mostrar registro completo

Estatísticas

Título A utilização do método da unidade de esforço de produção como modelo de gestão de custos : o caso de uma empresa do ramo metalúrgico
Autor Fadanelli, Vicente Gravina
Orientador Kliemann Neto, Francisco Jose
Data 2007
Nível Mestrado profissional
Instituição Universidade Federal do Rio Grande do Sul. Escola de Engenharia. Programa de Pós-Graduação em Engenharia de Produção.
Assunto Custo
Gestão da produção
Indústria metalúrgica
[en] Costs management
[en] Decision-making process
[en] Economic production management
[en] Production Effort Unit (UEP)
[en] Production systems
Resumo O mercado concorrencial vivido atualmente, principalmente após a abertura do mercado às importações tanto de bens de consumo, quanto de bens de capital, tem exigido das empresas nele estabelecidas a modernização de suas práticas de gestão. Percebe-se que existem esforços por parte destas empresas para a adoção de sistemas de produção mais modernos, tais como Sistema Toyota de Produção (STP), Planejamento dos Recursos de Manufatura (MRP II), Teoria das Restrições (TOC), que objetivam a melhoria de suas condições industriais nos quesitos qualidade, flexibilidade, custos, entrega e confiabilidade. Além disso, a dinâmica vivenciada atualmente, na qual o grau de exigência de inovação de produto e de processo são uma constante, tem tornado a gestão das empresas multiprodutoras mais complexa. Nota-se também que as informações necessárias para a gestão dos ambientes de manufatura têm se tornado peça-chave no sucesso ou fracasso das empresas inseridas neste contexto. Não há mais espaço para a tomada de decisões que não estejam embasadas nas melhores práticas administrativas. Percebe-se que tanto os sistemas de produção e suas práticas de gestão com seu enfoque voltado à parte operacional, quanto os sistemas de contabilidade de custos tradicional com seus objetivos fiscais, não satisfazem as necessidades inerentes à gestão econômica dos ambientes produtivos e das informações necessárias à tomada de decisão gerencial. Une-se a este fato a complexidade que os arranjos produtivos vêm adquirindo em função da diversidade de produtos exigida pelo mercado. Estes fatores criam um terreno fértil para a pesquisa de modelos de gestão econômica da produção voltados à simplificação destes modelos ao mesmo tempo que conferem aos gerentes decisões mais acuradas. O presente trabalho têm como objetivo modelar um sistema de gestão econômica de custos que permita o preenchimento da lacuna observada tanto nos sistemas de produção quanto nos sistemas de contabilidade de custos gerencial, através da adoção do método da Unidade de Esforço de Produção (UEP) aplicado a uma empresa do ramo metalúrgico de Caxias do Sul. Salienta-se que este modelo deve trabalhar em conjunto aos sistemas de produção e contabilidade, visando obter as medidas de desempenho tão necessárias à administração da produção e ao processo decisório.
Abstract The current competitive environment, mainly after the opening of Brazilian market to the importations of technology and manufactured products, has demanded the companies established on it, the modernization of management models. There are efforts by those companies to adopt modern production systems like Toyota Production System, Manufacturing Resources Planning and Theory of Constraints to improve the industrials conditions in the following items: quality, flexibility, costs, deliver and reliability. Moreover, the dynamics lived currently, in which the degree of process and product innovation is a constant, has become management of the multiproducing companies more complex. Also the necessary information for the management of manufacture environments have become part-key in the success or failure of the inserted companies in this context. There are no more chance for the decision making that are not based in best administrative practicals. Notice that as much as the systems of production and its management’s praticals with its approach directed to the operational view, how much as the tradicional systems of accounting with its fiscal objectives, do not satisfy the inherent necessities to the economic management of productive environments and the necessary information to taking managemental decisions. It is joined this fact that the complexity that the productive arrangements come acquiring in function of the diversity of products demanded by the market. These factors create a fertile land for the research of models of economic management of the production with the objective of simplyfing these models and, at the same time they confer more accurate decisions. The present work intend to model an economic costs management’s system that allows the fulfilling of the gap observed in the production systems as much in the accounting systems, through the adoption of the method of the of Production Effort Unit (UEP) applied to a company of the metallurgic activity in Caxias do Sul. This model must to work together with the production and accounting systems, aiming to get the so necessary measures of performance to the administration of the production and the decision-making process.
Tipo Dissertação
URI http://hdl.handle.net/10183/10613
Arquivos Descrição Formato
000599768.pdf (1.593Mb) Texto completo Adobe PDF Visualizar/abrir

Este item está licenciado na Creative Commons License

Este item aparece na(s) seguinte(s) coleção(ões)


Mostrar registro completo

Percorrer



  • O autor é titular dos direitos autorais dos documentos disponíveis neste repositório e é vedada, nos termos da lei, a comercialização de qualquer espécie sem sua autorização prévia.
    Projeto gráfico elaborado pelo Caixola - Clube de Criação Fabico/UFRGS Powered by DSpace software, Version 1.8.1.