Repositório Digital

A- A A+

Fatores associados aos desfechos clínicos com o uso de metilfenidato em adultos com transtorno de déficit de atenção/hiperatividade (TDAH)

.

Fatores associados aos desfechos clínicos com o uso de metilfenidato em adultos com transtorno de déficit de atenção/hiperatividade (TDAH)

Mostrar registro completo

Estatísticas

Título Fatores associados aos desfechos clínicos com o uso de metilfenidato em adultos com transtorno de déficit de atenção/hiperatividade (TDAH)
Autor Victor, Marcelo Moraes
Orientador Bau, Claiton Henrique Dotto
Data 2014
Nível Doutorado
Instituição Universidade Federal do Rio Grande do Sul. Faculdade de Medicina. Programa de Pós-Graduação em Ciências Médicas: Psiquiatria.
Assunto Adulto
Autorreferência médica
Metilfenidato
Transtorno do déficit de atenção com hiperatividade
[en] ADHD
[en] Adults
[en] Methylphenidate
[en] Predictors
[en] Remission
[en] Response
[es] Adultos
[es] Metilfenidato
[es] Predictores
[es] Remisión
[es] Respuesta
[es] TDAH
Resumo O Transtorno de Déficit de Atenção/Hiperatividade (TDAH) em adultos é comum e clinicamente relevante. É tratado principalmente através de estimulantes como o metilfenidato. Embora eficaz, há muita heterogeneidade na resposta ao metilfenidato. O objetivo deste estudo foi avaliar preditores da resposta e da remissão do transtorno após o uso de metilfenidato de liberação imediata por um curto período em uma amostra de adultos com TDAH (n=250). Os desfechos foram analisados através da variação na gravidade avaliada a partir dos escores de desatenção, hiperatividade/impulsividade e totais na escala SNAP-IV adaptada para adultos. Em um primeiro estudo, tendo como desfecho a variação quantitativa da gravidade destes sintomas, observou-se que o único fator associado a uma melhor resposta foram escores basais mais elevados nas subescalas e nos escores totais da SNAP-IV. Análises adicionais em uma subamostra (n=62) revelaram que a estabilização prévia das comorbidades não modificou o desfecho. Esta análise adicional também sugeriu que o fenômeno da regressão à média não parece ser relevante na explicação dos achados. No segundo estudo, que avaliou a remissão do TDAH de maneira categórica, três fatores mostraram-se significativamente associados a uma maior frequência de remissão: uma menor gravidade basal do transtorno, a condição de casado e a ausência do uso de outros psicofármacos no início do tratamento com metilfenidato. O conjunto de resultados sugere que, embora pacientes com elevados escores de gravidade apresentem boa resposta ao metilfenidato, eles também tem maior dificuldade em atingir a remissão propriamente dita, a qual é o objetivo maior do tratamento.
Abstract Attention Deficit/Hyperactivity Disorder (ADHD) in adults is common and clinically relevant. It is treated with stimulants such as methylphenidate. Although effective, there is high heterogeneity in the response to methylphenidate in these patients. The objective of this study was to evaluate, in a sample of adults with ADHD (n=250), predictors of response and remission after using immediate-release methylphenidate for a short period of time. Outcomes were analysed through the variation in severity scores of the SNAP-IV scale that was adapted to adults. Inattention and hyperactivity/impulsivity subscales and the total ADHD scores were evaluated. In a first study, the response to methylphenidate was analysed as a quantitative trait. We found that the only factors associated with a better response were higher baseline scores on the SNAP-IV subscales and total scores. Secondary analyses on a subsample of these patients (n=62) revealed that prior stabilization for other comorbidities did not change the results These additional analyses also suggested that the phenomenon of regression to the mean does not seem to be relevant in explaining the findings. In the second study, where ADHD remission was evaluated categorically, three factors were shown to significantly improve outcome: a lower baseline severity of the disorder, marital status, and the lack of use of other psychotropic drugs at initiation of treatment with methylphenidate. These sets of results suggests that although patients with high severity scores show better response to methylphenidate, they also have greater difficulty achieving remission itself, which is the primary goal of treatment.
Resumen El Trastorno de Déficit de Atención/Hiperactividad (TDAH) en adultos es común y clínicamente relevante. Se trata principalmente con los estimulantes como el metilfenidato, el medicamento más estudiado en adultos con TDAH. Aunque es muy eficaz, hay mucha heterogeneidad en la respuesta al metilfenidato en el TDAH en adultos. El objetivo principal de este estudio fue evaluar los predictores de respuesta y remisión de metilfenidato de liberación inmediata después de su uso durante un corto período en una muestra de adultos con TDAH (n=250). Los resultados se analizaron mediante la variación de la gravedad evaluada por marcadores de déficit de atención, hiperactividad/ impulsividad y la escala total de SNAP- IV adaptada para adultos. En un primer estudio, como fin de la variación cuantitativa se encontró que el único factor asociado con una mejor respuesta fueron las puntuaciones de referencia más altas en las subescalas de la SNAP- IV. Análisis adicionales revelaron que la estabilización previa para otras comorbilidades (n=62) no cambió el resultado. Este análisis adicional también sugirió que el fenómeno de regresión a la media no parece ser relevante para explicar los hallazgos. En el segundo estudio, que evaluó la remisión de TDAH categóricamente, tres factores fueron significativos: la menor severidad basal de la enfermedad, la condición del casado y la ausencia de uso de otras drogas psicotrópicas en el inicio del tratamiento con metilfenidato. El conjunto de los resultados sugiere que aunque los pacientes con puntuaciones de alta severidad muestran buena respuesta al metilfenidato, también tienen mayor dificultad para lograr remisión completa, que es el objetivo principal del tratamiento
Tipo Tese
URI http://hdl.handle.net/10183/106731
Arquivos Descrição Formato
000944290.pdf (1.107Mb) Texto parcial Adobe PDF Visualizar/abrir

Este item está licenciado na Creative Commons License

Este item aparece na(s) seguinte(s) coleção(ões)


Mostrar registro completo

Percorrer



  • O autor é titular dos direitos autorais dos documentos disponíveis neste repositório e é vedada, nos termos da lei, a comercialização de qualquer espécie sem sua autorização prévia.
    Projeto gráfico elaborado pelo Caixola - Clube de Criação Fabico/UFRGS Powered by DSpace software, Version 1.8.1.