Repositório Digital

A- A A+

Matéria orgânica e propriedades físicas de um argissolo amarelo coeso sob sistemas de manejo com cana-de-açucar

.

Matéria orgânica e propriedades físicas de um argissolo amarelo coeso sob sistemas de manejo com cana-de-açucar

Mostrar registro completo

Estatísticas

Título Matéria orgânica e propriedades físicas de um argissolo amarelo coeso sob sistemas de manejo com cana-de-açucar
Outro título Organic matter and physical properties of a Cohesive Yellow Argisol under different management systems with sugar cane
Autor Silva, Apolino José Nogueira da
Cabeda, Mario Sergio Vaz
Carvalho, Fabíola Gomes de
Resumo O cultivo contínuo da cana-de-açúcar por longo tempo sob diferentes manejos em solos de tabuleiros costeiros pode causar alterações na matéria orgânica e nas propriedades físicas do solo. Estudaram-se os efeitos de diferentes sistemas de manejo com cana-de-açúcar nas propriedades de um Argissolo Amarelo Coeso, na usina Triunfo, Estado de Alagoas. Os sistemas de manejo consistiram de uma área não irrigada, uma área irrigada, uma com aplicação de vinhaça e outra sob floresta nativa, sob condição original. Amostras foram retiradas de cada área a 0-0,2, 0,2-0,4 e 0,4-0,8 m de profundidade para determinar as alterações nos limites de consistência, parâmetros de compactação, estabilidade de agregados e frações físicas da matéria orgânica do solo. O cultivo da cana-de-açúcar sob os sistemas sequeiro e irrigado promoveu redução mais expressiva no limite de plasticidade, umidade ótima de compactação e diâmetro médio ponderado dos agregados, em relação ao solo sob mata nativa, devido à maior redução nos teores de carbono orgânico total e matéria orgânica particulada do solo. O sistema de manejo com aplicação de vinhaça promoveu menor degradação nas propriedades físicas e químicas do solo, em relação ao solo sob mata nativa.
Abstract The continuous cultivation of the sugar cane for long-term under different management systems in soils of Coastal Tablelands can cause alterations in the organic matter and in the physical properties of the soil. The effects of different management systems with sugar cane on the properties of a Cohesive Yellow Argisol, in the Triunfo Sugar Cane Mill, in the State of Alagoas, Brazil, were studied. The management systems consisted of an irrigated area, an area not irrigated, an area with vinasse application and an area under native forest in original condition. Samples were collected from each area at 0-0.2, 0.2-0.4 and 0.4-0.8 m depths to determine the modification in the consistence limits, compaction parameters, stability of aggregates and physical fractions of the organic matter of the soil. The results indicated that the cultivation of sugar cane under not irrigated and irrigated systems promoted a more expressive reduction in the plasticity limit, optimum moisture for compaction and aggregate mean weight diameter, in relation to soil under native forest, due to reduction in the contents of total organic carbon and of particulate organic matter. The management system with vinasse application promoted smaller degradation in physical and chemical properties of the soil in relation to soil under native forest.
Contido em Revista Brasileira de Engenharia Agrícola e Ambiental, Campina Grande. Vol. 10, n. 3 (jul./set. 2006), p. 579-585
Assunto Cana de açúcar
Fisica do solo
Manejo do solo
Solo argiloso
[en] Coastal tablelands
[en] Particulate organic matter
[en] Soil compaction
[en] Standard proctor test
Origem Nacional
Tipo Artigo de periódico
URI http://hdl.handle.net/10183/107292
Arquivos Descrição Formato
000601582.pdf (156.5Kb) Texto completo Adobe PDF Visualizar/abrir

Este item está licenciado na Creative Commons License

Este item aparece na(s) seguinte(s) coleção(ões)


Mostrar registro completo

Percorrer



  • O autor é titular dos direitos autorais dos documentos disponíveis neste repositório e é vedada, nos termos da lei, a comercialização de qualquer espécie sem sua autorização prévia.
    Projeto gráfico elaborado pelo Caixola - Clube de Criação Fabico/UFRGS Powered by DSpace software, Version 1.8.1.