Repositório Digital

A- A A+

Atributos físicos e químicos de um argissolo vermelho, em pomar orgânico de citros com manejo da vegetação nas entrelinhas

.

Atributos físicos e químicos de um argissolo vermelho, em pomar orgânico de citros com manejo da vegetação nas entrelinhas

Mostrar registro completo

Estatísticas

Título Atributos físicos e químicos de um argissolo vermelho, em pomar orgânico de citros com manejo da vegetação nas entrelinhas
Outro título Physical and chemical attributes of a typic ultisol in Organic citrus orchard with weed control between the lines
Autor Müller, Jônatan
Levien, Renato
Trein, Carlos Ricardo
Sequinatto, Leticia
Mazurana, Michael
Sturmer, Sidinei Leandro Klockner
Pietrzacka, Rogério
Resumo O manejo em pomares orgânicos de citros é diferenciado em relação aos pomares convencionais. Deste modo, objetivou-se avaliar alguns atributos físicos e químicos de um Argissolo espessarênico e produtividade do pomar de tangerineiras, cv. montenegrina, sob sistema orgânico de produção, com diferentes manejos da vegetação nas entrelinhas. Os tratamentos estudados foram: gradagem, roçada, acamamento com rolo-faca e com arraste de tronco. A avaliação dos atributos físicos ocorreu sob a projeção da copa e na área de tráfego de máquinas, nas camadas de 0,0-0,1 e 0,1-0,2 m. A fertilidade química do solo foi determinada nas profundidades de 0,0-0,1; 0,1-0,2 e 0,2-0,4 m, enquanto a produtividade de frutos foi estimada a partir das plantas centrais de cada parcela. O tráfego de máquinas influenciou negativamente nos atributos físicos do solo abaixo da interface pneu/solo, embora não tenha sido restritivo à produtividade de frutos. Em todos os tratamentos, houve incremento de matéria orgânica na camada superficial do solo e dos teores de P, K+, Ca2+ e Mg2+ nas três camadas de solo em relação à área adjacente com vegetação nativa. O manejo com gradagem apresentou produtividade significativamente maior em relação ao manejo com roçada. Termos para indexação: agricultura orgânica, física do solo, citricultura.
Abstract The management in organic citrus orchards is differentiated with respect to conventional orchards. Thus, it was aimed to evaluate some physical and chemical attributes of a typic ultisol and productivity of a mandarin orchard, cv. Montenegrin under organic production system, with different vegetation management between the lines. The treatments were: harrowing, mowing, lodging with coulter and log dragging. The evaluation of the physical attributes occurred under the canopy and in the machinery traffic area, in the depths of 0.0-0.1 and 0.1-0.2 m. The chemical fertility of the soil was determined in the layer of 0.0-0.1, 0.1-0.2 and 0.2-0.4 m, while the fruit yield was estimated from central plants of each portion. Machine traffic negatively affected the physical attributes of soil below the interface patch, although it was not restrictive to fruit yield. In all treatments there was an increase of organic matter in the topsoil, and the levels of P, K+, Ca²+ and Mg²+ in the three soil layers in relation to the adjacent area with native vegetation. The handling with harrowing showed significantly higher productivity in relation to the management with mowing.
Contido em Revista Brasileira de Fruticultura. Cruz das Almas, Ba. Vol. 33, n. 4 (dez. 2011), p. 1127-1134
Assunto Agricultura orgânica
Fertilidade do solo
Fisica do solo
Tangerina
[en] Citrus
[en] Organic farming
[en] Soil physics
Origem Nacional
Tipo Artigo de periódico
URI http://hdl.handle.net/10183/107328
Arquivos Descrição Formato
000941054.pdf (435.0Kb) Texto completo Adobe PDF Visualizar/abrir

Este item está licenciado na Creative Commons License

Este item aparece na(s) seguinte(s) coleção(ões)


Mostrar registro completo

Percorrer



  • O autor é titular dos direitos autorais dos documentos disponíveis neste repositório e é vedada, nos termos da lei, a comercialização de qualquer espécie sem sua autorização prévia.
    Projeto gráfico elaborado pelo Caixola - Clube de Criação Fabico/UFRGS Powered by DSpace software, Version 1.8.1.