Repositório Digital

A- A A+

Plantas utilizadas na medicina popular brasileira com potencial atividade antifúngica

.

Plantas utilizadas na medicina popular brasileira com potencial atividade antifúngica

Mostrar registro completo

Estatísticas

Título Plantas utilizadas na medicina popular brasileira com potencial atividade antifúngica
Outro título Plants with potencial antifungal activity employed in brazilian folk medicine
Autor Fenner, Raquel
Betti, Andresa Heemann
Mentz, Lilian Auler
Rates, Stela Maris Kuze
Resumo Neste trabalho foi realizado um levantamento bibliográfico etnobotânico sobre plantas utilizadas pela população brasileira no tratamento de sinais e sintomas relacionados às infecções fúngicas. Foram citadas 409 espécies, distribuídas em 98 famílias, com maior concentração em Fabaceae e Asteraceae. Para as dez espécies mais citadas, foi realizada uma busca relativa a estudos de atividade antifúngica na base de dados MEDLINE-PubMed. Somente foram encontrados estudos para Phytolacca americana L., Rosmarinus officinalis L., Mirabilis jalapa L., Schinus molle L. Entre as dez espécies mais utilizadas, seis correspondem a espécies nativas: Anacardium occidentale L., Cecropia peltata L., Schinus molle L., Schinus terebinthinfolius Raddi, Stryphnodendron adstringens (Mart.) Coville e Tabebuia heptaphylla (Vell.) Toledo.
Abstract The aim of this work was to draw up a list of plants used by Brazilian population for the treatment of signs and symptoms related to fungal infections and to verify the existence of scientific data related to the antifungal activity in the databasis MEDLINE-PubMed. Four hundread and nine species were listed, which are distributed in ninety eight families, mainly Fabaceae and Asteraceae. Among the more frequently mentioned species (10), only four were evaluated regarding to the antifungal activity: Phytolacca americana L., Rosmarinus officinalis L., Mirabilis jalapa L. and Schinus molle L. From those ten species, six are native (Anacardium occidentale L., Cecropia peltata L., Schinus molle L., Schinus terebinthifolius Raddi, Stryphnodendron adstringens (Mart.) Coville e Tabebuia heptaphylla (Vell.) Toledo.
Contido em Revista brasileira de ciências farmacêuticas. Vol.42, n.3, (Jul./set.2006), p. 369-394
Assunto Atividade antifúngica
Plantas medicinais
[en] Antifungal activity
[en] Folk medicine
[en] Medicinal plants
Origem Nacional
Tipo Artigo de periódico
URI http://hdl.handle.net/10183/107572
Arquivos Descrição Formato
000582591.pdf (249.9Kb) Texto completo Adobe PDF Visualizar/abrir

Este item está licenciado na Creative Commons License

Este item aparece na(s) seguinte(s) coleção(ões)


Mostrar registro completo

Percorrer



  • O autor é titular dos direitos autorais dos documentos disponíveis neste repositório e é vedada, nos termos da lei, a comercialização de qualquer espécie sem sua autorização prévia.
    Projeto gráfico elaborado pelo Caixola - Clube de Criação Fabico/UFRGS Powered by DSpace software, Version 1.8.1.