Repositório Digital

A- A A+

Adesão ao tratamento anti-retroviral em crianças infectadas pelo HIV : fatores determinantes

.

Adesão ao tratamento anti-retroviral em crianças infectadas pelo HIV : fatores determinantes

Mostrar registro completo

Estatísticas

Título Adesão ao tratamento anti-retroviral em crianças infectadas pelo HIV : fatores determinantes
Autor Porto, Débora Schimitt
Orientador Motta, Maria da Graça Corso da
Data 2007
Nível Graduação
Instituição Universidade Federal do Rio Grande do Sul. Escola de Enfermagem. Curso de Enfermagem.
Assunto Antirretrovirais : Criança
Síndrome de imunodeficiência adquirida
Resumo A efetiva adesão aos anti-retrovirais pelas crianças soropositivas, mostra-se ser um desafio. Este estudo teve como objetivo identificar na literatura os fatores determinantes da adesão ao tratamento anti-retroviral em crianças infectadas pelo HIV. Utilizou-se para tanto a pesquisa bibliográfica. Na coleta de dados realizou-se a busca de informações em livros, teses e artigos científicos nacionais ou internacionais. Foram selecionados materiais no período compreendido entre os anos de 1999 à 2007. A partir das informações, identificaram-se as seguintes categorias: fatores ambientais, fatores relacionados ao cuidador primário, fatores relacionados à criança, fatores relacionados ao tratamento anti-retroviral, e fatores relacionados aos serviços de saúde e à equipe de saúde. Os resultados apontam que os fatores socioeconômicos e demográficos, a adequada estrutura familiar, um adequado relacionamento afetivo com o cuidador, a prescrição de terapias simplificadas e ajustadas ao estilo de vida da criança e do adolescente, o diagnóstico e o tratamento adequado de distúrbios psicológicos, a revelação do diagnóstico, a efetiva comunicação e relacionamento com a equipe de saúde, e a realização de intervenções individualizadas através do atendimento domiciliar mostraram ser determinantes no processo de adesão aos anti-retrovirais. Assim, revela-se a importância do conhecimento dos fatores que determinam a adesão à terapia anti-retroviral, pois os profissionais de saúde, especialmente a enfermagem, devem estar preparados para um cuidado que exige um olhar atento para essa diversidade de fatores. Estes precisam ser reconhecidos na perspectiva de um fazer visando à integralidade no cuidado da criança e do adolescente, e dos seus cuidadores primários acometidos pela AIDS.
Tipo Trabalho de conclusão de graduação
URI http://hdl.handle.net/10183/107810
Arquivos Descrição Formato
000605552.pdf (256.6Kb) Texto completo Adobe PDF Visualizar/abrir

Este item está licenciado na Creative Commons License

Este item aparece na(s) seguinte(s) coleção(ões)


Mostrar registro completo

Percorrer



  • O autor é titular dos direitos autorais dos documentos disponíveis neste repositório e é vedada, nos termos da lei, a comercialização de qualquer espécie sem sua autorização prévia.
    Projeto gráfico elaborado pelo Caixola - Clube de Criação Fabico/UFRGS Powered by DSpace software, Version 1.8.1.