Repositório Digital

A- A A+

Cobertura do exame de Papanicolau no Brasil e fatores associados a sua não realização

.

Cobertura do exame de Papanicolau no Brasil e fatores associados a sua não realização

Mostrar registro completo

Estatísticas

Título Cobertura do exame de Papanicolau no Brasil e fatores associados a sua não realização
Autor Karnopp, Carolina
Orientador Espírito Santo, Lílian Córdova do
Data 2007
Nível Graduação
Instituição Universidade Federal do Rio Grande do Sul. Escola de Enfermagem. Curso de Enfermagem.
Assunto Teste de Papanicolau
Resumo Buscou-se, através deste estudo, conhecer a situação da cobertura do exame de Papanicolaou nas regiões brasileiras, além de identificar os fatores relacionados a sua não realização, por meio de pesquisa bibliográfica que utilizou artigos nacionais publicados entre o período de 2000 e 2006. A procura foi realizada através dos bancos de dados Scielo, Medline, LILACS e BDENF e da biblioteca da EENF. Verificou-se que apenas três, das cinco regiões brasileiras, apresentaram estudos referentes ao assunto, Sul, Sudeste e Nordeste, e que nas duas primeiras regiões, concentram-se nos grandes centros econômicos, como Rio Grande do Sul e São Paulo. As regiões Norte e Centro-Oeste não apresentaram pesquisas que abordassem o tema, sugerindo pouca importância atribuída ao assunto. Entretanto, pode-se verificar que, de uma maneira geral, a realização do teste foi boa, atingindo a meta preconizada pela OMS que é de 80% de cobertura. Nota-se que, à medida que diminui o nível socioeconômico, aumenta a não adesão ao exame preventivo. As mulheres que apresentam maior risco para o desenvolvimento do câncer do colo do útero, são as mesmas que não estão sendo atendidas pelos programas preventivos. É necessário que a Enfermeira, no seu papel de educadora, sensibilize e mobilize a população feminina para a prática do auto-cuidado. Os programas de saúde, por sua vez, devem desenvolver ações educativas, organizacionais e programáticas, a fim de inserir a mulher no processo do cuidado da sua própria saúde e de facilitar o acesso aos recursos de saúde.
Tipo Trabalho de conclusão de graduação
URI http://hdl.handle.net/10183/107836
Arquivos Descrição Formato
000642945.pdf (221.2Kb) Texto completo Adobe PDF Visualizar/abrir

Este item está licenciado na Creative Commons License

Este item aparece na(s) seguinte(s) coleção(ões)


Mostrar registro completo

Percorrer



  • O autor é titular dos direitos autorais dos documentos disponíveis neste repositório e é vedada, nos termos da lei, a comercialização de qualquer espécie sem sua autorização prévia.
    Projeto gráfico elaborado pelo Caixola - Clube de Criação Fabico/UFRGS Powered by DSpace software, Version 1.8.1.