Repositório Digital

A- A A+

Sinus Pudoris : conformação de um padrão estético de genitália feminina através de cirurgias plásticas

.

Sinus Pudoris : conformação de um padrão estético de genitália feminina através de cirurgias plásticas

Mostrar registro completo

Estatísticas

Título Sinus Pudoris : conformação de um padrão estético de genitália feminina através de cirurgias plásticas
Autor Schimitt, Marcelle
Orientador Rohden, Fabiola
Data 2014
Nível Graduação
Instituição Universidade Federal do Rio Grande do Sul. Instituto de Filosofia e Ciências Humanas. Curso de Ciências Sociais: Bacharelado.
Assunto Baartman, Sarah
Cirurgia plástica
Gênero
Padrões estéticos
Sexualidade
[en] Anatomy standards
[en] Gender
[en] Intimate esthetic surgeries
[en] Saartjie Baartman
[en] Sexuality
Resumo O presente trabalho busca refletir sobre ideais de normalidade referentes à genitália feminina a partir de aproximações relativas aos padrões estéticos acionados e, concomitantemente, produzidos pelas cirurgias estéticas íntimas. Para tanto, parte-se de discursos médicos e leigos acerca da anatomia genital feminina a fim de identificar categorias utilizadas por diferentes agentes na promoção destes procedimentos cirúrgicos. A pesquisa em questão se deu por meio da análise - articulada a uma reflexão crítica baseada em referências específicas de estudos de gênero e sexualidade - de discursos provenientes de artigos científicos, sites de clínicas estéticas e matérias veiculadas na internet. Além disso, o caso específico da descrição do anatomista Georges Cuvier sobre a genitália de Saartjie Baartman será utilizado como pano de fundo ilustrativo a fim de demonstrar a íntima relação entre concepções atuais e pressupostos médicos dos séculos XVIII e XIX acerca do que é considerado belo e adequado a essa parte do corpo feminino. Enunciados atuais - principalmente de médicos - acerca dos padrões de normalidade anatômica das genitálias, quando aproximados ao caso particular de Saartjie, ilustram de forma contundente algumas linearidades. Assim, é possível observar que, mesmo após quase dois séculos, há certas continuidades na forma como concebemos o corpo e a sexualidade da mulher. Por fim, as cirurgias estéticas íntimas e os padrões anatômicos concernentes a elas revelam-se um bom exemplo de como diferenças entendidas como estritamente materiais e físicas são profundamente perpassadas por nossas concepções acerca de gênero, sexo, normalidade, beleza e feminilidade.
Abstract This paper aims to purpose thoughts over the ideas of normality concerning the female genitalia. To do so, an approach to esthetic standards which are triggered and at the same time produced by intimate plastic surgeries is established. Medical and lay speeches about female genital anatomy are the bottom line to identify the categories used by different agents to promote these surgery procedures. The referred research took place through a series of analysis which was articulated with a critical view based on specific references on gender and sexuality studies - material from scientific articles, esthetic clinics websites and internet content. Besides that, the specific case of anatomist Georges Cuvier's descriptions on Saartjie Baartman's genitalia will be used as an illustrative background in order to demonstrate the intimate relation between current conceptions and medical presuppositions from the XVIII and XIX centuries about what is considered beauteous and appropriate to this part of the female body. Current statements - especially from doctors - about normality standards of genitalia, when enclosed to the particular case of Saartjie, illustrate in a scathing way some linearity. Thus, it is possible to observe that, even after almost two centuries, there is still certain continuation on the way we conceive women's body and sexuality. Finally, intimate plastic surgeries and anatomy standards related to them appear to be a good example of how differences taken as strictly physical and material are profoundly surrounded by our conceptions of gender, sex, normality, beauty and femininity.
Tipo Trabalho de conclusão de graduação
URI http://hdl.handle.net/10183/107917
Arquivos Descrição Formato
000946722.pdf (613.2Kb) Texto completo Adobe PDF Visualizar/abrir

Este item está licenciado na Creative Commons License

Este item aparece na(s) seguinte(s) coleção(ões)


Mostrar registro completo

Percorrer



  • O autor é titular dos direitos autorais dos documentos disponíveis neste repositório e é vedada, nos termos da lei, a comercialização de qualquer espécie sem sua autorização prévia.
    Projeto gráfico elaborado pelo Caixola - Clube de Criação Fabico/UFRGS Powered by DSpace software, Version 1.8.1.