Repositório Digital

A- A A+

O Espaço cotidiano dos agregados sociais da Praça da Alfândega em Porto Alegre-RS

.

O Espaço cotidiano dos agregados sociais da Praça da Alfândega em Porto Alegre-RS

Mostrar registro completo

Estatísticas

Título O Espaço cotidiano dos agregados sociais da Praça da Alfândega em Porto Alegre-RS
Autor Pedroso, Luciano Fernandes
Orientador Heidrich, Álvaro Luiz
Data 2007
Nível Mestrado
Instituição Universidade Federal do Rio Grande do Sul. Instituto de Geociências. Programa de Pós-Graduação em Geografia.
Assunto Geografia urbana : Porto Alegre (RS)
Praça da Alfândega (Porto Alegre, RS)
[en] Every day life
[en] Identity
[en] Social aggregation
[en] Urban space
Resumo O presente trabalho tem por objetivo estudar o cotidiano dos agregados sociais da Praça da Alfândega localizada no centro da cidade de Porto Alegre no Rio Grande Sul. Foram investigados a partir deste espaço os aspectos relacionais, identitários, as expressões subjetivas e estéticas, as fronteiras de convivências assim como as territorializações empreendidas pelos indivíduos que compõem estes agregados sociais no espaço da Praça da Alfândega. Além disso, esta dissertação tem como intuito discutir as questões pertinentes sobre a função do espaço público, cidadania e dos aspectos sobre as formas de sociabilidade e de insociabilidade nas metrópoles contemporâneas. Pode se dizer que a Praça da Alfândega, nesse mosaico de representações sociais, territórios justapostos e signos compreendem um importante lócus de análise do espaço urbano, motivo pelo fato que ela se apresenta para as formas sociais, denominado de agregados sociais um espaço dicotômico da sobrevivência material e da convivência social. Por esse motivo, o estudo do cotidiano dos agregados sociais presentes no espaço da Praça da Alfândega constituem também uma investigação sobre os fenômenos urbanos contemporâneos e suas múltiplas e emergentes práticas sociais se apresentam nos estilos de vida, das formas simbólicas e nos usos dos espaços nas grandes metrópoles.
Abstract This paper aims to study the social aggregations’ every day life from Praça da Alfândega, located in the center of Porto Alegre city in Rio Grande Sul. The aspects of relationship and identity, the subjective and esthetic expressions, the borders of acquaintance as well as the territories settled by people who compounded these social groups in the space of Praça da Alfândega were investigated. Besides, this paper also aims to discuss relevant questions about the function of public space, citizenship and aspects about the forms of sociability and unsociability in modern metropolis. It is possible to affirm that Praça da Alfândega, on this mosaic of social representation adjacent territories and symbols form an important locus of analysis about urban space. For this reason, it becomes a dichotomic space both of material survival and of social acquaintance for the social forms, called social aggregations. Because of this reason, the study of the social aggregations’ every day life settled in Praça da Alfândega constitutes also an investigation about recent urban phenomena and their several and emergent social practices according to ways of life, symbolical forms, and settlement in big cities.
Tipo Dissertação
URI http://hdl.handle.net/10183/10798
Arquivos Descrição Formato
000601475.pdf (4.499Mb) Texto completo Adobe PDF Visualizar/abrir

Este item está licenciado na Creative Commons License

Este item aparece na(s) seguinte(s) coleção(ões)


Mostrar registro completo

Percorrer



  • O autor é titular dos direitos autorais dos documentos disponíveis neste repositório e é vedada, nos termos da lei, a comercialização de qualquer espécie sem sua autorização prévia.
    Projeto gráfico elaborado pelo Caixola - Clube de Criação Fabico/UFRGS Powered by DSpace software, Version 1.8.1.