Repositório Digital

A- A A+

As temporalidades no cotidiano de jovens porto-alegrenses

.

As temporalidades no cotidiano de jovens porto-alegrenses

Mostrar registro completo

Estatísticas

Título As temporalidades no cotidiano de jovens porto-alegrenses
Autor Machado, Juliana Brandão
Orientador Carvalho, Marie Jane Soares
Data 2006
Nível Mestrado
Instituição Universidade Federal do Rio Grande do Sul. Faculdade de Educação. Programa de Pós-Graduação em Educação.
Assunto Cotidiano
Ensino médio
Ensino público
Gênero
Jovem
Juventude
Porto Alegre (RS)
Tempo
Temporalidade
Trabalho
[en] Gender
[en] Life-world
[en] Youthness
Resumo A Dissertação analisou o cotidiano de jovens estudantes do Ensino Médio de uma escola pública de Porto Alegre. O conceito de mundo da vida foi utilizado para caracterizar as relações intersubjetivas vivenciadas pelos jovens em seu cotidiano. Na perspectiva de Alfred Schütz, o mundo da vida é o mundo intersubjetivo em que vivemos e que se apresenta à nossa experiência e interpretação. As juventudes são concebidas em uma perspectiva sociológica, para além de um período de transição, são tomadas em sua constituição plural, reconhecendo a especificidade de uma etapa da vida. O gênero é compreendido como uma relação, que materializa as relações de poder entre os sexos e atualiza os particularismos patriarcais presentes no grupo social. O objetivo principal da pesquisa foi compreender como o cotidiano de jovens estudantes do Ensino Médio é estruturado, em relação aos aspectos de gênero e ao tempo de estudo e trabalho. Em relação ao conceito de mundo da vida, a intenção foi depreender os códigos de referência presentes no cotidiano dos jovens, a partir das suas temporalidades. A pesquisa foi realizada através do mapeamento dos usos do tempo de cerca de 400 jovens. Cada jovem preencheu dois diários de usos do tempo, um no dia da semana e outro no domingo. A tabulação dos dados, no SPSS, computou os eventos e suas durações. Através da análise preliminar dos dados, foram construídas quatro rotinas típicas, para a seleção de jovens a serem entrevistados. A entrevista ocorreu com quatorze jovens, conversando sobre a sua rotina e sobre o significado da educação e do trabalho em sua vida. Os dados quantitativos compuseram as categorias “tempos para si”, “tempos de estudo”, “tempos de trabalho – formal e doméstico” e “tempos de lazer”. Em cada um, priorizou-se a análise por sexo e faixa etária, com o objetivo de perceber se o gênero se constitui como um código de referências para o cotidiano dos jovens. Os usos do tempo de estudo e trabalho, principalmente o trabalho doméstico, indicam maior alocação de jovens do sexo feminino do que jovens do sexo masculino. Além do gênero, o princípio de reciprocidade, que indica a responsabilidade de cada membro do grupo doméstico para a sua manutenção, foi percebido como um código de referências para o cotidiano destes jovens.
Abstract The present work is intended to evaluate student daily routines from a public high school in Porto Alegre. The life-world concept was used to describe youth’s intersubjective relations in a daily basis. According to Alfred Schütz’s standpoint, the life-world is an intersubjective world which we live in, and it is presented to our own experience and interpretation. Youthfulness usually grows under a sociologic view, beyond a transition timeframe, taking into account their multiple nature, being able to recognize the specific life period which they are submitted to. Gender is understood as a relation, which makes the sex strength relations to become real, and update the patriarchal particularizations which are usually found in the social group. The research’s main goal was set in order to understand how the high school student daily routine is composed, with regard to gender, as well as study and work time. Life-world concept gathers reference codes prompted inside the young people routines, based on their transiently issues. The subject research was made using time-use mapping of 400 young people. Each person filled two time-use diaries, one for a business day and the other for a weekend day (Sunday). All collected data were recorded into SPSS software, computing events and their related timeframes. Based upon a first data review, four typical routines were built to choose people for interviewing process. Actually the interview was performed with fourteen persons, whom were inquired about their routine and “education/job meanings for their life. All discrete data were part of “time for myself”, “study time”, “work time – formal and domestic” and “leisure time”. Each of them has been evaluated, taking the sex and age range analysis as first priority, attempting to detect gender as being a daily reference code for young people. Time-use for study and work (specially domestic work), pointed out more women when in gender comparison. Besides that, the reciprocity, principle which notes the responsability for each group member involved in the environment maintenance, was determined to be a reference code for young people daily routine.
Tipo Dissertação
URI http://hdl.handle.net/10183/10833
Arquivos Descrição Formato
000601959.pdf (710.4Kb) Texto completo Adobe PDF Visualizar/abrir

Este item está licenciado na Creative Commons License

Este item aparece na(s) seguinte(s) coleção(ões)


Mostrar registro completo

Percorrer



  • O autor é titular dos direitos autorais dos documentos disponíveis neste repositório e é vedada, nos termos da lei, a comercialização de qualquer espécie sem sua autorização prévia.
    Projeto gráfico elaborado pelo Caixola - Clube de Criação Fabico/UFRGS Powered by DSpace software, Version 1.8.1.