Repositório Digital

A- A A+

Condições iniciais no aleitamento materno de recém-nascidos prematuros

.

Condições iniciais no aleitamento materno de recém-nascidos prematuros

Mostrar registro completo

Estatísticas

Título Condições iniciais no aleitamento materno de recém-nascidos prematuros
Outro título Early conditions in the breastfeeding of premature newborn infants
Autor Scheeren, Betina
Mengue, Ana Paula Magnus
Devincenzi, Bruna Speggiorin
Barbosa, Lisiane de Rosa
Gomes, Erissandra
Resumo Objetivo: Descrever as condições iniciais do aleitamento materno de prematuros. Métodos: A amostra foi constituída de 26 binômios mãe/bebê. Os bebês tinham idade gestacional corrigida média de 36,1 semanas e estavam internados numa Unidade de Tratamento Intensivo Neonatal da região sul do Brasil. Foi realizada coleta de dados dos prontuários e observação dos binômios durante a alimentação, por meio do Protocolo de Observação e Avaliação da Mamada. Foram registrados os comportamentos favoráveis e desfavoráveis quanto à posição, respostas, sucção, envolvimento afetivo e anatomia da mamas. Em seguida, foi aplicado um questionário às mães. Resultados: Os melhores resultados referem-se à posição mãe/criança e afetividade e os piores às respostas do neonato. Quanto à associação das variáveis do protocolo, tanto entre si quanto com as demais variáveis do estudo, houve diferença e correlação direta para alguns itens. Conclusão: A maioria dos prematuros apresenta início satisfatório nos aspectos analisados em relação ao aleitamento materno. Mesmo assim, salienta-se a necessidade de práticas para efetividade do aleitamento materno e incentivo nessa população.
Abstract Purpose: To describe the breastfeeding initial conditions for premature infants. Methods: The sample consisted on 26 mother/baby dyads. The babies had an average of 36.1 weeks corrected gestational age and were hospitalized in a Neonatal Intensive Care Unit in Southern Brazil. Data was collected from medical records, and the observation of the dyads was conducted during feeding, using the Observation and Evaluation of the Breastfeeding Protocol. Favorable and unfavorable behaviors were registered regarding position, responses, suction, affection and anatomy of the breast. After the observation, a questionnaire was applied to the mothers. Results: The best results refer to the position of mother/child and affection and the poorer ones to the infant responses. Statistically significant correlations by the Spearman Correlations Coefficient were observed between some items of the protocol and other study variables. Conclusion: Most premature infants from this sample presented a satisfactory initiation on analyzed aspects referring to breastfeeding. Still, we emphasize the need of practices for breastfeeding effectiveness and its encouragement in this population.
Contido em Jornal da Sociedade Brasileira de Fonoaudiologia [recurso eletrônico]. São Paulo. Vol. 24, n. 3 (2012), p. 199-204
Assunto Aleitamento materno
Fonoaudiologia
[en] Breastfeeding
[en] Intensive care units, neonatal
[en] Premature
[en] Protocols
[en] Speech, language and hearing sciences
Origem Nacional
Tipo Artigo de periódico
URI http://hdl.handle.net/10183/108673
Arquivos Descrição Formato
000867665.pdf (250.4Kb) Texto completo Adobe PDF Visualizar/abrir

Este item está licenciado na Creative Commons License

Este item aparece na(s) seguinte(s) coleção(ões)


Mostrar registro completo

Percorrer



  • O autor é titular dos direitos autorais dos documentos disponíveis neste repositório e é vedada, nos termos da lei, a comercialização de qualquer espécie sem sua autorização prévia.
    Projeto gráfico elaborado pelo Caixola - Clube de Criação Fabico/UFRGS Powered by DSpace software, Version 1.8.1.