Repositório Digital

A- A A+

Escala Motora Infantil de Alberta: validação para uma população gaúcha

.

Escala Motora Infantil de Alberta: validação para uma população gaúcha

Mostrar registro completo

Estatísticas

Título Escala Motora Infantil de Alberta: validação para uma população gaúcha
Outro título Infant motor scale of alberta : validation for a population of Southern Brazil
Autor Valentini, Nadia Cristina
Saccani, Raquel
Resumo RESUMOObjetivo: Traduzir, adaptar e verificar a validade de critérios motor e de constructo (consistência interna, validade discriminante, correlação com outros testes e validade preditiva) da versão em Português da Alberta Motor Infant Scale. Métodos: Estudo de validação transcultural. Participaram 21 profissionais e 561 crianças do Rio Grande do Sul, com idades de zero a 18 meses (291 meninos). Foram utilizados os instrumentos: Alberta Infant Motor Scale, Escala do Desenvolvimento do Comportamento da Criança e um questionário para controle de variáveis. O estudo compreendeu as fases de tradução e adaptação da escala; análise da validade de conteúdo; treinamento de profissionais; coleta de dados no ambiente familiar e em creches; análise da objetividade e fidedignidade, e validade de critério e construto. Resultados: A versão portuguesa da Alberta Infant Motor Scale continha critérios motores claros e pertinentes; apresentou ótima confiabilidade (escore total, p=0,88; prono, p=0,86; supino, p=0,89; sentado, p=0,80 e em pé, p=0,85) e poder discriminativo (desenvolvimento típico versus atípico; escore, p<0,001; percentil, p=0,04; critério de classificação, qui-quadrado: p=0,047). Demonstrou correlação moderada com a Escala do Desenvolvimento do Comportamento da Criança (rho=0,342; p=0,03), sendo que a prova de McNemar-Bowker demonstrou diferenças entre os dois métodos (p=0,047). Foi ainda observada estabilidade temporal da escala (p=0,07; rho=0,85, p<0,001) e poder preditivo (p<0,001). Conclusões: A versão em português da Alberta Infant Motor Scale demonstrou ser válida e fidedigna na avaliação das aquisições motoras de crianças brasileiras, o que a torna um instrumento útil a várias áreas da pesquisa científica e da clínica.
Abstract Objective: To translate, adapt and verify the validity of the motor criteria and the construct (internal consistence, discriminatory validity, correlation with other tests and predicted validity) of the Portuguese version of the Alberta Motor Infant Scale. Methods: Cross-cultural validation study that enrolled 21 professionals and 561 children from the South of Brazil aged zero to 18 months (291 boys). The Alberta Infant Motor Scale, the Developmental Scale of Child Behavior and a questionnaire to control variables were used. Alberta Infant Motor Scale was translated, adapted and the content validity was analyzed. Professionals were then trained and the data were collected in daycares and participants’ home. Scale’s objectivity, reliability, criterion and construct were analyzed. Results: The Portuguese version of Alberta Infant Motor Scale contained clear and pertinent motor criteria; it was reliable (total score, p=0.88; prone, p=0.86; supine, p=0.89; sitting, p=0.80 and standing, p=0.85), it had discriminative power (typical versus atypical development; score, p<0.001; percentile, p=0.04; classification criteria, chi-square: p=0.047) and, also showed temporal stability (p=0.07; rho=0.85; p<0.001) and predictive power (p<0.001). The scale was moderately correlated with the Developmental Scale of Child Behavior (rho=0.342; p=0.03), considering that the McNemar-Bowker proof showed differences between both methods (p=0.047). Conclusions: The Portuguese version of Alberta Infant Motor Scale showed validity and reliability. It is a suitable tool for the assessment of motor acquisitions of Brazilian children, being valuable for researchers and practitioners.
Contido em Revista Paulista de Pediatria. São Paulo, SP. Vol. 29, n. 2 (2011), p. 231-238.
Assunto Desenvolvimento infantil
Motricidade
[en] Child development
[en] Motor skills
[en] Validation studies
Origem Nacional
Tipo Artigo de periódico
URI http://hdl.handle.net/10183/108691
Arquivos Descrição Formato
000896985.pdf (321.8Kb) Texto completo Adobe PDF Visualizar/abrir

Este item está licenciado na Creative Commons License

Este item aparece na(s) seguinte(s) coleção(ões)


Mostrar registro completo

Percorrer



  • O autor é titular dos direitos autorais dos documentos disponíveis neste repositório e é vedada, nos termos da lei, a comercialização de qualquer espécie sem sua autorização prévia.
    Projeto gráfico elaborado pelo Caixola - Clube de Criação Fabico/UFRGS Powered by DSpace software, Version 1.8.1.