Repositório Digital

A- A A+

Sentimentos maternos frente ao desenvolvimento da criança entre 24 e 28 meses

.

Sentimentos maternos frente ao desenvolvimento da criança entre 24 e 28 meses

Mostrar registro completo

Estatísticas

Título Sentimentos maternos frente ao desenvolvimento da criança entre 24 e 28 meses
Outro título Maternal feelings about their child's development from 24 to 28 months
Autor Lopes, Rita de Cassia Sobreira
Vivian, Aline Groff
Oliveira, Débora Silva de
Deluchi, Michelle
Tudge, Jonathan Richard Henry
Piccinini, Cesar Augusto
Resumo O presente estudo visou investigar os sentimentos maternos frente às aquisições de desenvolvimento da criança entre os 24 e 28 meses. Participaram16 mães primíparas, com idade entre 21 e 36 anos, de nível socioeconômico, escolaridade e status ocupacional variados, residentes na região metropolitana de Porto Alegre, com o companheiro. Foi realizada entrevista semiestruturada, submetida à análise qualitativa de conteúdo, abordando a experiência da maternidade e o desenvolvimento da criança. As mães relataram ampliação do vocabulário, motricidade e capacidade de compreensão e memória, bem como oscilação de independência e dependência da criança. Diante dessas aquisições foram expressos sentimentos maternos de prazer, admiração e gratificação, por um lado, e de cansaço, irritação e stress por outro. Essas mudanças e o modo como a mãe e a criança lidam com elas, ajudam a configurar seus relacionamentos com o mundo externo e repercutem nas interações entre ambas.
Abstract The aim of the present study was to investigate maternal feelings towards their child’s developmental acquisitions from 24 to 28 months. Sixteen primiparous mothers, aged 21 to 36, from different socioeconomic backgrounds, took part in the study. They lived with their partners, in the metropolitan region of Porto Alegre. A semi-structured interview was held, which was analyzed using a qualitative content analysis. The analysis focused on maternal experience and child development. Mothers reported a growth of vocabulary, motor skills, understanding and memory capacity, as well as the oscillation in the child´s independence and dependence. Maternal feelings of pleasure, admiration and gratification were expressed as well as feelings of tiredness, irritation and stress. These changes and the way mother and child deal with them help to strengthen their relationships with the outside world, and also influence their mother-child interactions.
Contido em Estudos de psicologia (Campinas). Vol. 29, supl 1 (out./dez. 2012), p. 737-749
Assunto Criança
Desenvolvimento infantil
Relações mãe-filho
[en] Child development
[en] Childhood
[en] Mother child-relations
Origem Nacional
Tipo Artigo de periódico
URI http://hdl.handle.net/10183/108755
Arquivos Descrição Formato
000909292.pdf (346.0Kb) Texto completo Adobe PDF Visualizar/abrir

Este item está licenciado na Creative Commons License

Este item aparece na(s) seguinte(s) coleção(ões)


Mostrar registro completo

Percorrer



  • O autor é titular dos direitos autorais dos documentos disponíveis neste repositório e é vedada, nos termos da lei, a comercialização de qualquer espécie sem sua autorização prévia.
    Projeto gráfico elaborado pelo Caixola - Clube de Criação Fabico/UFRGS Powered by DSpace software, Version 1.8.1.