Repositório Digital

A- A A+

Leitura dos PCNs/LP à luz da teoria da enunciação benvenistiana : dissimetria entre o texto e o leitor

.

Leitura dos PCNs/LP à luz da teoria da enunciação benvenistiana : dissimetria entre o texto e o leitor

Mostrar registro completo

Estatísticas

Título Leitura dos PCNs/LP à luz da teoria da enunciação benvenistiana : dissimetria entre o texto e o leitor
Autor Boabaid, Marcia Elisa Vanzin
Orientador Flores, Valdir do Nascimento
Data 2014
Nível Doutorado
Instituição Universidade Federal do Rio Grande do Sul. Instituto de Letras. Programa de Pós-Graduação em Letras.
Assunto Estudos da linguagem
Lingüística da enunciação
Teoria da enunciação
Texto
[en] Enunciation
[en] Enunciation theory
[en] Interlocutor
[en] PCN / LP
[en] Text
Resumo Esta tese propõe-se a analisar os Parâmetros Curriculares Nacionais de Língua Portuguesa do terceiro e quarto ciclos (PCNs/LP), no quadro teórico da Linguística da Enunciação. Com este fim, busca, primeiramente, discorrer acerca da propositura, elaboração e divulgação do documento. Esse mapeamento analisa como a conjuntura educacional brasileira contribuiu para a elaboração do documento oficial. Na sequência, apoiado na leitura de alguns textos dos Problemas de Linguística Geral I (1995) e II (1989), que formam os textos basilares para o entendimento da teoria da enunciação de Benveniste, faz-se o resgate das noções que envolvem os estudos enunciativos e analisa como essas noções podem contribuir para a realização do quadro figurativo da enunciação e, assim, delinear uma metodologia que oriente uma análise enunciativa da leitura do texto oficial. A partir do enfoque teórico adotado e da interlocução com outros leitores de Benveniste, questiona quem são os interlocutores dos PCNs/LPdo terceiro e quarto ciclos. São elencadas duas possibilidades de análise: a) o professor de língua materna, para poder fazer uma leitura adequada do texto dos PCNs/LP deve considerar que há uma relação interlocutiva suposta; b) a Teoria da Enunciação de base benvenistiana dispõe de aparato teórico-metodológico que permite reconhecer as marcas no texto que põem em evidência essa relação. A tese, enfim, mostra que há dissimetria entre o texto dos PCNs/LP e seu alocutário, porque o professor da educação básica, interlocutor “real” do texto, não se identifica com o alocutário do texto, pois não entende a concepção teórica que o sustenta e, consequentemente, não constrói a referência. É na lacuna do leitor, pela dificuldade em ler textos teóricos ou pelo despreparo teórico, que identificamos uma lacuna conceitual, fato que dificulta o entendimento do texto. Então, o ponto de vista enunciativo pode ser visto como um caminho para repensar sobre o ensino da língua materna, com o objetivo de aproximar texto e leitor.
Abstract This Ph.D. dissertation aims at examining the National Curricular Parameters of Portuguese Language for the third and fourth learning cycles (henceforth PCNs/LP), in the theoretical framework of Linguistics of Enunciation. On this purpose, it seeks firstly, to discuss about the filling, preparation and disclosure of the document. This initial mapping analyzes how the Brazilian educational environment has contributed to the development of the official document. Mainly supported by the texts gathered and published as Problems of General Linguistics I (1995) and II (1989), which form the basis for understanding Benveniste‟s Theory of Enunciation, one retrieves the notions involving enunciative studies and analyzes how these notions can contribute to accomplish the figurative context of utterance, thus outlining a methodology that guides an enunciative analysis of the referred official text. From the theoretical approach adopted and the dialogue with other Benveniste‟s readers, it investigates who are the interlocutors of the PCNs / LP. Two possibilities for analysis are listed: a) the L1 teacher, in order to make a proper reading of the PCN/ LP texts should consider that there is aninterlocutive alleged relationship; b) the Theory of Enunciation of benvenistian basis offers a theoretical and methodological apparatus that allows one to recognize the marks in the text that highlights this relationship. Thus, this dissertation shows that there is asymmetry between the PCN / LP and its interlocutor, due to the primary education teacher, "real" party of the text does not identify with the interlocutor of the text, because they do not understand the theoretical concepts that sustain and, thus, build the references in the document. It is in the gap of the reader, by the difficulty in reading theoretical texts or by theoretical unpreparedness, that we identify this conceptual gap. This factor interferes with the text understanding. Hence, the enunciative point of view can be seen as a way to rethink L1 teaching, thus approximating text and reader.
Tipo Tese
URI http://hdl.handle.net/10183/108927
Arquivos Descrição Formato
000949134.pdf (1.569Mb) Texto completo Adobe PDF Visualizar/abrir

Este item está licenciado na Creative Commons License

Este item aparece na(s) seguinte(s) coleção(ões)


Mostrar registro completo

Percorrer



  • O autor é titular dos direitos autorais dos documentos disponíveis neste repositório e é vedada, nos termos da lei, a comercialização de qualquer espécie sem sua autorização prévia.
    Projeto gráfico elaborado pelo Caixola - Clube de Criação Fabico/UFRGS Powered by DSpace software, Version 1.8.1.