Repositório Digital

A- A A+

As várias viagens de Odorico : produção e assimilação de uma narrativa de viagem do século XIV

.

As várias viagens de Odorico : produção e assimilação de uma narrativa de viagem do século XIV

Mostrar registro completo

Estatísticas

Título As várias viagens de Odorico : produção e assimilação de uma narrativa de viagem do século XIV
Autor Ferrari, Fernando Ponzi
Orientador Macedo, José Rivair
Data 2014
Nível Mestrado
Instituição Universidade Federal do Rio Grande do Sul. Instituto de Filosofia e Ciências Humanas. Programa de Pós-Graduação em História.
Assunto Franciscanos
Literatura medieval
Narrativa de viagens
Relatos de viagem
[en] Circulation of ideas
[en] Communities of readers
[en] Franciscans
[en] Odorico of pordenone
[en] Travel literature
Resumo O Relatio de Odorico de Pordenone (1330) foi uma das narrativas de viagem mais copiadas durante a Idade Média, mas não obteve um impacto semelhante na literatura medieval que outros viajantes menos reproduzidos conquistaram. Baseado nesta aparente contradição, esta dissertação pretende investigar a difusão de ideias nos séculos XIV e XV a partir deste livro. A pesquisa é dividida em duas partes de dois capítulos cada. Na primeira parte, analisamos os aspectos internos do texto em suas contingências de sua elaboração, características formais, opções retóricas e diálogos que estabelece com a escolástica, hagiografias e outros textos de viagem. Nos capítulos da segunda parte, buscamos o impacto que o friuliano exerceu sobre seu público, examinando a distribuição e anotações de suas reproduções, e, finalmente, a forma com que é aceito, refutado ou usado sem o devido crédito em quatro obras posteriores. Em nossa conclusão, tecemos as diferentes estratégias de apropriação dos conteúdos observados e a forma com que modificaram as ideias iniciais de nosso objeto de estudo.
Abstract O Relatio de Odorico de Pordenone (1330) foi uma das narrativas de viagem mais copiadas durante a Idade Média, mas não obteve um impacto semelhante na literatura medieval que outros viajantes menos reproduzidos conquistaram. Baseado nesta aparente contradição, esta dissertação pretende investigar a difusão de ideias nos séculos XIV e XV a partir deste livro. A pesquisa é dividida em duas partes de dois capítulos cada. Na primeira parte, analisamos os aspectos internos do texto em suas contingências de sua elaboração, características formais, opções retóricas e diálogos que estabelece com a escolástica, hagiografias e outros textos de viagem. Nos capítulos da segunda parte, buscamos o impacto que o friuliano exerceu sobre seu público, examinando a distribuição e anotações de suas reproduções, e, finalmente, a forma com que é aceito, refutado ou usado sem o devido crédito em quatro obras posteriores. Em nossa conclusão, tecemos as diferentes estratégias de apropriação dos conteúdos observados e a forma com que modificaram as ideias iniciais de nosso objeto de estudo.
Tipo Dissertação
URI http://hdl.handle.net/10183/108938
Arquivos Descrição Formato
000948175.pdf (1.998Mb) Texto completo Adobe PDF Visualizar/abrir

Este item está licenciado na Creative Commons License

Este item aparece na(s) seguinte(s) coleção(ões)


Mostrar registro completo

Percorrer



  • O autor é titular dos direitos autorais dos documentos disponíveis neste repositório e é vedada, nos termos da lei, a comercialização de qualquer espécie sem sua autorização prévia.
    Projeto gráfico elaborado pelo Caixola - Clube de Criação Fabico/UFRGS Powered by DSpace software, Version 1.8.1.