Repositório Digital

A- A A+

Simulação de um controlador preditivo baseado em modelo com termo integral

.

Simulação de um controlador preditivo baseado em modelo com termo integral

Mostrar registro completo

Estatísticas

Título Simulação de um controlador preditivo baseado em modelo com termo integral
Autor Raimundo, Augusto dos Santos
Orientador Fernandes, Pedro Rafael Bolognese
Data 2013
Nível Graduação
Instituição Universidade Federal do Rio Grande do Sul. Escola de Engenharia. Curso de Engenharia Química.
Assunto Engenharia
Resumo O controlador MPC é amplamente utilizado na indústria de processos por permitir o controle de sistemas multivariáveis, realizar a compensação antecipada do efeito de distúrbios medidos e possibilitar a consideração de restrições nas variáveis controladas e manipuladas, entre outros. Porém, este controlador apresenta baixa performance quando se trata de distúrbios não medidos e, por utilizar internamente um modelo explícito da planta que está sendo controlada, erros de modelagem acabam limitando o seu desempenho. Com o objetivo de diminuir estas desvantagens, é proposto neste trabalho o MPC+I, um controlador MPC com ação integral atuando de forma paralela e o controle preditivo. Nesta estratégia, o MPC atua em malha aberta, recebendo apenas o setpoint como entrada, enquanto que a ação integral atua na realimentação do sistema, integrando o erro entre o setpoint e a saída da planta, com o objetivo de corrigir o efeito de distúrbios não medidos e discrepâncias entre planta e modelo. Para analisar os efeitos desta nova estratégia, foram simulados casos de malhas de controle SISO com plantas lineares de 1ª e 2ª ordem e também com um modelo não linear. Nestes testes, foram analisados a resposta do MPC+I frente a alterações de setpoint, distúrbios do tipo degrau na entrada da planta, discrepâncias entre a planta e o modelo e a influência dos parâmetros de sintonia do MPC+I no desempenho em malha fechada com a planta de 1ª ordem. Os resultados demonstraram que a estratégia MPC+I faz com que a resposta servo do sistema em malha fechada apresente maior overshoot e um maior tempo de assentamento. Porém, quanto à resposta regulatória, o MPC+I apresenta maior tempo de subida, porém sem overshoot quando comparado com a estratégia tradicional do MPC.
Tipo Trabalho de conclusão de graduação
URI http://hdl.handle.net/10183/109141
Arquivos Descrição Formato
000949420.pdf (987.2Kb) Texto completo Adobe PDF Visualizar/abrir

Este item está licenciado na Creative Commons License

Este item aparece na(s) seguinte(s) coleção(ões)


Mostrar registro completo

Percorrer



  • O autor é titular dos direitos autorais dos documentos disponíveis neste repositório e é vedada, nos termos da lei, a comercialização de qualquer espécie sem sua autorização prévia.
    Projeto gráfico elaborado pelo Caixola - Clube de Criação Fabico/UFRGS Powered by DSpace software, Version 1.8.1.