Repositório Digital

A- A A+

Desfecho de pacientes com câncer de pulmão admitidos em unidades de terapia intensiva

.

Desfecho de pacientes com câncer de pulmão admitidos em unidades de terapia intensiva

Mostrar registro completo

Estatísticas

Título Desfecho de pacientes com câncer de pulmão admitidos em unidades de terapia intensiva
Outro título Outcomes for patients with lung cancer admitted to intensive care units
Autor Müller, Alice Mânica
Gazzana, Marcelo Basso
Silva, Denise Rossato
Resumo Objetivo: Este estudo objetivou avaliar o desfecho de pacientes com câncer de pulmão admitidos na unidade de terapia intensiva e verificar o perfil clínico e demográfico deles. Métodos: Estudo analítico observacional, retrospectivo, em que foi avaliado o desfecho de pacientes com diagnóstico de câncer de pulmão que internaram na unidade de terapia intensiva de um hospital universitário de janeiro de 2010 até fevereiro de 2011. Resultados: Foram incluídos 34 prontuários de pacientes. Vinte e seis (76,5%) receberam algum tipo de suporte ventilatório, 21 (61,8%) utilizaram ventilação mecânica invasiva e 11 (32,4%) utilizaram ventilação não invasiva em algum momento durante a estadia na unidade de terapia intensiva. Considerando a letalidade, 12 (35,3%) foram a óbito durante o período de internação na unidade de terapia intensiva, totalizando 15 (44,1%) óbitos durante todo o período de hospitalização; 19 (55,9%) pacientes obtiveram alta do hospital para casa. A análise das variáveis mostrou que os pacientes que foram a óbito permaneceram um período maior em ventilação mecânica invasiva 5,0 (0,25-15,0) dias do que os sobreviventes (1,0 (0-1,0) dias) (p=0,033) e realizaram diálise durante a estadia na unidade de terapia intensiva (p=0,014). Conclusões: A mortalidade dos pacientes com câncer de pulmão admitidos em unidade de terapia intensiva está associada com o tempo de permanência na ventilação mecânica invasiva e a necessidade de diálise.
Abstract Objective: This study aimed to evaluate the outcomes for patients with lung cancer admitted to intensive care units and assess their clinical and demographic profiles. Methods: Retrospective, analytical, observational study, wherein the outcomes for patients diagnosed with lung cancer admitted to the intensive care unit of university hospital from January 2010 until February 2011 were evaluated. Results: Thirty-four patients’ medical records were included. Twenty-six (76.5%) patients received some type of ventilatory support, of whom 21 (61.8%) used invasive mechanical ventilation and 11 (32.4%) used noninvasive ventilation at some point during their stay at the intensive care unit. Regarding mortality, 12 (35.3%) patients died during hospitalization at the intensive care unit, totaling 15 (44.1%) deaths during the entire hospitalization period; 19 (55.9%) patients were discharged from the hospital. The analysis of the variables showed that the patients who died had remained on invasive mechanical ventilation for a longer period 5.0 (0.25 to 15.0) days than the survivors (1.0 (0 to 1.0) days) (p=0.033) and underwent dialysis during their stay at the intensive care unit (p=0.014). Conclusions: The mortality of patients with lung cancer admitted to the intensive care unit is associated with the time spent on invasive mechanical ventilation and the need for dialysis.
Contido em Revista brasileira de terapia intensiva. Rio de Janeiro. Vol. 25, n. 1 (2013), p. 12-16
Assunto Mortalidade
Neoplasias pulmonares
Prognóstico
Unidades de terapia intensiva
[en] Intensive care unit
[en] Lung neoplasms/mortality
[en] Prognosis
Origem Nacional
Tipo Artigo de periódico
URI http://hdl.handle.net/10183/109209
Arquivos Descrição Formato
000948053.pdf (263.2Kb) Texto completo Adobe PDF Visualizar/abrir

Este item está licenciado na Creative Commons License

Este item aparece na(s) seguinte(s) coleção(ões)


Mostrar registro completo

Percorrer



  • O autor é titular dos direitos autorais dos documentos disponíveis neste repositório e é vedada, nos termos da lei, a comercialização de qualquer espécie sem sua autorização prévia.
    Projeto gráfico elaborado pelo Caixola - Clube de Criação Fabico/UFRGS Powered by DSpace software, Version 1.8.1.