Repositório Digital

A- A A+

Protecionismo : uma análise teórica e prática da sua aplicação

.

Protecionismo : uma análise teórica e prática da sua aplicação

Mostrar registro completo

Estatísticas

Título Protecionismo : uma análise teórica e prática da sua aplicação
Autor Martins, Anna Carolina Möllmann Guaragna
Orientador Milan, Marcelo
Data 2014
Nível Graduação
Instituição Universidade Federal do Rio Grande do Sul. Faculdade de Ciências Econômicas. Curso de Ciências Econômicas.
Assunto Economia
[en] Economic development
[en] Non-tariff barriers
[en] Peripheral countries
[en] Protectionism
Resumo O presente trabalho tem por objetivo analisar as principais mudanças ocorridas na prática protecionista após a criação da Organização Mundial do Comércio (OMC), através de um estudo da relação entre protecionismo e desenvolvimento econômico, da evolução das práticas protecionistas e das vantagens e desvantagens da aplicação das suas novas formas de manifestação: as barreiras não tarifárias. Para tanto foi feita uma revisão de teorias e estudos sobre esta questão. Verificamos que o protecionismo foi amplamente utilizado pelos países atualmente desenvolvidos em suas fases iniciais de industrialização, e que a partir do estabelecimento de sua supremacia tecnológica, estes países passaram a pregar o livre-comércio como mecanismo de promoção de desenvolvimento. No entanto, mesmo com a criação de uma instituição para combater o uso de práticas protecionistas, estas continuam sendo aplicadas pelos países desenvolvidos através de mecanismos mais sutis e de difícil mensuração, legitimando igualmente seu uso por países menos desenvolvidos.
Abstract This paper aims to analyze the main changes which have occurred on protectionist practices since the foundation of the World Trade Organization (WTO). To do so, a study on the correlation between the protectionist practices and economic development was performed, as well as a study on the evolution of protectionist practices and the advantages and disadvantages of protectionist new forms of application: non-tariff barriers. A review of theories and studies concerning this field of study was therefore made. We verified that protectionism was widely used by developed countries in their initial stage of industrialization and that these countries have been proclaiming free trade as a mechanism of development promotion since its establishment and technological supremacy. However, even with the creation of an institution to combat the use of protectionist practices, they keep on being applied by current developed countries through subtler mechanisms which are hard to measure.
Tipo Trabalho de conclusão de graduação
URI http://hdl.handle.net/10183/109387
Arquivos Descrição Formato
000935151.pdf (401.0Kb) Texto completo Adobe PDF Visualizar/abrir

Este item está licenciado na Creative Commons License

Este item aparece na(s) seguinte(s) coleção(ões)


Mostrar registro completo

Percorrer



  • O autor é titular dos direitos autorais dos documentos disponíveis neste repositório e é vedada, nos termos da lei, a comercialização de qualquer espécie sem sua autorização prévia.
    Projeto gráfico elaborado pelo Caixola - Clube de Criação Fabico/UFRGS Powered by DSpace software, Version 1.8.1.