Repositório Digital

A- A A+

Riqueza de espécies de poríferos (Porifera, Demospongiae) coletados pelo Programa Antártico Brasileiro - PROANTAR (1983-1991)

.

Riqueza de espécies de poríferos (Porifera, Demospongiae) coletados pelo Programa Antártico Brasileiro - PROANTAR (1983-1991)

Mostrar registro completo

Estatísticas

Título Riqueza de espécies de poríferos (Porifera, Demospongiae) coletados pelo Programa Antártico Brasileiro - PROANTAR (1983-1991)
Autor Campos, Maurício Alves de
Orientador Veitenheimer-Mendes, Inga Ludmila
Co-orientador Mothes, Beatriz
Data 2007
Nível Mestrado
Instituição Universidade Federal do Rio Grande do Sul. Instituto de Biociências. Programa de Pós-Graduação em Ecologia.
Assunto Antártica
Poríferos
Rei George, Ilha (Antártica)
Taxonomia animal
Resumo Estudos com o Filo Porifera na Antártica apresentam uma grande quantidade de registros, a partir das diversas expedições já realizadas. Neste continente, onde as esponjas ocorrem em abundância significativa, existem algumas áreas ainda não completamente estudadas, como as Ilhas Shetland do Sul e áreas vizinhas, onde se concentra a área pesquisada, objeto do presente trabalho. O Brasil, país atuante em pesquisas antárticas, possibilita através de seu Programa Antártico Brasileiro (PROANTAR) o desenvolvimento de diversos tipos de pesquisas. O presente estudo tem por objetivo o estudo taxonômico das amostras coletadas pelo PROANTAR, bem como ampliar a diagnose das espécies identificadas com ilustrações completas e fotomicrografias ao MEV. As Demospongiae foram coletadas nas Ilhas Shetland do Sul (Ilha Low, Ilha Livingston, Ilha Rei George e Ilha Elephant), Ilha Joinville e Estreito de Bransfield, entre as latitudes de 61°02’-63°44’ S e as longitudes de 54°16’-62°31’ W, em profundidades de 20 a 460 metros, por meio de dragas e mergulho autônomo.O material estudado encontra-se depositado na Coleção de Porifera do Museu de Ciências Naturais da Fundação Zoobotânica do Rio Grande do Sul, e o estudo taxonômico foi realizado com base na morfologia externa, arquitetura do esqueleto e forma e tamanho das escleras, estas últimas fotografadas ao Microscópio Eletrônico de Varredura. Os 86 espécimes estudados correspondem a 17 famílias, 26 gêneros e 40 espécies. Constituem se em novos registros para: as Ilhas Shetland do Sul – Ancorinidae Schmidt, 1870, Iotrochotidae Dendy, 1922, Tethyopsis Stewart, 1870, Acanthorhabdus Burton, 1929, Iotroata Ridley, 1884, Tethyopsis longispinum (Lendenfeld, 1907), Suberites montiniger Carter, 1880 sensu Topsent, 1915, Acanthorhabdus fragilis Burton, 1929, Iophonterranovae Calcinai & Pansini, 2000, Iotroata somovi (Koltun, 1964), Myxilla (Ectyomyxilla) mariana Ridley & Dendy, 1886, Tedania (Tedaniopsis) vanhoeffeni Hentschel, 1914 e Latrunculia (Latrunculia) brevis (Ridley & Dendy, 1886); para a Antártica – Hymedesmia (Hymedesmia) laevis Thiele, 1905, Halichondria (Eumastia) attenuata (Topsent, 1915) e Haliclona (Soestella) chilensis (Thiele, 1905). Em relação à distribuição batimétrica, 10 espécies (25%) apresentam novos limites a partir dos dados registrados. São comentados os padrões de distribuição detectados. É adicionada uma listagem das espécies de Demospongiae conhecidas até o presente para o Complexo Antártico Faunístico.
Abstract Studies with Phyllum Porifera in Antarctica present a great amount of records, from the several until then carried through expeditions. In this continent, where the sponges occur in significant abundance, there are some not yet completely studied areas, like the South Shetland Islands and neighboring areas, where is concentrated the researched area, object of the present work. Brazil, operating country in Antarctic research, makes possible through its Brazilian Antarctic Program (PROANTAR) the development of several kinds of research. The aim of the present work is the taxonomic study of the samples collected by PROANTAR, as well as to extend the diagnosis of the identified species with complete illustrations and SEM photomicrographs. The Demospongiae were collected at South Shetland Islands (Low Island, Livingston I., King George I. e Elephant I.), Joinville Island and Bransfield Strait, between latitudes of 61°02’-63°44’ S and longitudes of 54°16’-62°31’ W, in depths from 20 to 460 meters, by means of dredges and scuba diving.The studied material is deposited in Porifera Collection of Museu de Ciências Naturais, Fundação Zoobotânica do Rio Grande do Sul, and the taxonomic study was carried out based on the external morphology, skeletal architecture and size and shape of the spicules, which were undertaken by Scanning Electronic Microscope. The 86 studied specimens are represented by 17 families, 26 genera and 40 species. New records: South Shetland Islands – Ancorinidae Schmidt, 1870, Iotrochotidae Dendy, 1922, Tethyopsis Stewart, 1870, Acanthorhabdus Burton, 1929, Iotroata Ridley, 1884, Tethyopsis longispinum (Lendenfeld, 1907), Suberites montiniger Carter, 1880 sensu Topsent, 1915, Acanthorhabdus fragilis Burton, 1929, Iophon terranovae Calcinai & Pansini, 2000, Iotroata somovi (Koltun, 1964), Myxilla(Ectyomyxilla) mariana Ridley & Dendy, 1886, Tedania (Tedaniopsis) vanhoeffeni Hentschel, 1914 and Latrunculia (Latrunculia) brevis (Ridley & Dendy, 1886); for Antarctica – Hymedesmia (Hymedesmia) laevis Thiele, 1905, Halichondria (Eumastia) attenuata (Topsent, 1915) and Haliclona (Soestella) chilensis (Thiele, 1905). In regard to bathymetric distribution, 10 species (25%) present new limits from the registered data. The detected distribution patterns are commented. A list of the Demospongiae species known until the present for the Antarctic Faunistic Complex is added.
Tipo Dissertação
URI http://hdl.handle.net/10183/10952
Arquivos Descrição Formato
000600113.pdf (6.048Mb) Texto completo Adobe PDF Visualizar/abrir

Este item está licenciado na Creative Commons License

Este item aparece na(s) seguinte(s) coleção(ões)


Mostrar registro completo

Percorrer



  • O autor é titular dos direitos autorais dos documentos disponíveis neste repositório e é vedada, nos termos da lei, a comercialização de qualquer espécie sem sua autorização prévia.
    Projeto gráfico elaborado pelo Caixola - Clube de Criação Fabico/UFRGS Powered by DSpace software, Version 1.8.1.