Repositório Digital

A- A A+

Os sons do pastejo

.

Os sons do pastejo

Mostrar registro completo

Estatísticas

Título Os sons do pastejo
Outro título The sounds of grazing
Autor Fonseca, Lidiane
Orientador Carvalho, Paulo Cesar de Faccio
Data 2014
Nível Doutorado
Instituição Universidade Federal do Rio Grande do Sul. Faculdade de Agronomia. Programa de Pós-Graduação em Zootecnia.
Assunto Comportamento animal
Forragem
Ingestão
Pastejo
[en] Bioacustic
[en] Bite mass
[en] Bite type
[en] Chew-bites
Resumo A capacidade de avaliação do comportamento ingestivo e o consumo de forragem por animais é chave para o entendimento dos processos envolvidos no pastejo. Este trabalho foi conduzido na EEA-UFRGS, com o objetivo de investigar a existência de diferentes tipos de bocados, gerados por diferentes formas de preensão, e também por diferenças estruturais no pasto, que por sua vez geram diferentes características acústicas. Investigou-se a hipótese de que a massa do bocado possa ser estimada por estas características. Os tratamentos consistiram de quatro alturas de pasto e duas espécies forrageiras de hábitos de crescimento contrastantes, quais eram: Lolium multiflorum (6, 12 18 e 24 cm) e Cynodon dactylon (12, 19, 26 e 33 cm). As variáveis de pasto avaliadas foram: Altura real, Massa de forragem e Densidade do estrato superior do pasto. Estudou-se formas de avaliar a massa do bocado, sendo elas: Método de dupla pesagem, Método de “hand plucking” e Método calculada por meio de fórmulas de um modelo baseado na literatura. Além disso, se investigou o posicionamento de microfones no método acústico, e a capacidade deste método em estimar a massa do bocado e diferenciar tipos de bocados em simples ou compostos. Os resultados demostram que os métodos de avaliar a massa do bocado possuem linearidade entre si, bem como são lineares as relações com as alturas de pasto estudadas. No entanto, a massa do bocado oriunda do método da dupla pesagem e do método calculado apresentaram valores superestimados, o que pode estar relacionado a elevada densidade do pasto, bem como o alto conteúdo de matéria seca. Não foi encontrada diferença nos posicionamentos dos microfones para avaliação das características acústicas dos bocados. O método acústico mostrou-se capaz de discernir entre bocados simples e compostos, porém, em se tratando de tipos de bocados previamente definidos que possuem distintas massas, este método ainda precisa ser aperfeiçoado.
Abstract The ability to evaluate the ingestive behavior and herbage intake by grazing animals, are the important aspects to the understanding the grazing processes. This work was carried out at EEA-UFRGS, the aim was study bite types generated by different ways of animal harvest the bite.and diferences in sward structure. We hypothesized that this different bite types generate distinct acoustic characteristics and bite mass, which in turn, may be estimated by acoustics characteristics.The treatments were levels of sward surface height (SSH) in two different forage specie: Lolium multiflorum (6, 12 18 e 24cm) and Cynodon dactylon (12, 19, 26 e 33cm). The sward variables evaluated and discussed on papers in this thesis pasture were: Actual sward surface height, herbage mass and bulk density of superior strata. We had study three ways to estimate the bite mas, which are: Hand plucking, double weighing, and calculated method (based on Baumont et a., 2004 formulas). Furthermore, we study three positions of microfone on animal in bioacustic methodology, besides the ability of this method to estimate the bite mass and discriminate between bite types. The results shown that three methods to evaluate bite mass were linear with each other, and also sith the SSH studied. However, the bite mass from double weighing and Calculated method shown high values, when compared with hand plucking method and others papers, this fact may be due to the high bulk density, as high proportion of dry matter. Was not found differences in microfone position to discriminate different bite types. The acoustic method was able to discriminate single bites and chew bites, however, to the bite types previously defined, which have different bite mass, this methodo still needs to be improved.
Tipo Tese
URI http://hdl.handle.net/10183/110190
Arquivos Descrição Formato
000952500.pdf (8.486Mb) Texto completo Adobe PDF Visualizar/abrir

Este item está licenciado na Creative Commons License

Este item aparece na(s) seguinte(s) coleção(ões)


Mostrar registro completo

Percorrer



  • O autor é titular dos direitos autorais dos documentos disponíveis neste repositório e é vedada, nos termos da lei, a comercialização de qualquer espécie sem sua autorização prévia.
    Projeto gráfico elaborado pelo Caixola - Clube de Criação Fabico/UFRGS Powered by DSpace software, Version 1.8.1.