Repositório Digital

A- A A+

Não-lugares : condomínios horizontais fechados em Goiânia (1990-2006)

.

Não-lugares : condomínios horizontais fechados em Goiânia (1990-2006)

Mostrar registro completo

Estatísticas

Título Não-lugares : condomínios horizontais fechados em Goiânia (1990-2006)
Autor Campos, Roberto Cintra
Orientador Peixoto, Elane Ribeiro
Data 2007
Nível Mestrado
Instituição Universidade Federal do Rio Grande do Sul. Faculdade de Arquitetura. Programa de Pesquisa e Pós-Graduação em Arquitetura.
Assunto Arquitetura contemporânea
Cidades modernas
Condominios fechados
Condominios horizontais
Configuração urbana
Edificios residenciais
Enclosed residential housing estates
Goiânia (GO)
Lugar
Modernidade
Paisagem urbana
Urbanismo pós-moderno
[en] Closed condominium
[en] Contemporary city
[en] New urbanism
[en] Non-places
Resumo Este trabalho dedica-se ao estudo crítico dos condomínios horizontais fechados como manifestações de não-lugares na cidade de Goiânia, no período de 1990-2006. A abordagem é tributária do pensamento de autores que se dedicaram a compreender a cidade contemporânea, destacando-se as reflexões do antropólogo Marc Augé (1994). Essa nova forma de morar, em regiões metropolitanas, imprime no tecido urbano uma configuração morfológica, cujos sinais expressam-se em elementos arquitetônicos tais como: as portarias, os sistemas de segurança, os muros e os elementos paisagísticos, como os lagos e os bosques. Os condomínios horizontais fechados, paraísos de classe média e alta, são constituídos por paisagens bucólicas e pitorescas, que os associa aos resorts e parques temáticos. Orientam-se pelos princípios do New Urbanism, movimento de origem norte-americana, cujas influências localizam-se no século XIX, na concepção da cidade-jardim e do movimento city beautiful.
Abstract The dissertation describes a critical study of enclosed residential housing estates based on the idea of condominiums as non-places. The focus of this study was condominiums in the city of Goiânia, Brazil built during the period of 1990-2006. It discusses the hypotheses of authors who dedicated their work to understand the contemporary city. Particular attention is paid to the reflections of the distinguished anthropologist Marc Augé. This new form of living in metropolitan areas presents a new morphologic configuration in the urban space characterized by architectural elements such as: manned main gate, security systems, perimeter walls, areas of leisure and gardens/lakes. The closed condominium is a paradise for the middle and high classes which are widely regarded for their high standard of living but are also typified by the artificial existence such as that founded in holiday resorts and thematic parks. They follow the principles of the New Urbanism, a movement of North American origin and inspired on the 19th century, in the conception of the garden-city and the city beautiful movement.
Tipo Dissertação
URI http://hdl.handle.net/10183/11026
Arquivos Descrição Formato
000604335.pdf (9.390Mb) Texto completo Adobe PDF Visualizar/abrir

Este item está licenciado na Creative Commons License

Este item aparece na(s) seguinte(s) coleção(ões)


Mostrar registro completo

Percorrer



  • O autor é titular dos direitos autorais dos documentos disponíveis neste repositório e é vedada, nos termos da lei, a comercialização de qualquer espécie sem sua autorização prévia.
    Projeto gráfico elaborado pelo Caixola - Clube de Criação Fabico/UFRGS Powered by DSpace software, Version 1.8.1.