Repositório Digital

A- A A+

O flashback na narrativa não linear subjetiva: o caso de “Following” (1998)

.

O flashback na narrativa não linear subjetiva: o caso de “Following” (1998)

Mostrar registro completo

Estatísticas

Título O flashback na narrativa não linear subjetiva: o caso de “Following” (1998)
Autor Huyer, Guilherme Jorge
Orientador Silva, Alexandre Rocha da
Co-orientador Leites, Bruno Bueno Pinto
Data 2014
Nível Graduação
Instituição Universidade Federal do Rio Grande do Sul. Faculdade de Biblioteconomia e Comunicação. Curso de Comunicação Social: Habilitação em Propaganda e Publicidade.
Assunto Following (Filme). Crítica e interpretação
Narrativa cinematográfica
[en] Film narrative
[en] Film subjectivity
[en] Flashback
[en] Focalization
[en] Nolan, Christopher
[en] Non-linear narrative
Resumo Elsaesser (2007), Eig (2003) e Panek (2006) dissertaram sobre um grupo de filmes que investem em um modo específico de conceber narrativas não lineares de caráter subjetivo, qual seja, organizando sua não linearidade de acordo com a situação mental, geralmente problemática, de seus personagens. O presente trabalho investiga esse universo, que intitula de narrativas não lineares subjetivas, com foco nos modos de utilização do flashback nesse contexto. Como objeto de análise, foi escolhido o filme “Following” (1998), do diretor Christopher Nolan, uma vez que ocorre nesta obra uma grande predominância de flashbacks, empregados segundo as prerrogativas do modelo de narrativa não linear subjetiva. Em um primeiro momento, a partir de Bordwell (1985), se fez uma revisão de literatura quanto aos métodos de análise da estrutura da narrativa cinematográfica. Em seguida, partindo da atualização que Aumont (2009) e Deleyto (1996) fazem do conceito de focalização, se discorreu sobre as diferentes formas com que a subjetividade dos personagens é trabalhada na narrativa do cinema, dando destaque aos modos através dos quais o flashback pode ser utilizado visando tais efeitos. Por fim, se faz uma descrição do que é aqui compreendido como narrativa não linear subjetiva, para então seguir para a análise de “Following” (1998), onde se discute os diferentes modos de aplicação do flashback no referido filme e os efeitos dramáticos gerados a partir dos mesmos.
Abstract Elsaesser (2007), Eig (2003) and Panek (2006) expounded on a group of films that invest in a specific way of understanding non-linear narratives based on subjective narration, by organizing its non-linearity according to the mental state, usually problematic, of its characters. This study investigates this universe, which entitles subjective non-linear narratives, focusing on the use of the flashback in this context. As object of analysis, it was chosen the movie "Following" (1998), from director Christopher Nolan, as occurs in this work a great predominance of flashbacks under the prerogatives of the non-linear subjective narrative model. In the first moment, based on Bordwell (1985), this monograph makes a literature review on the methods of analysis of the film narrative structure. Then, by reviewing the update that Aumont (2009) and Deleyto (1996) make upon the concept of focalization, this monograph talks about the different ways in which the character subjectivity is crafted in film narrative, highlighting the ways in which the flashback can be used aiming at such effects. Finally, there is a description of what is here understood as non-linear subjective narrative, and then there is the analysis of "Following" (1998), in which it is discussed the different flashback application methods in that movie and the dramatic effects generated from them.
Tipo Trabalho de conclusão de graduação
URI http://hdl.handle.net/10183/110344
Arquivos Descrição Formato
000952682.pdf (958.9Kb) Texto completo Adobe PDF Visualizar/abrir

Este item está licenciado na Creative Commons License

Este item aparece na(s) seguinte(s) coleção(ões)


Mostrar registro completo

Percorrer



  • O autor é titular dos direitos autorais dos documentos disponíveis neste repositório e é vedada, nos termos da lei, a comercialização de qualquer espécie sem sua autorização prévia.
    Projeto gráfico elaborado pelo Caixola - Clube de Criação Fabico/UFRGS Powered by DSpace software, Version 1.8.1.