Repositório Digital

A- A A+

Comparação entre o exame clínico e a fluorsceinoscopia na determinação da viabilidade de segmento intestinal (jejuno) preparado para esofagoplastias : estudo experimental em ratos

.

Comparação entre o exame clínico e a fluorsceinoscopia na determinação da viabilidade de segmento intestinal (jejuno) preparado para esofagoplastias : estudo experimental em ratos

Mostrar registro completo

Estatísticas

Título Comparação entre o exame clínico e a fluorsceinoscopia na determinação da viabilidade de segmento intestinal (jejuno) preparado para esofagoplastias : estudo experimental em ratos
Autor Pruinelli, Raul
Orientador Corleta, Oly Campos
Data 1997
Nível Mestrado
Instituição Universidade Federal do Rio Grande do Sul. Faculdade de Medicina. Programa de Pós-Graduação em Medicina: Cirurgia.
Assunto Esofagoplastia
Isquemia
Resumo O tratamento cirúrgico do câncer do esôfago ainda representa a forma mais eficaz para o alívio sintomático desta doença. Segmentos do trato digestivo são utilizados nas reconstruções do trânsito orogástrico. O jejuno apresenta condições anatômicas e fisiológicas favoráveis como substituto do esôfago, mas as taxas de complicações dos jejunoplastias são elevadas, principalmente as decorrentes de isquemia e necrose do segmento transposto (22,2%). A avaliação intra-operatória da integridade circulatória de um segmento intestinal a ser utilizado em esofagoplastias tem sido feita segundo critérios puramente subjetivos, é imprecisa e sujeita a falhas grosseiras. A fluorsceinoscopia é um método de avaliação intra-operatória que consiste na injeção venosa de um corante e posterior observação sob luz ultravioleta. O objetivo do presente estudo foi comparar dois métodos subjetivos de avaliação de viabilidade (clínico e fluorsceinoscopia) de segmento jejunal a ser transposto para a região cervical nas esofagoplastias. Foram utilizados 34 ratos Wistar submetidos a duas intervenções cirúrgicas.Na primeira, um segmento de jejuno teve 3-4 feixes vasculares jejunoileais ligados e seccionados, bem como a arcada vascular marginal proximal e estas ligaduras, sendo então seccionado a nível desta última ligadura vascular. Tal preparo possibilitava a transposição deste segmento até a região cervical, mantendo pedículo vascular abdominal. A previsão de necrose ou viabilidade do segmento foi avaliada por fluorsceinoscopia e observação clínica. O trânsito digestivo erareconstruído e o segmento mantido em túnel subcutâneo. A segunda etapa era realizada 48 h após e consistia em sacrifício dos animais e coleta de material para exame histopatológico. Os resultados foram os seguintes: Avaliação clínica - sensibilidade 59%; especificidade 61%; valor preditivo positivo 56%; valor preditivo negativo 56%; acurácia 60%. Fluorsceinoscopia: sensibilidade 59%; especificidade 61%; valor preditivo positivo 61%; valor preditivo negativo 56%; acurácia 60%. Nas condições experimentais deste estudo não houve diferença estatisticamente significativa entre os métodos de avaliação clínica e fluorsceinoscópica na previsão de viabilidade ou necrose de segmento jejunal preparado para esofagoplastia e transposto para região cervical.
Abstract The surgical treatment of esophageal cancer still represents the best way to relieve the symptoms of this disease. Jejunum could be the best esophageal substitute, because of its anatomical and physiological features, but the rate of complications of jejunumplasty is high, mainly due to ischaemic necrosis (22.2%). The evaluation of the circulatory integrity of the jejunal segment prepared to be transposed to cervical region has been done on subjective ground, is not clear and subject to high rate of error. Fluorsceinoscopy is an intraoperative evaluation method of viability that consists of a dye injection in the venous system and further interpretation under a ultraviolet illumination. The objective of this study is to compare two subjective methods of evaluation (clinical and fluosceinoscopy) of jejunal segment in regard its viability or necrosis when they are transposed to cervical region for esophagoplasty. 34 wistar rats were submitted to two operative interventions. At the first one 3-4 jejunal vascular bundles were ligated as well as the proximal marginal vascular arcade. Jejunum were seccioned at the point of this late ligature. This preparation allowed the segment to be transposed to the cervical level irrigated by an abdominal vascular pedicle. Viability or necrosis of this segment were evaluated by fluorsceinoscopy and clinical judment. Digestive transit were reconstructed and the segment placed in a subcutaneous tunel. The second step were undertaken 48 hours after and consisted of sacrifice and samples collect for histological analysis. Results were as follows: Clinicalevaluation: sensitivity 59%; specificity 61%; positive predictive value 56%; negative predictive value 56%; accuracy 60%. Fluorsceionoscopy: sensitivity 59%; specificity 61%; positive predictive value 61%; negative predictive value 56%; accuracy 60%. In the experimental conditions of this study there were no statistical differences among clinical evaluation and fluorsceinoscopy to predict viability or necrosis of a jejunal segment prepared and transposed for esophagoplasty.
Tipo Dissertação
URI http://hdl.handle.net/10183/11064
Arquivos Descrição Formato
000476254.pdf (353.1Kb) Texto completo Adobe PDF Visualizar/abrir

Este item está licenciado na Creative Commons License

Este item aparece na(s) seguinte(s) coleção(ões)


Mostrar registro completo

Percorrer



  • O autor é titular dos direitos autorais dos documentos disponíveis neste repositório e é vedada, nos termos da lei, a comercialização de qualquer espécie sem sua autorização prévia.
    Projeto gráfico elaborado pelo Caixola - Clube de Criação Fabico/UFRGS Powered by DSpace software, Version 1.8.1.