Repositório Digital

A- A A+

Índices de sangramento gengival e a relação com biofilme dental no diagnóstico de gengivite

.

Índices de sangramento gengival e a relação com biofilme dental no diagnóstico de gengivite

Mostrar registro completo

Estatísticas

Título Índices de sangramento gengival e a relação com biofilme dental no diagnóstico de gengivite
Autor Oliveira, Sara Cioccari
Orientador Abegg, Claídes
Co-orientador Weijden, Fridus van der
Data 2014
Nível Doutorado
Instituição Universidade Federal do Rio Grande do Sul. Faculdade de Odontologia. Programa de Pós-Graduação em Odontologia.
Assunto Gengivites : Teses
Periodontia : Doencas
Placa dentaria
[en] Correlation
[en] Diagnosis
[en] Gingivitis
[en] Index
Resumo Gengivite é um achado comum em diferentes populações, com alta prevalência em todas as idades. A principal etiologia da inflamação gengival tem sido estabelecida como o biofilme bacteriano. Devido ao fato de que a gengivite impreterivelmente precede a periodontite, o diagnóstico dessa doença é de suma importância no contexto da saúde periodontal do paciente. Para identificar esta condição, diversos índices têm sido propostos na literatura para acuradamente definir o estado dos tecidos gengivais, considerando sangramento como sendo o sinal pioneiro e mais significativo da inflamação. O objetivo geral desta tese foi avaliar a correlação entre dois diferentes índices, o de sangramento à sondagem da margem (ISM) e o de sangramento à sondagem do sulco (ISS). Ainda, a correlação de ambos os índices em relação à presença de biofilme na superfície dos dentes foi avaliada. Para tanto, uma amostra de 260 adultos jovens sistemicamente saudáveis foi examinada. Os índices de sangramento e de placa foram medidos em seis sítios por dente, por examinadores treinados, cada um responsável por um único índice ao longo de todo o estudo. Dados de ISM, ISS e placa foram descritos em nível ecológico e analisados em nível de indivíduo e de sítio. Para a análise em nível de sítio, as associações foram sumarizadas através de correlações policóricas, e uma metanálise de efeitos fixos e aleatórios foi realizada. Os resultados demonstraram que quando da sondagem do sulco, mais sangramento foi elicitado se comparado à sondagem da margem gengival (51.2% CI: 49.3 – 53, e 19.9% CI: 18.4 – 21.3, respectivamente). Além disso, em nível de sítio, uma baixa correlação foi verificada entre placa e sangramento de ambos os índices empregados (ISM 0,19 CI: 0.17 – 0.21, ISS 0,20 CI: 0,19 – 0,23). Pode ser concluído que, aparentemente, além do biofilme bacteriano, outros fatores podem estar envolvidos no processo que leva o estado de saúde gengival à inflamação. O sangramento à sondagem da margem parece ser o índice de escolha para o diagnóstico de gengivite.
Abstract Gingivitis is a common finding among different populations, with a high prevalence in all ages. The primary etiology of gingival inflammation has been established to be bacterial biofilm. Due to the fact that gingivitis imperatively precedes periodontitis, the diagnosis of the disease is of utmost importance. To assess this condition, several indices have been proposed in the literature to accurately define the state of the gingival tissues, considering bleeding as being the most meaningful and earliest sign of inflammation. The general aim of this thesis was to evaluate the correlation between two different indices, bleeding on marginal probing (BOMP) and bleeding upon pocket probing (BOPP). Moreover, the correlation of both indices as related to the presence of plaque was also evaluated. A sample of 260 systemically healthy young adults was examined. Bleeding and plaque indices were measured by single examiners, each responsible for one index, in six sites per tooth. Data regarding BOMP, BOPP and plaque were described at individual level and analysed at both individual and site-level. At site level, the associations were summarized using polychoric correlations, and a metanalysis of fixed and random effects was performed. The results demonstrated that more bleeding was elicited when probing the pocket than when the gingival margin was evaluated (51.2% CI: 49.3 – 53, e 19.9% CI: 18.4 – 21.3, respectively). Also, a low correlation was verified between plaque and the bleeding indices (BOMP 0,19 CI: 0.17 – 0.21, BOPP 0,20 CI: 0,19 – 0,23). It can be concluded that, apparently, besides plaque, other factors may be involved in the process that leads the healthy gingivae to an inflammation. Bleeding the gingival margin should be the index of choice for the diagnosis of gingivitis.
Tipo Tese
URI http://hdl.handle.net/10183/111699
Arquivos Descrição Formato
000948423.pdf (4.048Mb) Texto parcial Adobe PDF Visualizar/abrir

Este item está licenciado na Creative Commons License

Este item aparece na(s) seguinte(s) coleção(ões)


Mostrar registro completo

Percorrer



  • O autor é titular dos direitos autorais dos documentos disponíveis neste repositório e é vedada, nos termos da lei, a comercialização de qualquer espécie sem sua autorização prévia.
    Projeto gráfico elaborado pelo Caixola - Clube de Criação Fabico/UFRGS Powered by DSpace software, Version 1.8.1.