Repositório Digital

A- A A+

Alocação dinâmica de tarefas periódicas em NoCs malha com redução do consumo de energia

.

Alocação dinâmica de tarefas periódicas em NoCs malha com redução do consumo de energia

Mostrar registro completo

Estatísticas

Título Alocação dinâmica de tarefas periódicas em NoCs malha com redução do consumo de energia
Outro título Energy-aware dynamic allocation of periodic tasks on mesh NoCs
Autor Wronski, Fabio
Orientador Wagner, Flavio Rech
Data 2007
Nível Mestrado
Instituição Universidade Federal do Rio Grande do Sul. Instituto de Informática. Programa de Pós-Graduação em Computação.
Assunto Consumo : Energia
Simulação computacional
Sistemas digitais
SoC
[en] Network-on-chip
[en] Task allocation and partitioning
[en] Task scheduling
Resumo O objetivo deste trabalho é propor técnicas de alocação dinâmica de tarefas periódicas em MPSoCs homogêneos, com processadores interligados por uma rede emchip do tipo malha, visando redução do consumo de energia do sistema. O foco principal é a definição de uma heurística de alocação, não se considerando protocolos de escalonamento distribuído, uma vez que este ainda é um primeiro estudo para o desenvolvimento de um alocador dinâmico. Na arquitetura alvo utilizada, cada nodo do sistema é dado como autônomo, possuindo seu próprio escalonador EDF. Além disso, são aplicadas técnicas de voltage scaling e power managmenent para redução do consumo de energia durante o escalonamento. Durante a pesquisa do estado da arte, não foram encontradas técnicas de alocação dinâmica em NoCs com restrições temporais e minimização do consumo de energia. Por isso, esse trabalho se concentra em avaliar técnicas de alocação convencionais, como bin-packing e técnicas baseadas em teoria de grafos, no contexto de sistemas embarcados. Dessa forma, o modelo de estimativas do consumo de energia de alocações é baseado no escalonamento de grafos de tarefas, e foi utilizado para implementar a ferramenta Serpens com este propósito. Os grafos de tarefas utilizados nos experimentos são tirados do benchmark E3S – Embedded System Synthesis Benchmark Suite, composto por um conjunto de grafos de tarefas gerados aleatoriamente com a ferramenta TGFF – Task Graph for Free, a partir de dados de aplicações comuns em sistemas embarcados obtidos no EEMBC – Embedded Microprocessor Benchmark Consortium. Entre as heurísticas de bin-packing, Best-Fit, First-Fit e Next-Fit geram alocações com concentração de carga, enquanto a heurística Worst-Fit faz balanceamento de carga. O balanceamento de carga favorece a aplicação de voltage scaling enquanto a concentração favorece o power management. Como o bin-packing não contempla comunicação e dependência entre tarefas em seu modelo, o mesmo foi reformulado para atender esta necessidade. Nos experimentos, a alocação inicial com bin-packing original apresentou perdas de deadlines de até 84 % para a heurística Worst-Fit, passando para perdas em torno de 16% na alocação final, praticamente com o mesmo consumo de energia, após a reformulação do modelo.
Abstract The goal of this work is to offer dynamic allocation techniques of periodic tasks in mesh networks-on-chip, aiming to reduce the system power consumption. The main focus is the definition of an allocation heuristic, which does not consider distributed scheduling protocols, since this is the beginning of a study for the development of a dynamic partitioning tool. In the target architecture, each system node is self-contained, that is, the nodes contain their own EDF scheduler. Besides, voltage-scaling and power management techniques are applied for reducing power consumption during the scheduling. To the best of our knowledge, this is the first research effort considering both temporal constraints and power consumption minimization on the dynamic allocation of tasks in a mesh NoC. This way, our concentrates in the evaluation of dynamic allocation techniques, which are generally used in distributed systems, in the embedded systems context, as bin-packing and graph theory based techniques. Therefore, the estimation model for power consumption is based on task graph scheduling, and it was used for implementing the Serpens tool with this purpose. The task graphs used in the experiments were obtained from the E3S benchmark (Embedded System Synthesis Benchmark Suite), which is composed by a set of task graphs randomly generated with the TGFF tool (Task Graph for Free), from common application data obtained from the EEMBC (Embedded Microprocessor Benchmark Consortium). Among the bin-packing heuristics, Best-Fit, First-Fit, and Next-Fit generate allocations with load concentration, while the Worst-Fit heuristics works with load balancing. Load balancing favors the application of voltage scaling, while load concentration favors the utilization of power management. Since the bin-packing model does not consider inter-task communication and dependency, it has been modified to fulfill this need. In the experiments, the initial allocation using the original bin-packing model presented deadline losses of up to 84% for the Worst-Fit heuristic, changing for losses around 16% in the final allocation, after modification of the model, maintaining almost the same power consumption.
Tipo Dissertação
URI http://hdl.handle.net/10183/11177
Arquivos Descrição Formato
000608205.pdf (861.6Kb) Texto completo Adobe PDF Visualizar/abrir

Este item está licenciado na Creative Commons License

Este item aparece na(s) seguinte(s) coleção(ões)


Mostrar registro completo

Percorrer



  • O autor é titular dos direitos autorais dos documentos disponíveis neste repositório e é vedada, nos termos da lei, a comercialização de qualquer espécie sem sua autorização prévia.
    Projeto gráfico elaborado pelo Caixola - Clube de Criação Fabico/UFRGS Powered by DSpace software, Version 1.8.1.