Repositório Digital

A- A A+

Dançar na aula de música : “dá gosto de vir para o colégio”

.

Dançar na aula de música : “dá gosto de vir para o colégio”

Mostrar registro completo

Estatísticas

Título Dançar na aula de música : “dá gosto de vir para o colégio”
Autor Anders, Fernanda
Orientador Maffioletti, Leda de Albuquerque
Data 2014
Nível Mestrado
Instituição Universidade Federal do Rio Grande do Sul. Faculdade de Educação. Programa de Pós-Graduação em Educação.
Assunto Autobiografia
Criança
Educação musical
Narrativa
[en] Autobiographical research
[en] Dance in music education
[en] Music in school
[en] Narratives of children
Resumo A presente pesquisa se insere na área de Educação Musical, especificamente no âmbito da Escola Básica e buscou compreender, a partir das narrativas das crianças, o significado atribuído à dança nas aulas de música. Participaram desta pesquisa 18 estudantes do quinto ano do Ensino Fundamental I de uma escola da rede privada de uma cidade da grande Porto Alegre/RS, que oferece regularmente Educação Musical do segundo ao quinto ano, sendo a dança um dos componentes da Educação Musical. A base teórica da pesquisa apoia-se no método autobiográfico, adotando-se principalmente Jean Clandinin e Michael Connelly (2008) como orientação metodológica; Dornelles e Bujes (2012) no atendimento às especificidades da pesquisa com crianças. Contribuíram na realização deste trabalho principalmente os autores Strazacappa (2001), Schiller e Meiners (2012), que referenciam teoricamente a aprendizagem através do movimento corporal e da dança; e Maffioletti (2008, 2012), Campbel (2011) e Torres (2003) no que se refere à Educação Musical. As narrativas foram capturadas em sessões de discussões em grupo, sendo uma realizada imediatamente após a experiência corporal e duas imediatamente após a execução da flauta doce, num total de três sessões. As dimensões das análises foram extraídas do próprio material, tendo em vista do seu significado dentro do que é narrado. Os resultados mostram que o contexto escolar, familiar e social estão presentes nas narrativas das crianças, sendo a dança reconhecida nesses espaços como importante forma de interação. O significado de dançar nas aulas de música está relacionado ao prazer vivido com o corpo e às sensações de alegria, satisfação e leveza que o movimento propicia. As crianças consideram que dançando é possível conhecer outras culturas, entender melhor o ritmo das músicas e tocar flauta doce com maior facilidade. A importância desta pesquisa está em tornar visível o significado das experiências das crianças sobre o movimento corporal como instância da aprendizagem musical.
Abstract This research falls within the field of music education, specifically within the Primary School and sought to understand, from the narratives of children, the meaning assigned to dance in music classes. 18 students from the fifth grade of elementary school I in a private school participated in this research in a big city in great Porto Alegre / RS, which offers regular musical education from the second to fifth grade, being the dance a component of the Music Education. The theoretical basis of the study is based on the autobiographical method, adopting mainly Jean Clandinin and Michael Connelly (2008) as a methodological orientation; Dornelles and Bujes (2012) in addressing the specificities of research with children. Contributed in this work mainly Strazacappa (2001), Schiller and Meiners (2012) authors, which theoretically refer to learning through body movement and dance; and Maffioletti (2008, 2012), Campbell (2011) and Torres (2003) in relation to music education. The narratives were captured in group discussion sessions, one held immediately after the bodily experience and two immediately after the execution of the recorder, a total of three sessions. The dimensions of the analysis were extracted from the material itself, in view of its significance within what is narrated. The results show that the school, family and social context are present in the narratives of children, and dance is being recognized in these spaces as an important form of interaction . The meaning of dance in music classes is related to the pleasure experienced with the body and the feelings of joy, satisfaction and lightness that the movement provides. Children believe that dancing can learn about other cultures and better understand the rhythm of the music and playing the recorder with greater ease. The importance of this research is to make visible the meaning of children's experiences on body movement as an instance of musical learning.
Tipo Dissertação
URI http://hdl.handle.net/10183/111890
Arquivos Descrição Formato
000951961.pdf (1.105Mb) Texto completo Adobe PDF Visualizar/abrir

Este item está licenciado na Creative Commons License

Este item aparece na(s) seguinte(s) coleção(ões)


Mostrar registro completo

Percorrer



  • O autor é titular dos direitos autorais dos documentos disponíveis neste repositório e é vedada, nos termos da lei, a comercialização de qualquer espécie sem sua autorização prévia.
    Projeto gráfico elaborado pelo Caixola - Clube de Criação Fabico/UFRGS Powered by DSpace software, Version 1.8.1.