Repositório Digital

A- A A+

Infância superdotada : um olhar sobre a constituição de si das crianças participantes de um grupo de altas habilidades

.

Infância superdotada : um olhar sobre a constituição de si das crianças participantes de um grupo de altas habilidades

Mostrar registro completo

Estatísticas

Título Infância superdotada : um olhar sobre a constituição de si das crianças participantes de um grupo de altas habilidades
Autor Dreyer, Jéssica
Orientador Dornelles, Leni Vieira
Data 2014
Nível Mestrado
Instituição Universidade Federal do Rio Grande do Sul. Faculdade de Educação. Programa de Pós-Graduação em Educação.
Assunto Afetividade
Criança
Superdotado
[en] Affections
[en] Childhoods
[en] Children
[en] High abilities
[en] Research with children
Resumo A pesquisa apresentada nesta Dissertação de Mestrado propôs-se a investigar como se compreendem, em relação a sua participação no grupo de altas habilidades no contraturno escolar, as crianças do primeiro ao quinto ano do Ensino Fundamental, ditas como crianças com altas habilidades/superdotação, que recebem o atendimento educacional especializado (criado pelos decretos federais 6571/08 e 7611/11) em uma escola pública do município de Campo Bom. Atravessada pelo viés pós-crítico, a investigação constitui-se como uma pesquisa-intervenção que toma por base uma postura atenta às manifestações das crianças, e não em um conjunto de perguntas pré-determinadas a responder, articulando neste sentido tais estudos e sua problemática da verdade com o campo dos Estudos da Criança, considerando-as como atores sociais competentes. Através dos encontros com o grupo pesquisado foi possível colocar em suspenso o entendimento dos adultos em relação aos alunos participantes do grupo de Altas Habilidades e perceber o que as crianças tratam e mostram ser importante, quanto ao que faziam no grupo, constituindo-se como participantes do mesmo. Foi possível identificar três visibilidades recorrentes durante este processo: os afetos das crianças em relação a sua participação no grupo, demonstrando alegria em estar ali e construindo vínculos com os demais participantes; a presença da tecnologia no dia a dia e na forma de se relacionar com as atividades do grupo; e o sentimento de autonomia experimentado pelas crianças na realização das atividades desenvolvidas na sala de recursos multifuncional. Por fim, baseada no conceito de Infâncias, de Dornelles (2011), proponho a compreensão de uma Infância Superdotada, não como segmento da categoria geracional Infância, mas como uma das múltiplas possibilidades de subjetivação infantil, ao lado de tantas outras possíveis, e das visibilidades ou modos de se fazer pesquisa com as crianças Altas Habilidades como recortes do momento vivido.
Abstract The research presented in this Master's Dissertation aimed to investigate how are understood, in relation to their participation in the group of high abilities after school, children from first to fifth year of elementary school children, said to be high ability/highlygifted, receiving specialized educational assistance (created by federal decrees 6571/08 and 7611/11) in a public school from Campo Bom/RS - Brazil. Crossed by the post-critical bias, research was established as a researchintervention that is based on a careful attitude to the demonstrations of the children, not on a set of pre-determined answer questions, articulating this sense these studies and their problems of the truth with the field of Child Studies, considering them as competent social actors. Through meetings with the research group was possible to put on hold the understanding of adults in relation to participating students of the high abilities group and realize that children treat and shown to be important, as to what they did in the group, constituting themselves as participants this group. It was possible to identify three applicants visibilities during this process: the affections of children in relation to their group, showing joy in being there and building links with other participants; the presence of technology in everyday life and in the way of relating to the group's activities; and the feeling of autonomy experienced by children in carrying out the activities in the multifunctional resource room. Finally, based on the concept of childhoods, of Dornelles (2011), I propose the understanding of a Gifted Children, not as segment of generational category Childhood, but as one of many possibilities of child subjectivity, along with many other possible, and visibilities or ways of doing research with high abilities children like cutouts of the lived moment.
Tipo Dissertação
URI http://hdl.handle.net/10183/111910
Arquivos Descrição Formato
000951970.pdf (8.808Mb) Texto completo Adobe PDF Visualizar/abrir

Este item está licenciado na Creative Commons License

Este item aparece na(s) seguinte(s) coleção(ões)


Mostrar registro completo

Percorrer



  • O autor é titular dos direitos autorais dos documentos disponíveis neste repositório e é vedada, nos termos da lei, a comercialização de qualquer espécie sem sua autorização prévia.
    Projeto gráfico elaborado pelo Caixola - Clube de Criação Fabico/UFRGS Powered by DSpace software, Version 1.8.1.