Repositório Digital

A- A A+

O desempenho de edifícios altos e o impacto gerado em seus contextos urbanos segundo a percepção de seus usuários

.

O desempenho de edifícios altos e o impacto gerado em seus contextos urbanos segundo a percepção de seus usuários

Mostrar registro completo

Estatísticas

Título O desempenho de edifícios altos e o impacto gerado em seus contextos urbanos segundo a percepção de seus usuários
Autor Antocheviz, Fabiana Bugs
Orientador Reis, Antonio Tarcisio da Luz
Data 2014
Nível Mestrado
Instituição Universidade Federal do Rio Grande do Sul. Faculdade de Arquitetura. Programa de Pós-Graduação em Planejamento Urbano e Regional.
Assunto Edificios altos
Espaço urbano
Meio ambiente : Comportamento
Percepção do usuário
Satisfação
[en] Impacts on urban space
[en] Perception of users
[en] Tall buildings
Resumo Esta pesquisa investiga o desempenho de edifícios altos residenciais e comerciais e seu impacto no espaço urbano onde estão inseridos de acordo com a percepção dos seus usuários. São identificados os motivos relacionados à decisão de ir morar e trabalhar em edifícios altos, a preferência na escolha do pavimento utilizado e os níveis de satisfação com o desempenho das características físico espaciais de edifícios altos de acordo com o pavimento em que o usuário reside ou trabalha. Em complemento, é analisada a relação entre as características físico-espaciais de edifícios altos e os impactos causados na qualidade do contexto urbano onde se inserem. Ainda, é investigado como as características dos usuários interferem nos níveis de satisfação com o desempenho das características físico espaciais desses edifícios de acordo com o pavimento em que o respondente reside ou trabalha e na percepção dos impactos causados na qualidade do contexto urbano em que essas edificações se inserem. Como procedimento metodológico foi realizado um estudo de caso no município de Porto Alegre, RS, onde a altura máxima permitida pelo Plano Diretor é de 52 metros, equivalente a 18 pavimentos. Os métodos de coleta de dados dizem respeito aos aplicados na área Ambiente e comportamento, sistematizados por meio de levantamento de arquivos e levantamento de campo. Os dados foram coletados através de questionários aplicados via internet aos moradores de edifícios altos residenciais e pessoas que trabalham em edifícios altos comerciais. A análise de dados é realizada através de testes estatísticos não paramétricos. Os resultados desta investigação indicam que, em geral, edifícios altos residenciais e comerciais tendem a produzir ambientes que repercutem satisfatoriamente nos níveis de satisfação de seus usuários, atendendo às suas expectativas. No tocante ao desempenho de características físico-espaciais de edifícios altos relacionados à altura total dos edifícios e ao pavimento utilizado constatam-se maiores níveis de satisfação dos usuários de edifícios de 10 pavimentos do que usuários de edifícios de 18 pavimentos. Averiguou-se também que a relação do edifício alto com o contexto urbano adjacente interfere no desempenho de características físico espaciais dos edifícios e na qualidade do espaço urbano em que se inserem. Os resultados revelam ainda que as características dos usuários não interferem nos níveis de satisfação com o desempenho de edifícios altos e na percepção do impacto que geram no contexto urbano. Todavia, são identificados diferentes perfis de usuários, com diferentes necessidades em relação ao edifício onde moram ou trabalham. Por fim, espera-se que os dados desta pesquisa possam contribuir para o planejamento urbano, auxiliando na elaboração de legislações urbanísticas que regulamentam as alturas dos edifícios nas cidades, a fim de garantir um desempenho adequado dessas edificações e uma melhor qualidade urbana do contexto onde se inserem.
Abstract This research investigates the development of residential and commercial tall buildings and their impact on the urban space where they are inserted according to the perceptions of their users. Identifies the reasons for the decision to live and work in tall buildings, the preference in the choice of the floor used and the levels of satisfaction with the performance of spatial physical characteristics of tall buildings under the floor where the user resides or works. In addition, it is analyzed the relationship between physical and spatial characteristics of tall buildings and the impacts on the quality of the urban context in which they operate. Also, it is investigated how the characteristics of the users interfere in levels of satisfaction with the performance of spatial physical characteristics of these buildings according to the pavement where the respondent resides or works and perceptions of impacts on the quality of the urban context in which these buildings are inserted. As methodological procedure, a case study in the municipality of Porto Alegre, where the maximum height allowed by the Master Plan is 52 meters, equivalent to 18 floors was conducted. The methods of collecting data are part of those used in Environment and Behavior, systematized through archival records and field surveys. Data were collected through questionnaires via internet to the residents of residential tall buildings and people who work in commercial tall buildings. Data analysis is performed using nonparametric statistical tests. The results of this investigation show that, in general, commercial and residential high rise buildings tend to produce environments that impact satisfactorily on levels of user satisfaction, covering its expectations. Concerning the performance of physical and spatial characteristics of tall buildings related to the total height of buildings and pavement is used it´s realize that up higher levels of satisfaction of users of buildings of 10 floors of that users of building of 18 floors. It was found also that the relation of tall building with the adjacent urban context interferes in the performance of spatial physical characteristics of buildings and the quality of urban space in which they are located. The results also reveal that the characteristics of the users do not interfere on the levels of satisfaction with the performance of tall buildings and the perceived impact generated in the urban context. However, different profiles of users with different needs in relation to the building where they live or work are identified. Finally, it is hoped that data from this research can contribute to urban planning, assisting in the preparation of urban legislation regulating of the heights of buildings in the cities, in order to ensure adequate performance of these buildings and a better quality of urban context where they are inserted.
Tipo Dissertação
URI http://hdl.handle.net/10183/111988
Arquivos Descrição Formato
000952973.pdf (31.46Mb) Texto completo Adobe PDF Visualizar/abrir

Este item está licenciado na Creative Commons License

Este item aparece na(s) seguinte(s) coleção(ões)


Mostrar registro completo

Percorrer



  • O autor é titular dos direitos autorais dos documentos disponíveis neste repositório e é vedada, nos termos da lei, a comercialização de qualquer espécie sem sua autorização prévia.
    Projeto gráfico elaborado pelo Caixola - Clube de Criação Fabico/UFRGS Powered by DSpace software, Version 1.8.1.