Repositório Digital

A- A A+

Consulta ginecológica : o que os serviços oferecem e o que as usuárias procuram?

.

Consulta ginecológica : o que os serviços oferecem e o que as usuárias procuram?

Mostrar registro completo

Estatísticas

Título Consulta ginecológica : o que os serviços oferecem e o que as usuárias procuram?
Outro título Gynecological consultation : what services offer and what users seek
Autor Santos, Maria Rejane Rosa dos
Orientador Oliveira, Dora Lúcia Leidens Corrêa de
Data 2014
Nível Mestrado
Instituição Universidade Federal do Rio Grande do Sul. Escola de Enfermagem. Programa de Pós-Graduação em Enfermagem.
Assunto Atenção primária à saúde
Ginecologia
Integralidade em saúde
Referência e consulta
Saúde da mulher
[en] Gynecology
[en] Health promotion
[en] Integrality in health
[en] Primary health care
[en] Women’s health
[es] Atención primaria en salud
[es] Ginecología
[es] Integralidad en salud
[es] Promoción de la salud
[es] Salud de la mujer
Resumo Essa dissertação resultou de uma pesquisa qualitativa, do tipo exploratório-descritiva, que objetivou analisar o atendimento ofertado em consultas ginecológicas no âmbito da atenção básica, considerando seu potencial para produzir integralidade em saúde e os marcadores de qualidade do cuidado, segundo os “modos de ver” de usuárias e de profissionais. Os dados foram coletados por meio de grupos focais e entrevistas realizadas com usuárias e profissionais de Estratégias de Saúde da Família de Porto Alegre. A análise sugere que as usuárias procuram a consulta ginecológica prioritariamente para atender a interesses compatíveis com a dimensão biológica do cuidado, o que parece traduzir necessidades de acesso a tecnologias duras e valorização do saber especialista. No aprofundamento da análise emergiram, contudo, outros interesses e necessidades que acompanham a busca por um atendimento especificamente técnico, os quais foram interpretados como expressão de uma valorização das tecnologias leves de cuidado. A necessidade de serem escutadas em um cenário pautado pelo diálogo e pelo vínculo com o profissional que realiza a consulta ginecológica apareceu com destaque como evidência empírica desta valorização. Quanto ao atendimento ofertado, os dados sugerem que as necessidades identificadas pelos serviços como de natureza ginecológica são atendidas não apenas nas consultas ginecológicas, mas por meio da realização de grupos específicos e no que tem sido chamado de consulta de saúde da mulher. Esta última modalidade de atendimento se propõe a ampliar o escopo da consulta ginecológica, incluindo outras questões e necessidades para além do que pode ser atendido por tecnologias duras, como é o caso do exame ginecológico. Apesar da importância desta ampliação para a efetivação da integralidade da atenção, os benefícios da oferta de diferentes espaços de atendimento ginecológico numa mesma rede assistencial devem ser vistos com cautela. Isto pode fragmentar a atenção, dificultando sua necessária articulação com a gestão e comprometendo o potencial dos serviços para atender ao princípio da integralidade em saúde.
Abstract This dissertation is the result of a qualitative, exploratory and descriptive research, which aimed to analyze the care offered in gynecological consultations in primary care, considering their potential for full health and quality of care markers, according to the users and professionals look. Data were collected through focus groups and interviews with users and professionals of Health Family Strategies of Porto Alegre. The analysis suggests that users seek gynecological priority to meet the interests compatible with the biological dimension of care, which seems to translate needs access to hard technologies and enhancement of knowledge expert. In the analysis of the deepening emerged, however, other interests and needs that accompany the search for a specifically technical support, which were interpreted as an expression of appreciation of soft technologies of the care. The need to be heard in a scenario based on dialogue and the relationship with the professional who performs the gynecologist has been spotlighted as empirical evidence of this valuation. About the service offered, the data suggest that the needs identified by services such as gynecological are met not only in gynecological consultations, but through the realization of specific groups and in what has been called the health consultation of women. The latter type of service is proposed to widen the scope of gynecological care, including other issues and needs beyond what can be met by hard technologies, such as the gynecological examination. Despite the importance of this increase to the effectiveness of integrated care the benefits of offering different spaces of gynecological care in the same care network should be viewed with caution. This can fragment the attention, hindering their necessary link with the management and undermining the potential of services to meet the principle of integrality in health.
Resumen Esta tesis es resultado de una investigación cualitativa, exploratoria y descriptiva, que tenía como objetivo analizar la atención que se ofrece en las consultas ginecológicas en la atención primaria, teniendo en cuenta sus posibilidades de integralidad en salud y los marcadores de la calidad de atención, de acuerdo a las formas de ver de los usuarios y profesionales. Los datos fueron recolectados a través de grupos focales y entrevistas con los usuarios y los profesionales de las estrategias de salud de la familia de Porto Alegre. El análisis sugiere que los usuarios buscan prioridad ginecológica para satisfacer los intereses compatibles con la dimensión biológica de la atención, lo que parece traducir las necesidades de acceso a las tecnologías duras valorando el conocimiento experto. En la profundización del análisis surgió, sin embargo, otros intereses y necesidades que acompañan a la búsqueda de un tratamiento específicamente técnico, que fueron interpretados como una expresión de aprecio por tecnologías blandas de cuidado. La necesidad de ser escuchadas en un escenario basado en el diálogo y la relación con el profesional que realiza la consulta ginecológica se ha puesto de relieve como evidencia empírica de esta recuperación. Del servicio ofrecido, los datos sugieren que las necesidades identificadas por los servicios como de naturaleza ginecológica se cumplan no sólo en las consultas ginecológicas, sino a través de la realización de grupos específicos y en lo que se ha llamado de consulta de salud de las mujeres. Este último tipo de servicio, se propone ampliar el alcance de la consulta ginecológica, incluyendo otras cuestiones y necesidades más allá de lo que pueden ser atendidas por las tecnologías duras, tales como el examen ginecológico. A pesar de la importancia de este aumento de la eficacia de la integralidad de la atención, los beneficios de ofrecer diferentes espacios de atención ginecológica en la misma red de atención deben tomarse con cautela. Esto puede fragmentar la atención, lo que dificulta su necesaria vinculación con la gestión y comprometiendo así el potencial de los servicios para cumplir con el principio de la integralidad en salud.
Tipo Dissertação
URI http://hdl.handle.net/10183/112018
Arquivos Descrição Formato
000953444.pdf (2.278Mb) Texto completo Adobe PDF Visualizar/abrir

Este item está licenciado na Creative Commons License

Este item aparece na(s) seguinte(s) coleção(ões)


Mostrar registro completo

Percorrer



  • O autor é titular dos direitos autorais dos documentos disponíveis neste repositório e é vedada, nos termos da lei, a comercialização de qualquer espécie sem sua autorização prévia.
    Projeto gráfico elaborado pelo Caixola - Clube de Criação Fabico/UFRGS Powered by DSpace software, Version 1.8.1.