Repositório Digital

A- A A+

Trajetórias terapêuticas e redes sociais de pacientes portadores de câncer : assimetrias no atendimento em um município da região Noroeste do Rio Grande do Sul

.

Trajetórias terapêuticas e redes sociais de pacientes portadores de câncer : assimetrias no atendimento em um município da região Noroeste do Rio Grande do Sul

Mostrar registro completo

Estatísticas

Título Trajetórias terapêuticas e redes sociais de pacientes portadores de câncer : assimetrias no atendimento em um município da região Noroeste do Rio Grande do Sul
Autor Rotoli, Adriana
Orientador Gerhardt, Tatiana Engel
Data 2007
Nível Mestrado
Instituição Universidade Federal do Rio Grande do Sul. Escola de Enfermagem. Programa de Pós-Graduação em Enfermagem.
Assunto Acesso aos serviços de saúde
Neoplasias
Regionalização : Rio Grande do Sul
Saúde pública
Serviços de saúde : Utilização
Sistema Único de Saúde.
Terapêutica
[en] Access to health services
[en] Health services: utilization
[en] Public health
[en] Regional approach: Rio Grande do Sul
[en] Therapy
[es] Acceso a los servicios de salud
[es] Neoplasias
[es] Regionalización: Rio Grande do Sul
[es] Salud pública
[es] Servicios de salud: utilización
[es] SUS (BR)
[es] Terapéutica
Resumo A forma atual da organização local dos serviços de saúde motiva o desenvolvimento de estudos que explicitem a busca de cuidados terapêuticos, permitindo, assim, pensar a organização e funcionamento da rede de serviços de saúde com mais dinamismo, à qual as pessoas possam optar, ou outras formas de cuidado, que melhor resolvam seus problemas de saúde. A temática do presente estudo visa a estabelecer relações entre a rede de serviços de saúde disponíveis e as práticas e trajetórias terapêuticas de pacientes portadores de câncer,em um Município da região Noroeste do Estado do Rio Grande do Sul. O presente estudo tem por objetivo conhecer e caracterizar essa rede, bem como a utilização de serviços e as trajetórias e práticas terapêuticas dos usuários portadores de câncer, no Município referido. É um estudo exploratório, descritivo, de abordagem qualitativa, com uso de entrevistas a 13 sujeitos cadastrados na Liga Feminina de Combate ao Câncer do Município. As entrevistas identificaram problemas em relação ao modelo de atenção e de gestão da saúde, revelados pelas dificuldades que os sujeitos apresentam em suas trajetórias terapêuticas, com vários caminhos traçados para encontrar o tratamento adequado. Desta forma, também foram muitas as práticas terapêuticas procuradas pelos sujeitos, devido às dificuldades de atendimento na rede de assistência à saúde do Município. Os resultados apontaram para a necessidade de problematizar junto aos gestores, trabalhadores de saúde, prestadores de serviço e instâncias de controle social do Sistema Único de Saúde, a oferta de serviços de saúde tanto no âmbito municipal, quanto regional. Para a efetivação de um atendimento integral, é importante que os serviços de saúde se organizem para atender às necessidades definidas pelos sujeitos, no sentido de minimizar as assimetrias no atendimento à atenção oncológica, como também a outras especialidades.
Resumen La forma actual de la organización de los servicios de salud, motiva el desarrollo de estudios que expliciten la búsqueda de cuidados terapéuticos, permitiendo así pensar la organización y el funcionamiento de la red de servicios de salud con más dinamismo, en la cual las personas puedan optar por servicios de salud o otras formas de cuidado, que mejor resuelvan sus problemas de salud. La temática del presente estudio visa, establecer una relación entre la red de servicios de salud disponibles y las prácticas y trayectorias terapéuticas de pacientes portadores de cáncer en la municipalidad, provincia de Rio Grande do Sul. El presente estudio tiene, el objetivo de conocer y caracterizar la red de servicios de salud disponible, la utilización de servicios y las trayectorias y prácticas terapéuticas de usuarios portadores de cáncer en aquella municipalidad. Es un estudio exploratorio, descriptivo de abordaje cualitativo, con aplicación de entrevistas a 13 sujetos registrados en la Liga Femenina de Combate al Cáncer de la Municipalidad. Las entrevistas demuestran problemas con relación al modelo de atención y de gestión de la salud, revelados por las dificultades que los sujetos presentan en sus trayectorias terapéuticas con varios caminos trazados para encontrar el tratamiento adecuado. De esta forma, también fueron varias las prácticas terapéuticas buscadas por los sujetos debido a las dificultades de atención en la red de asistencia a la salud de la municipalidad. Los resultados apuntan para la necesidad de tratar el problema junto a los gestores, trabajadores de salud, prestadores de servicio e instancias de control social del SUS, la oferta de servicios de salud tanto en el ámbito municipal como en el regional. Para los efectos de una atención integral, es importante que los servicios de salud se organicen para atender las necesidades en salud definidas por los sujetos en el sentido de minimizar las asimetrías en la atención oncológica, como también en otras especialidades.
Abstract The current configuration of the health services organization, is reason for the development of studies that specify the search for therapeutic care, thus allowing thinking over the organization and operation of the health services network in a more dynamic way so that people may choose health services or other care alternatives that best solve their health problems. The theme of this study aims at establishing a relationship between the available network of health services and the therapy practices and trajectories of patients with cancer in the municipality, state of Rio Grande do Sul. This study has therefore the objective of learning and characterizing the available network of health services, the utilization of services and the therapy trajectories and practices of users with cancer in the studied municipality. It is an exploratory, descriptive study of qualitative approach with the application of interviews with 13 subjects enrolled in the Feminine League for Coping Cancer in the municipality. The interviews demonstrate problems regarding the model of health care and management, revealed by the difficulties that the subjects present over their therapy trajectories with several ways to be traced in order to find the proper treatment. The subjects also searched for several therapy practices due to the care difficulties in the local health care network. The results point out to the need of raising the problem of the offer of health services both in the municipal and in the regional range with the management staff, health workers, services professionals and sectors of social control of the SUS. In order to perform an integral care, it is important that the health services get organized in order to meet the health needs as defined by the subjects in the sense of minimizing the asymmetries in the attendance of oncological care as well as of other specialties.
Tipo Dissertação
URI http://hdl.handle.net/10183/11265
Arquivos Descrição Formato
000610676.pdf (710.8Kb) Texto completo Adobe PDF Visualizar/abrir

Este item está licenciado na Creative Commons License

Este item aparece na(s) seguinte(s) coleção(ões)


Mostrar registro completo

Percorrer



  • O autor é titular dos direitos autorais dos documentos disponíveis neste repositório e é vedada, nos termos da lei, a comercialização de qualquer espécie sem sua autorização prévia.
    Projeto gráfico elaborado pelo Caixola - Clube de Criação Fabico/UFRGS Powered by DSpace software, Version 1.8.1.