Repositório Digital

A- A A+

Comportamento mecânico e eletroquímico do aço API 5CT P110 em água do mar sintética com e sem a adição de Na2S2O3

.

Comportamento mecânico e eletroquímico do aço API 5CT P110 em água do mar sintética com e sem a adição de Na2S2O3

Mostrar registro completo

Estatísticas

Título Comportamento mecânico e eletroquímico do aço API 5CT P110 em água do mar sintética com e sem a adição de Na2S2O3
Autor Simoni, Leonardo
Orientador Malfatti, Célia de Fraga
Data 2014
Nível Graduação
Instituição Universidade Federal do Rio Grande do Sul. Escola de Engenharia. Curso de Engenharia Metalúrgica.
Assunto Engenharia metalúrgica
[en] API 5CT P110 steel
[en] Calcareous deposit
[en] Cathodic protection
[en] Hydrogen embrittlement
Resumo O presente trabalho avaliou o comportamento mecânico e eletroquímico do aço API 5CT P110 em água do mar sintética e em solução contendo 0,5 M NaCl, em presença ou ausência de tiossulfato de sódio (Na2S2O3) na solução. Para isso, foram realizados ensaios de tração pelo método de baixa taxa de deformação e ensaios de polarização potenciostáticos, obtendo-se curvas tensão vs deformação e curvas de polarização, respectivamente. A aplicação de certos potenciais em água do mar proporcionou condições para a formação de depósitos calcários na superfície dos corpos de prova que influenciaram a fragilização do material. Análises fractográficas foram realizadas como forma de caracterizar os processos de fragilização e análises químicas foram utilizadas para caracterizar o depósito calcário formado em água do mar sintética. Com isso, pode-se determinar qual o efeito das variáveis na formação do depósito calcário e na fragilização do material, além de verificar quais condições são mais danosas e de maior risco para a utilização do material.
Abstract This study evaluated the mechanical and electrochemical behaviour of API 5CT P110 steel in artificial seawater and in 0,5 M NaCl containing solution in the presence or absence of sodium thiosulfate (Na2S2O3) in solution. So, tensile tests using the slow strain-rate method and potentiostatic polarisation tests were performed, obtaining the stress vs strain and polarisation curves, respectively. The application of some potentials in artificial seawater provided conditions for the formation of calcareous deposits on the samples surface which influenced the material embrittlement. Fractographic analysis were performed in order to characterize the embrittlement process and chemical analysis were used to characterize the calcareous deposits formed in artificial seawater. Finally, it was possible to determinate the effect of variables in the calcareous deposit formation and in the material embrittlement and also determinate which were the most damaging and highest risks conditions for the use of this material.
Tipo Trabalho de conclusão de graduação
URI http://hdl.handle.net/10183/114479
Arquivos Descrição Formato
000953392.pdf (2.770Mb) Texto completo Adobe PDF Visualizar/abrir

Este item está licenciado na Creative Commons License

Este item aparece na(s) seguinte(s) coleção(ões)


Mostrar registro completo

Percorrer



  • O autor é titular dos direitos autorais dos documentos disponíveis neste repositório e é vedada, nos termos da lei, a comercialização de qualquer espécie sem sua autorização prévia.
    Projeto gráfico elaborado pelo Caixola - Clube de Criação Fabico/UFRGS Powered by DSpace software, Version 1.8.1.