Repositório Digital

A- A A+

Vivências de mulheres que consomem crack

.

Vivências de mulheres que consomem crack

Mostrar registro completo

Estatísticas

Título Vivências de mulheres que consomem crack
Outro título Experiences of women who use crack
Outro título Vivencias de mujeres que consumen crack
Autor Cruz, Vania Dias
Oliveira, Michele Mandagará de
Coimbra, Valéria Cristina Christello
Kantorski, Luciane Prado
Pinho, Leandro Barbosa de
Oliveira, Jeane Freitas de
Resumo Objetivou-se conhecer as vivências de mulheres que consomem crack. Pesquisa qualitativa, realizada por meio de entrevista semiestruturada, com 16 mulheres cadastradas na Estratégia de Redução de Danos de Pelotas, RS, Brasil, em 2012. Para análise dos resultados, utilizou-se a análise de conteúdo, na modalidade análise temática, sob a ótica das relações de gênero. Os resultados foram agrupados em duas categorias: Preconceito, prostituição e situações de criminalidade e Relações familiares e de amizade. Identificaram-se mulheres rotuladas pela sociedade como criminosas e que sofrem com situações de preconceito diariamente, por não apresentarem comportamentos sociais e culturalmente esperados para as mulheres, como sexo dócil e frágil. Eventos desfavoráveis durante a infância foram constatados, no entanto, identificou-se uma rede de solidariedade entre as pessoas que consomem essa droga. A partir do gênero, pode-se perceber a organização concreta e simbólica da vida social dessas mulheres e as conexões de poder nas relações entre os sexos.
Abstract This study aimed to understand better the experiences of women who consume crack. It is a qualitative research conducted through a semi-structured interview with 16 women registered in the Estratégia de Redução de Danos de Pelotas/RS [Harm Reduction Strategy of Pelotas/RS/Brazil], in 2012. For data analysis, one used the content analysis, in the modality thematic analysis, from the perspective of gender relations. The results were grouped into two categories: prejudice, prostitution and crime situations and family and friends relationships. One identified women labeled by society as criminals who suffer daily with situations of prejudice, for not having a behavior socially and culturally expected for women, such as being docile and fragile. Adverse events during childhood were identified, however, there was a network of solidarity among people who consume this drug. Based on genders, it can be seen the concrete and symbolic organization of these women’s social life and the connections of power in gender relations.
Resumen El objetivo fue conocer experiencias de mujeres que consumen crack. Investigación cualitativa, por medio de entrevista semiestructurada, con 16 mujeres registradas en la Estrategia de Reducción de Daños de Pelotas, RS, Brasil, en 2012. Para análisis de los resultados, se utilizó el análisis de contenido, en la modalidad análisis temático, basada en las relaciones de género. Los resultados se agruparon en dos categorías: Prejuicios, prostitución y situaciones de criminalidad y Relaciones familiares y de amistad. Se identificaron mujeres etiquetadas por la sociedad como criminosas y que sufren con situaciones cotidianas de prejuicios, por no presentaren comportamientos sociales y culturalmente esperados para mujeres, como docilidad y fragilidad. Eventos desfavorables en la niñez fueron constatados, sin embargo, hay una red de solidaridad entre aquellas que consumen esta droga. Del género, se percibe organización concreta y simbólica de la vida social de estas mujeres y conexiones de poder en las relaciones de género.
Contido em Revista RENE: Revista da Rede de Enfermagem do Nordeste. Vol. 15, n. 4 (jul./ago. 2014), p. 639-649
Assunto Cocaína crack
Identidade de gênero
Mulheres
Usuários de drogas
[en] Crack cocaine
[en] Drug Users
[en] Gender identity
[en] Women
[es] Consumidores de drogas
[es] Identidad de género
[es] Mujeres
Origem Nacional
Tipo Artigo de periódico
URI http://hdl.handle.net/10183/114789
Arquivos Descrição Formato
000956241.pdf (266.4Kb) Texto completo Adobe PDF Visualizar/abrir

Este item está licenciado na Creative Commons License

Este item aparece na(s) seguinte(s) coleção(ões)


Mostrar registro completo

Percorrer



  • O autor é titular dos direitos autorais dos documentos disponíveis neste repositório e é vedada, nos termos da lei, a comercialização de qualquer espécie sem sua autorização prévia.
    Projeto gráfico elaborado pelo Caixola - Clube de Criação Fabico/UFRGS Powered by DSpace software, Version 1.8.1.