Repositório Digital

A- A A+

Fatores associados ao nascimento de pequenos para a idade gestacional em adolescentes com idade menor ou igual a 15 anos

.

Fatores associados ao nascimento de pequenos para a idade gestacional em adolescentes com idade menor ou igual a 15 anos

Mostrar registro completo

Estatísticas

Título Fatores associados ao nascimento de pequenos para a idade gestacional em adolescentes com idade menor ou igual a 15 anos
Autor Alves, Maria Francisca Alves
Orientador Corleta, Helena von Eye
Data 2014
Nível Doutorado
Instituição Universidade Federal do Rio Grande do Sul. Faculdade de Medicina. Programa de Pós-Graduação em Medicina: Ciências Médicas.
Assunto Estado nutricional
Gravidez na adolescência
Recém-nascido de baixo peso
Recém-nascido pequeno para a idade gestacional
[en] Intrauterine growth restriction
[en] Low birth weight
[en] Nutritional status
[en] Small for gestational age
[en] Teenage pregnancy
Resumo Introdução: A gravidez na adolescência é considerada um problema de saúde pública pela alta prevalência e morbimortalidade para a mãe e filho, principalmente em adolescentes mais jovens. Objetivo: Analisar a associação entre os fatores para neonatos pequenos para a idade gestacional. Metodologia: Estudo transversal com uma amostra de 364 puérperas adolescentes com idade menor ou igual a 15 anos, que tiveram parto na maternidade do Hospital da Santa Casa de Misericórdia do Pará (Brasil) entre Fevereiro de 2012 a Março de 2013. As adolescentes foram divididas em dois grupos: grupo com neonato pequeno para a idade gestacional (PIG) e grupo com não pequeno para a idade gestacional (NPIG). Foram coletados dados sócio-demográficos, clínicos, de assistencia ao pré-natal, do parto, do puerpério e aferidas medidas antropométricas (prega triciptal e circunferência do braço). Utilizou-se o teste t-Student para comparação das variáveis contínuas entre amostras independentes e o teste do X2 para comparação de variáveis categóricas. Regressão de Poisson foi realizada para controle de fatores de confusão (análise multivariada). Resultados: No período de estudo, 8.153 mulheres tiveram partos naquela maternidade e dessas 487 (5,97%) eram adolescentes ≤15 anos, sendo 364 incluídas no estudo. A proporção de RN PIGs foi de 34,61%. O grupo de RNs PIG realizou menor número de consultas pré-natais (p=0,037), maior prevalência de estado nutricional classificado como “muito baixo peso” (p<0,001) e maior prevalência de parto vaginal (p=0,023) diferindo significativamente do grupo NPIG. O estado nutricional e parto normal permaneceram significativos mesmo após ajuste de fatores de confusão. O risco de prevalência para nascimento de RN PIG foi 30% maior no grupo de mães classificadas como “muito baixo peso” através da escala de referencia de Frisancho para avaliação do estado nutricional. (RP 1,30 IC 95% 1,13-1,50) (p<0,001). Conclusão: Em nosso estudo, 15.4% das adolescentes ≤ 15 anos apresentava circunferência braquial compatível com o diagnóstico “muito baixo peso” pela escala de Frisancho, demonstrando elevada prevalência de baixo estado nutricional materno nessa faixa etária. O nascimento de RN PIG em adolescentes ≤ 15 anos de idade está independentemente associado ao estado nutricional materno classificado como “muito baixo peso” pela medida da circunferência braquial.
Abstract Introducion: Adolescent pregnancy is considered a public health problem by the high prevalence, morbidity and mortality for mother and child, especially in younger adolescents. Objective: This study aimed to analyze the factors associated to the birth of small for gestational age. Methodology: Cross-sectional study with a sample of 364 postpartum adolescents younger or equal to 15 years old, who gave birth in the maternity of Hospital da Santa Casa de Misericórdia of Pará (Brazil) between February 2012 and March 2013. The adolescents were divided into two groups: those who gave birth to small for gestational age (SGA) and those who gave birth to non-small for gestational age (NSGA). Socio-demographic, clinical, prenatal care, delivery and postpartum data were collected and anthropometric measures were taken (triceps skinfold and mid-arm circumference). The Student’s t test was used to compare continuous variables in independent samples and the X2 test to compare categorical variables. Poisson regression was performed to control confounding factors (multivariate analysis). Results: During the study period, 8,153 women gave birth at that maternity, 487 (5.97%) were adolescents ≤ 15 years, from these 364 were enrolled in the study. The proportion of SGA was 34.61%. The group SGA held fewer prenatal visits (p = 0.037), higher prevalence of nutritional status classified as "very low weight" (p <0.001) and vaginal delivery (p = 0.023),significantly different from the group NSGA. The nutritional status and vaginal delivery remained significant even after adjustment for confounders. The prevalence risk for SGA birth was 30% higher in the group of mothers classified as "very low weight” by Frisancho reference scale for assessment of nutritional status. (PR 1.30 95% CI 1.13 to 1.50) (p <0.001). Conclusion: In our study, 15.4% of adolescents ≤ 15 years had arm circumference compatible with the "very low weight" condition, demonstrating the high prevalence of poor maternal nutrition status in this group. The birth of SGA among adolescents ≤ 15 years of age is independently associated to maternal nutritional status classified as "very low weight" by the mid-arm circumference measure.
Tipo Tese
URI http://hdl.handle.net/10183/115010
Arquivos Descrição Formato
000955845.pdf (750.7Kb) Texto parcial Adobe PDF Visualizar/abrir

Este item está licenciado na Creative Commons License

Este item aparece na(s) seguinte(s) coleção(ões)


Mostrar registro completo

Percorrer



  • O autor é titular dos direitos autorais dos documentos disponíveis neste repositório e é vedada, nos termos da lei, a comercialização de qualquer espécie sem sua autorização prévia.
    Projeto gráfico elaborado pelo Caixola - Clube de Criação Fabico/UFRGS Powered by DSpace software, Version 1.8.1.