Repositório Digital

A- A A+

Estratigrafia em alta resolução aplicada a calcários microbiais : exemplo da formação salitre, supergrupo São Francisco - BA

.

Estratigrafia em alta resolução aplicada a calcários microbiais : exemplo da formação salitre, supergrupo São Francisco - BA

Mostrar registro completo

Estatísticas

Título Estratigrafia em alta resolução aplicada a calcários microbiais : exemplo da formação salitre, supergrupo São Francisco - BA
Autor Spohr, Ana Paula
Orientador Scherer, Claiton Marlon dos Santos
Data 2014
Nível Graduação
Instituição Universidade Federal do Rio Grande do Sul. Instituto de Geociências. Curso de Geologia.
Assunto Estratigrafia
Formação salitre
[en] High resolution stratigraphic
[en] Microbial limestone
Resumo A descoberta de gigantes campos de petróleo (seção “Pré-Sal” das Bacias de Campos e Santos) gerou um aumento na demanda por pesquisas relacionadas a rochas calcárias microbiais (microbialitos). Com isso, levantamentos geológicos aplicando conceitos de estratigrafia de sequência em alta resolução têm sido incentivados, pois permitem uma melhor compreensão da sucessão vertical de fácies e fornecem elementos para entender a geometria e arquitetura de reservatórios, análogos ou similares, constituindo ferramenta poderosa principalmente para a indústria de hidrocarbonetos. O presente estudo teve por objetivo a análise estratigráfica em alta resolução dos depósitos carbonáticos do Neoproterozoico, da base da Formação Salitre, em afloramentos da falésia do rio Preto, município de Palmeiras, região da Chapada Diamantina centro-oriental, Bahia. Os métodos utilizados foram análise estratigráfica, com aquisição de seções verticais e horizontais (fotomosaicos), descrições petrográficas, imageamento por microscopia eletrônica de varredura, análises quimioestratigráficas, utilizando um equipamento de fluorescência de Raios-X portátil, e análise sequencial em alta resolução. A área estudada é constituída predominantemente por fácies bioconstruídas, localizadas principalmente na base das seções, microbialitos estratiformes e maciços, estromatólitos – com morfologia levemente convexa a dômica - e laminito crenulado. Associada aos microbialitos há ocorrência de brecha. No topo dos perfis são descritos laminitos, mudstones, grainstones e rudstones. Estas fácies se organizam em três associações de fácies distintas: (1) associação de fácies de rampa interna - intermaré/inframaré proximal; (2) associação de fácies de rampa interna – inframaré distal; e (3) rampa intermediária, indicando um aprofundamento da lâmina d´água em direção ao topo. Ciclos elementares e ciclos de pequena e média escala foram identificados na base dos perfis, a partir da alternância morfológica dos microbialitos, da sucessão vertical das associações de fácies e da assinatura dos perfis quimioestratigráficos. Estes ciclos formam tendências progradacionais e retrogradacionais e têm espessuras centimétricas a métricas, constituindo assim ciclos de alta frequência, em diferentes escalas. Sugere-se que o principal fator controlador da formação desses ciclos são as variações climáticas.
Abstract The discovery of giant oil fields (the "pre-salt" areas of Campos and Santos basins) has brought an increase in the demand for research related to microbial limestone (microbialites). Thus, geological surveys by applying sequence stratigraphy concepts at high resolution have been demanded, as they allow a better understanding of the vertical succession of facies and provide feedback to understand the geometry and reservoir architecture, analogous or similar, providing a powerful tool mainly for hydrocarbon industry. This study aimed to carry out a high resolution stratigraphic analysis of Neoproterozoic carbonate deposits, from the base of the Salitre Formation in outcrops near the Preto river, Palmeiras, Chapada Diamantina central-eastern, Bahia, Brazil. The methods used in this study were stratigraphic analysis, with the acquisition of vertical and horizontal sections (photomosaics), petrographic descriptions, imaging by scanning electron microscopy, chemostratigraphy analysis using portable fluorescence X-ray equipment and high resolution sequence analysis. The study area consists predominantly by microbialites, located mainly on the sections’ basis: stratiform and massive forms, stromatolites - with slightly convex dome-type morphology - and crenulate laminite. There were occurrence of breccia associated to microbialites. At the top of the profiles, laminite, mudstones, grainstones and rudstones are described. These facies are organized in three distinct facies associations: (1) facies association of inner ramp - intertidal / proximal subtidal; (2) inner ramp facies association - distal subtidal; and (3) middle ramp, indicating a deepening the sea level toward the top. Elementary cycles and small and medium scale cycles were identified on the basis of profiles, from the morphological alternation of microbialites, the vertical succession of facies associations and the signing of chemostratigraphy profiles. These cycles form progradational and retrogradacionais trends and have centimetric to metric thicknesses, thus constituting high-frequency cycles, at different scales. It is suggested that the main factor controlling the formation of these cycles are climate variations.
Tipo Trabalho de conclusão de graduação
URI http://hdl.handle.net/10183/115294
Arquivos Descrição Formato
000963471.pdf (12.00Mb) Texto completo Adobe PDF Visualizar/abrir

Este item está licenciado na Creative Commons License

Este item aparece na(s) seguinte(s) coleção(ões)


Mostrar registro completo

Percorrer



  • O autor é titular dos direitos autorais dos documentos disponíveis neste repositório e é vedada, nos termos da lei, a comercialização de qualquer espécie sem sua autorização prévia.
    Projeto gráfico elaborado pelo Caixola - Clube de Criação Fabico/UFRGS Powered by DSpace software, Version 1.8.1.