Repositório Digital

A- A A+

Cálculo de Kt/V em hemodiálise : comparação entre fórmulas

.

Cálculo de Kt/V em hemodiálise : comparação entre fórmulas

Mostrar registro completo

Estatísticas

Título Cálculo de Kt/V em hemodiálise : comparação entre fórmulas
Outro título Calculation of Kt/V in haemodialysis : a comparison between the formulas
Autor Breitsameter, Guilherme
Figueiredo, Ana Elizabeth Prado de Lima
Kochhann, Daiana Saute
Resumo Introdução: A qualidade da diálise oferecida aos pacientes em diálise pode ser mensurada pelo Kt/V, o qual pode ser calculado de diversas maneiras. Objetivo: Comparar os resultados de Kt/V obtidos por meio das fórmulas de Lowrie (L) e de Daugirdas (D) com os resultados mensurados pelo monitor de clearence on-line – Online Clearence Monitor (OCM). Método: Estudo observacional transversal com 59 pacientes em hemodiálise (HD). Os dados foram coletados na mesma sessão de diálise: (ureia pré-diálise e pós-diálise) e o resultado de Kt/V foi obtido pelo OCM da máquina Fresenius 4008S (Fresenius Medical Care AG, Bad Homburg, Alemanha). Resultado: Foram analisadas 95 sessões, em que prevaleceu o sexo masculino, 56% (33), com idade média de 57 + 14 anos. A hipertensão arterial com 42% (25), diabetes com 12% (7) e glomerulonefrite com 8% (5) foram as causas mais frequentes da doença renal crônica (DRC). O Kt/V médio obtido pela fórmula de L, de D e pelo OCM foi de 1,31; 1,41 e 1,32, respectivamente. A comparação entre as fórmulas de L e D mostra que há diferença estatística p = 0,008 com a correlação de Pearson de 0,950. Entre D e OCM a diferença também é significativa: p = 0,011 e r = 0,346, provavelmente devido a perda convectiva, avaliada pela equação de D e não observadas por OCM e L. A comparação entre L e OCM não foi significativa p = 0,999 e r = 0,577. Conclusão: Os dados sugerem que o OCM pode ser utilizado como um norteador para ajuste da dose de diálise em tempo real.
Abstract Introduction: The quality of delivered dialysis can be measured by the Kt/V ratio, which can be calculated in various ways. Objective: To compare the Kt/V ratio obtained with the formulas of Lowrie (L) and Daugirdas (D) with the results measured by an Online Clearance Monitor (OCM). Method: Observational, cross-sectional study of 59 patients on hemodialysis (HD). Data were collected in the same dialysis session (predialysis and postdialysis urea) and Kt/V was calculated by the OCM of the Fresenius 4008S machine (Fresenius Medical Care AG, Bad Homburg, Germany). Results: A total of 95 sessions were assessed, with a predominance of males 56% (33), and a sample mean age of 57 + 14 years. Hypertension (42%; n = 25), diabetes (12%; n = 7) and glomerulonephritides (8%; n = 5) were the most frequent causes of chronic kidney disease (CKD). Mean Kt/V values obtained with the L and D formulas and the OCM were 1.31, 1.41 and 1.32, respectively. Comparison between the L and D formulas showed a statistically significant difference (p = 0.008), with a Pearson`s correlation of 0.950. The difference between the D formula and the OCM was also significant (p = 0.011 and r = 0.346), probably due to convective loss, estimated by the D formula but not by the OCM and L formula. The difference between the L formula and the OCM was not significant (p = 0.999 and r = 0.577). Conclusion: These data suggest that the OCM can be used as a guide to the real-time adjustment of the dialysis dose.
Contido em Jornal brasileiro de nefrologia = Brazilian journal of nephrology. Vol. 34, n. 1 (jan./mar. 2012), p. 22-26
Assunto Creatinina
Proteinúria
Urina
[en] Dialysis
[en] Quality control
[en] Renal insufficiency chronic
Origem Nacional
Tipo Artigo de periódico
URI http://hdl.handle.net/10183/115382
Arquivos Descrição Formato
000943709.pdf (130.2Kb) Texto completo Adobe PDF Visualizar/abrir

Este item está licenciado na Creative Commons License

Este item aparece na(s) seguinte(s) coleção(ões)


Mostrar registro completo

Percorrer



  • O autor é titular dos direitos autorais dos documentos disponíveis neste repositório e é vedada, nos termos da lei, a comercialização de qualquer espécie sem sua autorização prévia.
    Projeto gráfico elaborado pelo Caixola - Clube de Criação Fabico/UFRGS Powered by DSpace software, Version 1.8.1.