Repositório Digital

A- A A+

O pai em psicanálise : interrogações acerca das instâncias real, simbólica e imaginária da função paterna

.

O pai em psicanálise : interrogações acerca das instâncias real, simbólica e imaginária da função paterna

Mostrar registro completo

Estatísticas

Título O pai em psicanálise : interrogações acerca das instâncias real, simbólica e imaginária da função paterna
Outro título The father in psychoanalysis : interrogations about real, symbolic and imaginary instances of the paternal function
Outro título El padre en psicoanálisis : interrogaciones respecto a las instancias real, simbólica e imaginaria de la función paterna
Autor Betts, Mariana Kraemer
Weinmann, Amadeu de Oliveira
Palombini, Analice de Lima
Resumo A pergunta acerca do pai permanece central na experiência analítica desde Freud até os dias de hoje. O presente trabalho tem como objetivo discorrer sobre o papel que exercem as diferentes instâncias da função paterna – pai real, pai simbólico, pai imaginário e Nome-do-Pai – na constituição de um sujeito, articulando- -as com um caso clínico. Para tanto, parte-se da escrita de tal experiência clínica e dos interrogantes suscitados por ela. A seguir, buscamos delinear alguns desdobramentos que tais conceitos tiveram na obra de Lacan, realçando que, se por um lado a teorização da problemática paterna esteve em permanente deslocamento ao longo dos seminários desse psicanalista, por outro a articulação entre seus distintos elementos permaneceu como uma exigência conceitual irrevogável. A interdependência das diferentes instâncias com relação ao que elas operam na estruturação do sujeito e a formulação lacaniana da estrutura borromeana RSI apontam para a importância clínica de considerar as instâncias paternas de forma enlaçada.
Abstract The question about the father in the analytical experience remains central from Freud until today. The objective of the present article is to discuss the role that the different instances of the paternal function – the real father, the symbolic father, the imaginary father and the Name-of-the-Father – have in the constitution of the subject and in a clinical practice. The article begins with the writing of a clinical experience and the questions it brings forth. Next, we outline some of the developments that such concepts had in Lacan’s work, highlighting the fact that while his theorization of the paternal problematic shifted permanently throughout his seminars, the articulation between its different elements remained an irrevocable conceptual requirement. The interdependence of these different instances in relation to what they operate in the structuring of the subject and the lacanian formulation of the Borromean RSI point to the clinical importance of considering the paternal instances in an interlaced way.
Resumen La pregunta acerca del padre sigue siendo central en la experiencia analítica, desde Freud hasta los días vigentes. El presente ensayo tiene como propósito discurrir respecto al papel que ejercen las distintas instancias de la función paterna – padre real, padre simbólico, padre imaginario y Nombre-del-Padre – en la constitución de un sujeto, articulándolas a un caso clínico. Para tal se parte de la escrita de dicha experiencia clínica y de los interrogantes suscitados por ella. A continuación, tratamos de señalar algunos desplazamientos que han tenido estos conceptos en la obra de Lacan, indicando que, si por un lado, la teorización de la problemática paterna se movió constantemente a lo largo de los seminarios de ese psicoanalista, por otro, la relación entre sus distintos elementos se mantuvo una cuestión conceptual irrevocable. La interdependencia de las distintas instancias respecto a lo que operan en la estructuración del sujeto y la formulación lacaniana de la estructura RSI borromeana apuntan la importancia clínica de considerar a las instancias paternas de forma enlazada.
Contido em Psicologia clínica. Rio de Janeiro, RJ. Vol. 26, n. 1 (jan./jun. 2014), p. 215-233.
Assunto Constituição do sujeito
Função paterna
Psicanálise
[en] Name-of-the-father
[en] Paternal function
[en] RSI
[es] Función paterna;
[es] Nombre-del-padre
Origem Nacional
Tipo Artigo de periódico
URI http://hdl.handle.net/10183/115625
Arquivos Descrição Formato
000942363.pdf (111.6Kb) Texto completo Adobe PDF Visualizar/abrir

Este item está licenciado na Creative Commons License

Este item aparece na(s) seguinte(s) coleção(ões)


Mostrar registro completo

Percorrer



  • O autor é titular dos direitos autorais dos documentos disponíveis neste repositório e é vedada, nos termos da lei, a comercialização de qualquer espécie sem sua autorização prévia.
    Projeto gráfico elaborado pelo Caixola - Clube de Criação Fabico/UFRGS Powered by DSpace software, Version 1.8.1.