Repositório Digital

A- A A+

Estilo de vida orgânico : pesquinventando o viver nos grandes centros urbanos

.

Estilo de vida orgânico : pesquinventando o viver nos grandes centros urbanos

Mostrar registro completo

Estatísticas

Título Estilo de vida orgânico : pesquinventando o viver nos grandes centros urbanos
Autor Fernandes, Frederico Kelbert
Orientador Bilibio, Luiz Fernando Silva
Data 2014
Nível Graduação
Instituição Universidade Federal do Rio Grande do Sul. Escola de Educação Física. Curso de Educação Física: Licenciatura.
Assunto Estilo de vida
Qualidade de vida
Saúde
[en] Anthropology
[en] Habit
[en] Organic
[en] Way of life
Resumo Este ensaio em forma de carta tem como tema a problematização do homem, seu modo de viver e a relação com o meio em que ele habita: as cidades. Trata-se de um estudo que propõem a seguinte reflexão: Seria possível um estilo de vida orgânico estar presente nos grandes centros urbanos? Um estilo de vida envolvendo costumes, hábitos e percepções do próprio ser humano vinculado às diversas manifestações de vida (cosmo, natureza e outros seres vivos). Desta reflexão desdobra num segundo questionamento: Como a educação física estaria relacionada a este estilo de vida? Uma forma de viver que tenta escapar das estratégias sistêmicas de padronização do ser, para que este possa perceber e refletir também sobre sua existência corporal, buscando um caminho que contemple o bem estar próprio e coletivo, incluindo todas as formas de vida que o cercam. Para tanto, o ensaio é o método de escrita escolhido, um tipo de pesquisinvenção que possibilita trazer a experiência, os acontecimentos e as vivências do autor, integrados a alguns estudos que dão sustentação à reflexão. O trabalho ocorre na suspeita de que ao ensaio é necessário encontrar uma prática de conhecimento que também fuja das verdades universais, de conceituações utilitárias, da ciência produtora de estabilidade e de sujeitos neutros. Trilhar um percurso de escrita e de vida ligados a physis; algo que chamo de ser orgânico.
Abstract This essay in shape of letter has as theme the problematization of the man, his way of living, and his relation with the environment: the city’s. It’s about a study who propose the mean reflexion: It’s possible that a organic way of living be present in the large urban centers? A way of living that involves mores, habits and perceptions of the own human bound with several manifestations of life (Cosmo, nature and others life’s). This reflexion leaves to a second questioning: How the physical education be related to this way of living? A way of living who try to scape of the systematic strategies of standardization, so the human can perceive and reflect about his body existence, searching for a path that contemplate his welfare and the good for others, including all life expressions around us. So, the essay is my chosen method of writing, one type of researchinvention that make possible to bring life experiences and events from the author and integrate with study’s that gives substation to the subject. The research suspect that for the essay is necessary to find a knowledge who “run away” from the universal truths, the utilitarian conceptualizations, the science who produce stability and neutral subjects. Walk in a “route” of writing and living, both connected more with the physis; something that I call it organic.
Tipo Trabalho de conclusão de graduação
URI http://hdl.handle.net/10183/116106
Arquivos Descrição Formato
000964707.pdf (966.5Kb) Texto completo Adobe PDF Visualizar/abrir

Este item está licenciado na Creative Commons License

Este item aparece na(s) seguinte(s) coleção(ões)


Mostrar registro completo

Percorrer



  • O autor é titular dos direitos autorais dos documentos disponíveis neste repositório e é vedada, nos termos da lei, a comercialização de qualquer espécie sem sua autorização prévia.
    Projeto gráfico elaborado pelo Caixola - Clube de Criação Fabico/UFRGS Powered by DSpace software, Version 1.8.1.